25 de abr de 2015

Governo amplia prazo para taxistas e motoristas com deficiência pedirem isenção de IPI na compra de veículos

GIRO ECONÔMICO

Os taxistas e as pessoas com deficiência terão mais prazo para pedir a isenção de impostos na compra de veículos. A Receita Federal ampliou, de 180 para 270 dias, a validade da autorização de aquisição de veículo sem o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). A extensão do prazo consta de instrução normativa editada quarta-feira (22), mas a Receita só explicou a mudança na noite de quinta-feira (23). De acordo com o Fisco, a ampliação foi necessária para dar mais tranquilidade aos taxistas e às pessoas com deficiência. Depois de conseguir a isenção do IPI, esses contribuintes tinham dificuldade de pedir aos governos estaduais a isenção do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre a compra de veículos. 
A autorização para isentar o IPI, tributo federal, é um documento necessário para requerer a isenção do ICMS, imposto de responsabilidade dos estados e do Distrito Federal. Para evitar o transtorno, que obrigava o contribuinte a reiniciar o processo na Receita Federal, o Fisco decidiu aumentar em 90 dias a validade da isenção do IPI nesses casos.

Limpeza  - Menos de 24 horas após um caminhão da sua propriedade ter sido flagrado em plena via pública, na Avenida Ferreira Gullar, no bairro da Ilhinha (próximo ao São Francisco), a construtora Lua Nova mandou um caminhão de volta ao local, na manhã desta sexta-feira (24), mas para recolher toda a sujeira deixada às margens da avenida. O flagrante foi publicado no blog Conversa Franca (www.aquilesemir.com.br), deste editor, e teve uma ampla repercussão nas redes sociais, mas a empresa a tempo conseguiu corrigir o erro.

Comerciante - Escalado para presidir a sessão de homenagem aos 50 anos da CDL de São Luís, na Assembleia Legislativa, o deputado Sousa Neto (PTN) disse que aquele foi um dos momentos mais gratificantes desde que assumiu uma cadeira no parlamento estadual, pois se sentia muito à vontade em dirigir aqueles trabalhos, por ser muito identificado com o setor empresarial. Sousa Neto é herdeiro e sócio de uma das maiores empresas de material de construção do Estado, os Armazéns União, cuja matriz fica em Santa Inês.

Palco Giratório - Considerado o maior evento itinerante de artes cênicas do Brasil, o Palco Giratório, do Serviço Social do Comércio (Sesc), chega a São Luís. A primeira apresentação é o espetáculo Proibido Elefantes, com o grupo Giradança, do Rio Grande do Norte, neste sábado (25), a partir das 19h, no Teatro Alcione Nazaré. Amanhã, no mesmo local, o grupo maranhense Teatro Dança apresenta o espetáculo Flores.





Na solenidade pelos 50 anos da CDL, na Assembleia Legislativa, quinta-feira, o deputado Edilázio Júnior e Fábio Ribeiro (presidente da CDL), ladeados por José Arteiro da Silva, presidente da Federação do Comércio, e Socorro Noronha, presidente da Federação dos Lojistas


Mais empresas - No programa de incentivos fiscais Mais Empresas, que o governador Flávio Dino (PCdoB) lança no próximo dia 29, está prevista uma desoneração de até 95% do ICMS para empresas que se dispuserem a investir nos trinta municípios com o baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), isto é, para quem achar que há mercado a ser explorado em Marajá do Sena, Belágua e outros que são castigados não apenas pelo alto grau de pobreza da população, mas pelas dificuldades de acesso. Quem quiser...

Leilão - Agropecuaristas de várias regiões do Maranhão e de outros estados também estão a caminho de Bacabal, onde neste sábado, a partir das 16h, será realizado no Recinto Leilonorte, o leilão O Melhor do Corte, em que serão comercializados mais de mil animais, todos da raça Nelore, sendo 700 bezerras e 300 novilhas, prontos para enriquecer os pastos dos compradores. A coordenação do leilão está com o pecuarista Chiquinho Sergipano, idealizador também do Leilão Novo Tempo.

Nenhum comentário: