16 de abr de 2015

Movimento de passageiros no aeroporto de São Luís registra uma queda de 17,6%, segundo a Infraero

O Aeroporto Internacional Marechal Hugo da Cunha Machado, em São Luís, registrou uma queda na movimentação de passageiros na ordem de 17,6%, na comparação do primeiro trimestre deste ano com o de 2014, e na comparação do mês de março de 2015 com o mesmo mês de 2014, a queda foi de 11,7%, o que confirma a queixa dos empresários de hotelaria e agentes de viagens de que o turismo na cidade está em queda acentuada e contínua. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (16) pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), que aponta também ter havido uma queda de visitantes na capital maranhense no mês de fevereiro deste ano, período de carnaval, na comparação com o mesmo mês de 2014.
De acordo com a Infraero, de janeiro a março deste ano, embarcaram e desembarcaram no Aeroporto Cunha Machado, 379.979 passageiros, enquanto no mesmo período de 2014 tinham sido 461.379, ou seja 81.400 passageiros a menos. No mês de março deste ano, o movimento de passageiros foi de 128.249 contra 145.363 de 2014, ou seja 17 mil a menos. O mês de março teve uma movimentação maior que o período de carnaval, pois foram registrados em fevereiro 126.105, isto é, cerca de 2 mil a menos. Na comparação com fevereiro de 2014, houve uma queda de 7,5%, pois foram registrados ano passado 136.472, o que significa 10 mil a menos.
A queda de movimento no Aeroporto de São Luís está relacionada à redução de voos pelas companhias aéreas. O Governo do Estado baixou o ICMS do querosene de aviação com vistas a retomar as rotas canceladas por TAM e Gol e atrair novas companhias, sendo que a primeira a manifestar interesse pela interiorização dos seus voos foi a Sete, que passa a operar a partir de junho.

Nenhum comentário: