28 de ago de 2015

Legião Urbana volta a fazer shows a partir de outubro, após seus integrantes ganharem batalha judicial

Marcelo Rubens Paiva publica em seu blog no site de O Estado de São Paulo - www.estadao.com.br - anuncia a volta da banda Legião Urbana. Ele não sabe informar se a foto que ilustra o texto é da nova formação, mas diz que ela foi postada por Marcelo Bonfá, baterista, em sua página no Facebook. Marcelo Rubens Paiva lembra que logo depois do sepultado de R$enato Russo, ex-vocalista da banda, no dia 11 de outubro de 1996, ele e seu amigo e parceiro de longa data, o guitarrista Dado Villa-Lobos, nos braços de quem Renato morreu, recebeu um telefonema de um advogado, que, em da família Russo, anunciava que tanto estava proibidos de usar a marca da banda que ajudaram a fundar.
O litígio foi criada pelo filho de Renato, Giuliano Manfredini, que consideravas a banda, amigos e fãs uma legião em luta por um mundo platônico, idealizado e sem preconceitos, mas a 7ª Vara empresarial do Rio de Janeiro deu ganho de causa aos músicos em outubro de 2014 foram autorizados judicialmente a utilizar comercialmente a marca Legião Urbana.

Estabeleceu que os ex-integrantes “foram fundamentais na consolidação do sucesso alcançado pelo grupo e que, portanto, devem gozar dos mesmos benefícios do herdeiro de Renato”. Caso o filho de Renato descumpra a sentença estará sujeito a uma multa de R$ 50 mil reais.

Depois de reconquistarem os direitos de tocar as músicas da Legião, Dado e Bonfá anunciam que a banda volta a se apresentar a partir de outubro, já com novo formato, em turnê, num show dirigido pelo diretor teatral Felipe Hirsch, já estando, inclusive, ensaiando.


Nenhum comentário: