8 de dez. de 2013

Flávio Dino não esconde a ansiedade de se tornar o novo "inquilino" do Palácio dos Leões

O presidente da Embratur, Flávio Dino, demonstra cada vez mais estar contando as horas que possam torná-lo o novo ocupante do Palácio dos Leões. Neste sábado (07), ao receber uma condecoração do Jornal Cazumbá, no Hotel Luzeiros, pelas suas contribuições para o fortalecimento do turismo, ele disse que vai continuar prestando sua contribuição ao setor, mesmo fora do cargo que hoje ocupa no governo federal, de preferência quando "estiver num famoso endereço ali da Avenida Beira Mar", numa clara referência à sede do governo do estado. Pré-candidato a governador do estado, Flávio Dino deve se desincompatibilizar da Embratur em janeiro próximo para se dedicar de corpo e alma a este projeto de se tornar o sucessor de Roseana Sarney em 2014.
Quanto à premiação, ele disse que se sentiu honrado pela lembrança e destacou que nestes três anos em que esteve à frente da Embratur pôde conhecer mais a fundo a importância do turismo para o engrandecimento da economia de um país e o fortalecimento da cultura de um povo. Diante disto, prometeu continuar sendo um importante ator deste setor. Neste ponto do discurso fez a menção sobre a posição em que gostaria de estar nas novas investidas para o fortalecimento do turismo, a de governador do estado.

Nenhum comentário: