15 de ago de 2015

Conab realiza encontro na Bahia para debater armazenagem de grãos na região do Matopiba

GIRO ECONÔMICO

Com o objetivo de fomentar a atividade de armazenagem na área no Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) realiza, dia 26 de agosto, a primeira etapa do Circuito Matopiba de Armazenagem, em Luís Eduardo Magalhães (BA). O debate é motivado pela necessidade de se discutir alternativas estruturais à crescente produção agrícola nos quatro estados. Durante o evento, será apresentada a planta da nova unidade armazenadora que será construída pela Conab na cidade baiana. O novo armazém estará em uma localização estratégica, permitindo formação de estoques públicos, o que facilitará o abastecimento de milho para o Nordeste, reduzindo os custos de logísticas e possibilitando um atendimento mais rápido e de melhor qualidade aos produtores.

Além das questões de armazenagem, serão expostas as tendências de mercado para a safra 2015/16 de milho, algodão e soja e os instrumentos de apoio à comercialização operados pela Conab. Também serão apresentadas as linhas de crédito especiais oferecidas pelo Governo Federal para a construção de armazéns privados na região.

Amazônia - O Banco da Amazônia ampliou de 58,59% para 59,87% sua participação em crédito de fomento no primeiro semestre deste ano. O crescimento de 1,28% refletiu nos resultados da instituição, que divulgou seu balanço financeiro dos primeiros seis meses, quarta-feira (12). O lucro líquido foi de R$ 106,7 milhões, 77,5% a mais que em 2014 (R$ 60,1 milhões). O resultado gerou rentabilidade de 12,5% sobre o patrimônio líquido, contra 7,4% no primeiro semestre de 2014, e passou a ser de R$ 1,79 bilhão.

Eneva - A redução de 20% na dívida da holding, previsto no Plano de Recuperação da companhia, e o recebimento dos recursos da venda da participação da ENEVA em Pecém I contribuíram para a Eneva reduzisse sua dívida líquida em R$ 537,5 milhões no primeiro semestre de 2015. Ainda como parte do Plano de Recuperação Judicial, a dívida remanescente da holding foi reperfilada para aproximadamente R$ 985 milhões, passando a ter menor custo financeiro e prazo adequado ao seu fluxo de caixa. 

Nota Legal - A Secretaria de Fazenda e o Procon vão apertar o cerco às empresas para forçá-las a oferecer os benefícios do Nota Legal aos seus clientes. Seria oportuno que os dois órgãos reclamassem do Estado a falta de motivação dos consumidores para aderirem a esse programa por falta de campanhas publicitárias de incentivo à exigência da nota.




No Anhembi Parque, onde se realiza o WorldSkills, maior competição de educação profissional do mundo, o presidente da Fiema, Edilson Baldez, e o diretor do Sesi, Marco Moura da Silva, com Celso Gonçalo (E) e o vice-governador Carlos Brandão



Turismo - No primeiro semestre de 2015, a CVC embarcou 13% mais de turistas para o Nordeste, se comparado ao mesmo período de 2014. Os estados que mais contribuíram com o faturamento da operadora foram Bahia (com crescimento de 3%), Alagoas (9%), Pernambuco (25%), Rio Grande do Norte (8%) e Ceará (2%). Os destinos que receberam maiores volumes de turistas e clientes da CVC, no período, foram Recife (38%), Porto de Galinhas (33%), Natal (23%), Maceió (17%) e Fortaleza (11%).

Agritec - Foi lançada quarta-feira (12), em Açailândia, a primeira edição da Feira da Agricultura Familiar e Tecnologia do Maranhão (Agritec), que será realizada de 8 a 10 de outubro, numa ação conjunta do Governo do Estado, Sebrae-MA e Embrapa.Para o secretário estadual da Agricultura Familiar, Adelmo Soares, a feira é um momento propício para que os produtores rurais possam trocar experiências e práticas que deram certo, multiplicando seus efeitos em todo o Estado.

Nenhum comentário: