8 de ago de 2015

Custo da construção civil no Maranhão é o segundo mais caro da região Nordeste, de acordo com o IBGE

GIRO ECONÔMICO

O custo do metro quadrado da construção civil aumentou 0,69% em julho deste ano, em comparação com o do mês anterior. Com a alta, o custo do metro quadrado passou, em média, para R$ 948,47. Em junho, o valor havia fechado em R$ 942, segundo dados do Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em parceria com a Caixa Econômica Federal. Em 12 meses, a taxa de inflação acumulada no setor é 5,77%. A mão de obra ficou 0,87% mais cara, passando a custar R$ 438,63 por metro quadrado, enquanto a inflação para os materiais de construção chegou a 0,53%. O metro quadrado dos materiais passou a custar R$ 509,84. Os estados que registraram os maiores aumentos do custo da construção em julho foram: Ceará (3,26%), Distrito Federal (3,17%), Tocantins (2,39%) e Rio Grande do Sul (2,24%). 
O Maranhão, com um custo de R$ 897,3 o metro quadrado, aparece como o segundo estado onde é mais caro construir no Nordeste, atrás apenas da Paraíba, onde custa R$ 927,09. 

Termelétricas - A partir da zero hora deste sábado (8), as usinas térmicas com custo variável único (CVU) acima de R$ 600/MWh (não é o caso das do Maranhão) foram desligadas. Segundo o Ministério de Minas e Energia, a medida decorre do afastamento de risco de falta de energia no Brasil e vai representar uma redução de R$ 5,5 bilhões ao custo mensal de operação (CMO) este ano. Ainda segundo o ministério, a iniciativa pode significar uma redução nas tarifas de energia elétrica para o consumidor.

Repasse - Em seu despacho que obriga o Governo do Estado a regularizar os repasses ao hospital de Bernardo do Mearim, o juiz Marcelo Moraes Rego, da Comarca de Igarapé Grande, foi cortante: “O Estado não pode se utilizar do poder discricionário, que lhe permitiria repassar ou não os referidos valores ao município”. Mais afiado, lembrou: “A Constituição Federal consagra o direito à vida como um dos direitos fundamentais garantidos a todos os brasileiros e estrangeiros residentes no país”.

Rádio Timbira - Com o pedido de demissão do diretor Darlan Andrade, quem assume o comando da Rádio Timbira do Maranhão, a emissora oficial do Estado, é o jornalista José Ribamar Prazeres, que vinha desempenhando a função de secretário-adjunto de Comunicação Social. 


Os instrutores do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Maranhão (Crea-MA) Ademir Amaral (E) e Jose Chão ministraram curso sobre adequação aos fiscais do Crea-MA durante três dias, como parte do programa de modernização implantado pelo presidente Cleudson de Anchieta


Desconto - O Governo do Estado lançou nesta sexta-feira (07) o Programa Clube de Desconto do Servidor do Poder Executivo Estadual, visando valorizar mais ainda o funcionalismo público estadual com uma ação que estabelece a política de parceria com empresas de diversos ramos do comércio, com a finalidade de oferecerem descontos ou condições vantajosas de pagamento ao funcionalismo e seus dependentes. Quem aderir poderá ter sua clientela aumentada significativamente.

Saúde - Neste sábado (08) será realiza a quinta edição do Parque Saúde, no Parque Botânico da Vale, no Anjo da Guarda, em comemoração ao Dia Nacional da Saúde (05 de agosto). O projeto é voltado para cuidados com o corpo por meio de atividades que incentivam hábitos saudáveis fazendo com que os participantes aprendam diferentes formas de cuidar da saúde de forma preventiva. A programação inclui avaliação física, vacinação, aula de zumba, massagem, limpeza de pele e corte de cabelo.


Nenhum comentário: