11 de set de 2015

Se aceitasse sugestão de Paulinho da Força para disputar prefeitura, Simplício Araújo romperia com Flávio Dino

Caso o secretário estadual de Indústria e Comércio, Simplício Araújo, caísse na tentação de disputar a Prefeitura de São Luís em 2016, como sugeriu o presidente do Partido Solidariedade, deputado Paulinho da Força (SP), estaria comprando uma briga sem volta com Flávio Dino (PCdoB), pois o Solidariedade é uma das legendas que mais defendem a queda da presidente Dilma Rousseff (PT) e para o governador quem usa esse discurso é golpista, portanto não veria com bons olhos um ex-auxiliar seu num palanque contra o PT e seu governo.

Ao defender a candidatura do correligionário maranhense, Paulinho foi enfático: “Fiz questão de estar aqui nesta cidade para dar meu testemunho sobre Simplício Araújo. Ele faz um grande trabalho para a construção do nosso partido no Maranhão; e é jovem, competente, dedicado e trabalhador. Ele reúne todas as condições para ser um bom e grande prefeito de São Luís”, discursou Paulinho da Força, durante o encontro no qual foram apresentados os principais pré-candidatos maranhenses às eleições municipais do próximo ano.

Simplício Araújo agradeceu a confiança do partido no seu nome e afirmou que o projeto deve ser debatido com todos os filiados. “Agradeço a confiança do presidente Paulinho e estou disposto a ajudar São Luís no que for preciso. Durante os dois anos em que estive como deputado federal lutei para trazer melhorias para o povo do Maranhão. Como secretário estou engajado na busca por mais empregos e a melhoria de renda para a população, desenvolvendo, junto a minha equipe na Secretaria de Indústria e Comércio, condições para que o Maranhão volte a crescer e seja reconhecido como um estado empreendedor. Lançamos o Mais Empresas, o Mais Produtivo, o Mais Avicultura e muitos outros programas estão sendo feitos pensando na população do nosso estado”, afirmou.

A cerimônia de abertura do Encontro Estadual do Solidariedade contou também com a presença do vice-governador do Estado, Carlos Brandão (PSDB); do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT); dos deputados estaduais Levi Pontes, Fábio Macedo e Rafael Leitoa; do vice-prefeito de Imperatriz, Pastor Porto, e dos ex-deputados Domingos Dutra e José Orlando, e do ex-prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo.


Nenhum comentário: