31 de dez. de 2013

São muitos os motivos para sonhar com um 2014 bom, basta acreditar e fazer a sua parte

GIRO ECONÔMICO

O ano de 2013 se despede levando consigo frustrações pelas ocorrências negativas na política, na economia, no esporte, mas deixa saldos positivos que alguns jamais esquecerão, pois nele foram abertas oportunidades que mudaram radicalmente a vida de muitas pessoas. Este editor contabiliza algumas boas conquistas e não lamenta os 365 anos que se passaram. Eis alguns motivos para sonhar com um 2014 melhor:
1.      O Sampaio Corrêa vai se dar bem na Série B do Campeonato Brasileiro, quem sabe subir para a Séria A
2.      A BR 135, palco de tragédias pelos constantes acidentes de trânsito, parece que finalmente vai ter um trecho de duplicação concluído
3.      Um governador com perfil jovem vai ser eleito. Será ele, o da oposição ou o da situação?
4.      A Copa do Mundo vai trazer alguns benefícios indiretos para o turismo maranhense
5.      O Maranhão poderá ser declarado território livre da Febre Aftosa e ingressar no mercado internacional do agronegócio
Pensando bem, se você fizer sua parte, vai ser o melhor de todos os anos. Acredite e aja.

EleiçõesNão apenas os políticos estarão envolvidos em disputas eleitorais em 2014, pois no meio empresarial também haverá eleição em duas das mais importantes entidades patronais do estado: Associação Comercial do Maranhão e a Federação do Comércio, com tendência de reeleição dos atuais presidentes – Luzia Rezende e José Arteiro da Silva - bem como haverá renovação no Sebrae-MA, que em dezembro deve escolher um novo presidente para suceder Cláudio Azevedo no Conselho Deliberativo.

RefinariaAs pessoas de bom senso sabiam que isto seria impossível para um empreendimento deste porte, mas o ex-presidente Lula, do alto dos seus conhecimentos em tudo, garantia que agora em 2014 seria inaugurada a Refinaria Premium I, em Bacabeira, porém as obras ainda não passaram da terraplenagem da área em que deverá ser construída. Muitos acreditam que este ano alguma coisa vai ser notada nesta obra. Afinal, tal como no ano de seu lançamento, este é ano de eleição, e voto, como petróleo, vale muito.

Salários - Em empresa isto é normal e até obrigatório, mas no serviço público às vezes é destacado como um grande feito: das conquistas obtidas em 2013, uma das mais festejadas pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior foi o fato de ter conseguido pagar os salários dos servidores em dia e destaca que São Luís foi uma das poucas capitais que conseguiram este feito. Que mantenha a regularidade em 2014.




O ano de 2013 foi de muitas conquistas para José Ribamar Ewerton, da Marewer, representante da Frimesa, que ganhou o Carrinho de Ouro da Amasp e foi reconhecida pela representada como um dos melhores parceiros. No registro, Ewerton (E) recebendo homenagem de Valter Vanzella, presidente da Frimesa


PassageirosDificilmente 2013 terá fechamento no movimento de passageiros no Aeroporto Cunha Machado superior a 2012, pois os números contabilizados até novembro mostram uma enorme diferença: foram 1.821 milhão em 2012 contra 1.591 milhão em igual período ano passado, ou seja, dezembro teria de registrar mais de 230 mil embarques e desembarques para o saldo ser positivo, mas vale destacar que no último mês de 2012 este movimento foi de 170 mil. É aguardar os números da Infraero.

DiversificaçãoA Rede Allia, formada pela Plaza e Bristol, que saiu de São Luís após a Solare se dissociar e ter passado suas unidades hoteleiras no Maranhão e no Pará para a BHG, estará de volta em 2014, com a inauguração de um hotel na Avenida Colares Moreira, no bairro do Renascença. O hotel pertence ao empresário Jeová Barbosa de Oliveira, da Jeová Engenharia, que planeja para este ano outras diversificações dos negócios, como, por exemplo, um hospital.

Nenhum comentário: