31 de out de 2015

Um mesmo tomógrafo já foi utilizado pelo Governo do Estado como equipamento em hospitais de três cidades

Equipamento sendo retirado de Santa Inês para ser levado para Caxias
Ao defender o Governo do Estado das críticas feitas pelo deputado Sousa Neto porque um tomógrafo que havia no Hospital Regional de Santa Inês foi retirado e levado para outra unidade de saúde, esta em Caxias, o presidente da Assembleia Legislativa, Humberto Coutinho, narrou o curioso tour feito por este equipamento hospitalar. De acordo com Humberto Coutinho, o aparelho, inicialmente, estava na cidade de Presidente Dutra, depois foi levado para Santa Inês e agora para o município de Caxias, ou seja, um mesmo tomógrafo já esteve em três lugares, levando os moradores desses municípios a acreditarem numa política de saúde de qualidade.

“Eu tenho certeza de que tem outro tomógrafo comprado e, quando for inaugurar o Hospital de Santa Inês, lá vai ter um", afirmou o presidente da Assembleia Legislativa, baseado em outro tipo de operação para esse tipo de obra: "para a inauguração do Hospital de Pinheiro, foi preciso transferir equipamentos de uma subestação de energia elétrica do município de Caxias".

Para o presidente da Assembleia, esse tipo de medida não preocupa, pois no final tudo se resolve. “O governo do Estado agiu assim porque esta medida produziria, como produziu, um efeito mais rápido. A empresa responsável pela obra já repôs a subestação de Caxias”. 
Humberto Coutinho narra a trajetória feita pelo equipamentos por três cidades
Segundo ele, a pretensão do governo é inaugurar, neste mês de novembro, o Hospital de Caxias e em dezembro inaugurar o Hospital de Santa Inês e o Hospital de Imperatriz. “Nós sabemos que para abrir um hospital é muito complicado. Não é fácil não. Hoje se abre um hospital no mínimo com seis meses, porque tem muitos detalhes. Não se pode ver macro, sem ver o micro de cada questão, justamente porque o micro tem que ser visto com muito cuidado para poder não ter problema no futuro. Mas nós todos podemos ter a consciência tranquila porque o governo vai inaugurar o Hospital de Santa Inês, em muito pouco tempo, e lá vai ter um tomógrafo instalado”.

Jornalista Alex Barbosa, ex-Mirante, é demitido de emissora no Mato Grosso após reportagem polêmica

O jornalista Alex Barbosa, que integrava a equipe da TV Mirante e foi transferido para a TV Centro América, no Mato Grosso, foi demitidos na última quarta-feira (28). Barbosa foi preso no último dia 12 quando simulava transporte de cocaína em uma reportagem em que testava a fragilidade da polícia no combate ao tráfico na fronteira do Brasil com a Bolívia. 

O jornalista e mais três funcionários da TV transportavam 240 quilos de gesso embalados como se fossem pacotes de cocaína. Eles permaneceram sete horas presos na Polícia Federal de Cáceres (MT).
Segundo o jornalista Daniel Castro, do blog Notícias da TV, os donos da emissora foram pressionados política e economicamente depois da aventura de Alex Barbosa, por isto teriam decidido demiti-lo. "A afiliada tem um histórico de conflitos com a orientação do jornalismo da Globo. Atualmente, encontra-se sob uma espécie de intervenção. O diretor de jornalismo local foi indicado pela Globo, assim como Barbosa", diz Daniel.
Barbosa agora aguarda a decisão da Globo sobre seu futuro profissional. É certo que não ficará desempregado. Deverá ser contratado por outra afiliada da rede ou absorvido por alguma das emissoras da família Marinho. Os repórteres de rede são indicados pela direção-geral de jornalismo, no Rio de Janeiro, mas são contratados e pagos pelas afiliadas. Ex-TV Mirante (Maranhão), da família Sarney, Alex Barbosa estava há apenas três meses no Mato Grosso. Procurado pelo Notícias da TV, o repórter não quis se manifestar.

Começa um novo desafio para Maranhão imunizar os rebanho bovino e bubalino contra a febre a aftosa

Na abertura da primeira etapa da vacinação deste ano, o
vice-governador Carlos Brandão foi a Pinheiro incentivar
os criadores a imunizarem os seus animais
GIRO ECONÔMICO

Será aberta neste domingo (1º de novembro) e se estende até dia 30 do mesmo mês a segunda etapa da campanha 2015 de vacinação contra febre aftosa. Mais uma vez, a mobilização no interior do estado está sendo feita mais pelos órgãos de representação dos pecuaristas – Associação dos Criadores, Federação da Agricultura, sindicatos rurais etc – do que pelo poder público, pois, a exemplo de maio, quando foi realizada a primeira etapa, não foi preparada a tempo nenhuma campanha publicitária com este objetivo, mas ainda assim a expectativa é grande quanto ao sucesso da vacinação, porque há uma forte conscientização no meio rural de que a imunização do rebanho é a melhor garantia de negócios futuros, pois se for extinta, em definitivo, dos pastos o importador, seja de outros estados ou de outros países, podem confiar na qualidade da carne produzida no Maranhão.

A Aged-MA espera atingir um índice de vacinação acima de 98%, até porque abaixo disso significaria uma queda na comparação com maio, quando o Estado ficou bem próximo dos 100% de cobertura vacinação dos rebanhos bovino e bubalino.

Leilão - O assunto voltou a ser debatido na Associação dos Criadores do Maranhão: a entidade deverá realizar ainda este ano grande evento, com realização de leilão e palestra de especialista em agropecuária, para fechar com chave de ouro a agenda de 2015. Caso não surjam os mesmos empecilhos do primeiro semestre, quando estava marcada para junho programação semelhante, ocorrerá antes do Natal, e desde já estão sendo mobilizados criadores de bovinos, equinos, ovinos e caprinos a fim de trazerem animais para o pregão.

Ópera - Um dos mais tradicionais salões de beleza de São Luís com foco no público masculino, o Ópera, fechou sua segunda unidade, no bairro do São Francisco, e saiu em definitivo do mercado, já que a primeira, no Parque do Bom Menino (Centro), há muito está desativada. O fechamento do Salão Ópera deu-se pelo mesmo motivo que está levando muitos estabelecimentos a encerrar suas atividades na Avenida Castelo Branco, pois com a criação de faixa exclusiva para ônibus tornou-se proibido estacionar nesta via e os clientes sumiram.

Turismo - O deputado Fábio Braga (PTdoB) virou uma espécie de garoto propaganda da Chapada das Mesas. Encantado com os belezas do destino, depois de uma visita a Riachão, passou a ser um dos seus maiores divulgadores.Para ele,muitos deveriam aproveitar este feriadão e em vez de ir a outros estados ou países viajar para o interior do Maranhão.


A juíza Oriana Gomes (C) foi uma das homenageadas com o Prêmio Mulher Notável no XIII Fórum da Mulher Empresária da Associação Comercial do Maranhão, realizado na quarta-feira (28). No registro com a presidente do Conselho da Mulher Empresária, Edna Montenegro (E), e a presidente da ACM, Luzia Rezende.

Radiofusão - A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) deve fechar o cerco aos que obtiveram concessão para explorar emissoras de rádio e televisão, a maioria políticos, e ainda não conseguiram colocar no ar ou então desligaram os transmissores das que já estavam operando, como é o caso da Jainara AM (Bacabal), Ribamar do Vale do Pindaré AM (Pindaré-Mirim), Cidade FM (Pedreiras), Capital AM (São Luís) etc. Pelas regras do Ministério das Comunicações, após acionada, rádio e TV não podem ficar fora do ar.

Energia - A Companhia Energética do Maranhão (Cemar) não aparece entre as finalistas do Prêmio de Satisfação do Consumidor (Iasc) da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que reconhece as mais bem avaliadas com base nas respostas de 25.186 consumidores ouvidos numa pesquisa realizada pela Agência. Do Nordeste aparecem a Sul Sergipana de Eletricidade (Sulgipe) e as paraibanas Energisa Borborama (EPB) e a Energisa Paraíba(EPB). A premiação será dia 19 de novembro, em Brasília (DF).


30 de out de 2015

Governador Flávio Dino mostra que também não resiste a uma boa pinga e prova tiquira na Expo Indústria

O governador Flávio Dino (PCdoB) fez um brinde especial com a tiquira, ao participar da solenidade de abertura da Expo Indústria, quarta-feira (28), e depois de aprovar o sabor assinou termo que reconhece a bebida como um produto genuinamente maranhense.

O avanço na produção da tiquira vem se dando após a implantação da fábrica Guaajá, no município de Santo Amaro, na região dos Lençóis Maranhenses.

Depois de tomar a dose, o governador foi brindado como uma garrafa da aguardente. Ele disse que iria levar o presidente para o Palácio dos Leões, pois compra de bebida alcoólica na sede do governo está proibida desde sua posse em janeiro deste ano. No registro, o momento em que o governador tomou o trago para diversão das pessoas que estavam ao seu redor.

Para governador paulista, os municípios mais pobres sofrem menos om a crise econômica

GIRO ECONÔMICO

No encontro que teve com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), o deputado Fábio Braga (foto), do PTdoB, ouviu um depoimento do qual não teve como discordar, pois de acordo com o tucano paulista, neste ambiente de crise econômica por que passa o país, os municípios que menos sofrem são os do Norte e Nordeste que necessitam quase que integralmente das transferências estaduais e federais para oferecerem alguma coisa à sua população, pois o que é deles, embora possa haver uma diminuição, acaba indo, porém naqueles em que há forte presença da indústria o impacto está sendo bem maior, pois há desemprego, a arrecadação municipal, com cobrança de ISS, ITBI e outros impostos, cai e as transferência do Estado e da União não são suficientes para compensar os prejuízos causados pela queda da receita própria.

No Maranhão, como lembra o deputado, são poucos os municípios que contam com um sistema de arrecadação bem estruturado, enquanto a maioria tem sua economia sustentada nos programas sociais, aposentadorias e nas verbas de FPM, Fundeb, SUS etc

Queimadas - Será realizado nesta sexta-feira (30), no Colinas Clube, na cidade de Colinas, o Seminário de Combate a Queimadas do Médio Sertão Maranhense, promovido pela Federação da Agricultura (Faema) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar). Como o nome sugere, o evento tem por objetivo orientar os produtores rurais para que evitem o uso do fogo para desmatamento quando do preparo de terrenos para a lavoura. A ação é incentivada pela Confederação Nacional da Agricultura (CNA).

Tiquira - Após assinatura do termo de reconhecimento da Tiquira como produto maranhense, quarta-feira (28), na abertura da Expo Indústria, o governador Flávio Dino (PCdoB), após tomar uma dose da bebida de marca Guaaja, fabricada em Santo Amaro, e demonstrar aprovação de sua qualidade, ganhou de presente uma garrafa. Agradecido pelo brinde, disse que se via obrigado a levá-la para o Palácio dos Leões, porque lá, desde que assumiu, está vedada compra de bebidas alcoólicas com dinheiro público. 

Reinauguração - O empresário Ilson Mateus vai reinaugurar, dia 06 de novembro, a loja de Balsas, a primeira de sua rede hoje espalhada por quatro estados: Maranhão, Piauí, Pará e Tocantins. A caçula de Mateus foi ampliada e está equipada com o que há de mais moderno no ramo supermercadista.


Na visita ao estande da FC Oliveira, na Expo Indústria, o governador Flávio Dino foi recepcionado pelo empresário Francisco Nagib (E) e seu pai, Francisco Carlos de Oliveira (presidente do grupo), que apresentaram a qualidade dos produtos que fabricam em Codó




Embalagens - O empresário Francisco Carlos de Oliveira, dono da FC Oliveira, localizada no município de Codó, está exibindo na Expo Indústria, que se estende até este sábado (31), no Multicenter Sebrae, as novas embalagens dos produtos FC e Econômico (água sanitária, detergentes, desinfetantes e sabões) e os modelos de embalagens de papelão também produzidas pela empresa, uma das maiores do Maranhão e distinguida pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) pela qualidade de seus produtos.

Entrevista - Na entrevista concedida à revista Maranhão Hoje de outubro, que está nas bancas, o senador José Sarney, além de recordar como foi sua campanha a governador do Maranhão há cinquenta anos, analisa as transformações que se deram no estado neste meio século e ao ser provocado sobre como interpreta o posicionamento daqueles que antes só sabiam criticar o Maranhão e agora tentam vender o lado positivo para atrair investimentos para o Estado, foi mordaz: “Agora têm de morder a língua”.

Prefeito de Paço do Lumiar cobra do governador Flávio Dino liberação de dinheiro conveniado para obras

Em contundente pronunciamento na abertura da 1ª Marcha Municipalista, no Rio Poty Hotel, em São Luís, o prefeito de Paço do Lumiar, Josemar Sobreiro (PSDB), cobrou do governo Flávio Dino (PCdoB) a liberação do dinheiro contratado em convênios para concluir obras no município. “Paço do Lumiar celebrou nos dois últimos anos convênios com o Governo do Estado para asfaltamento de dezenas de ruas e avenidas, mas os contratos foram bloqueados e as obras, paralisadas. A população aguarda ansiosa que suas ruas e avenidas sejam recuperadas”, disse o prefeito.

Segundo o prefeito, somente no Maiobão, o bloqueio de repasses estaduais impede o asfaltamento de 36 ruas e avenidas. De um total de 54 projetos orçados pelos convênios, apenas 18 foram concluídos. A mesma situação causa descontentamento em bairros como Tambaú, que também precisa de asfaltamento na maioria de suas vias de acesso. Para o prefeito Josemar, a marcha reforça o quanto as cidades maranhenses precisam de apoio para dar andamento a obras e projetos na área de infraestrutura, saúde e educação.

Paço do Lumiar, disse o prefeito, depende de dinheiro externo bloqueado para outras obras importantes como a construção de uma maternidade, creches e reformas de escolas que pertenciam ao Estado.

Com o tema Crise e conscientização – Prefeitos em busca de soluções, o evento promovido pela Federação dos Municípios do Estado do Maranhão discute as dificuldades financeiras pelas quais passam as cidades brasileiras. A crise municipal é resultado da queda constante nos repasses federais, incluindo o dinheiro do Fundo de Participação dos Municípios.

29 de out de 2015

Terminal de Grãos ajuda a aumentar movimentação de cargos em 2015 no Terminal Portuário do Itaqui

GIRO ECONÔMICO

O Terminal de Grãos do Maranhão (Tegram), iniciado em 2010 e que teve a primeira etapa inaugurada este ano, foi um dos principais responsáveis pela grande movimentação de cargas registradas no Porto do Itaqui, por onde passaram, de janeiro a 26 de outubro deste ano, 18,10 milhões de toneladas, superando assim a movimentação dos 12 meses de 2014, que foi de 18,02 milhões. De acordo com dados fornecidos pela Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), o milho teve um aumento de 553% nos embarques, enquanto a soja subiu 78%. Contribuiu também para esse movimento recorde a entrada em funcionamento da Suzano, em Imperatriz, que aumentou em 78% seus embarques de celulose. Já o maganês, teve aumento de 257%.

O presidente da Emap, Eduardo Lago Filho, Ted Lago, estima que com a entrada em funcionamento da nova fase do Tegram o movimento do Itaqui deverá dobrar, pois apenas os produtos agrícolas deverão chegar a mais de 10 milhões de toneladas por ano.

Turismo - A Secretaria Estadual de Turismo está fazendo uma enquete junto ao empresariado de São Luís sobre a frequência de utilização do transporte aéreo para o sul do Estado, a fim de tentar, com estas respostas, convencer as companhias de aviação a criar mais voos regionais que possam atender melhor à demanda. No questionário, a Setur quer saber com que frequência os empresários viajam para Imperatriz, Balsas, Açailândia e outras cidades e se o surgimento de novas rotas, com preços acessíveis, aumentariam as viagens.

Super - Os produtos da linha Super, fabricados pelo Laticínio Jataí Agroindustrial, estão expostos na Expo Indústria Maranhão, aberta nesta quarta-feira (28) e que se estende até o próximo sábado (31), no Multicenter Sebrae. No estande da Super, haverá degustação de ricota, queijo coalho e de manteiga, super cremosinho, bebida láctea e outros produtos que já estão sendo comercializados nas grandes redes supermercadistas e mercearias de todo o estado, com grande aceitação do público consumidor.

Tiquira - Muito conhecida dos maranhenses, a Tiquira foi oficialmente reconhecida como bebida genuinamente do Maranhão. O reconhecimento foi assinado pelo presidente da Federação das Indústrias, Edilson Baldez, na abertura da Expo Indústria nesta quarta-feira.

Na reunião do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), em que foi anunciado investimentos de R$ 200 milhões nos próximos três anos em favor da agricultura familiar, o secretário-adjunto de Agricultura Familiar, Francisco Sales (ao centro com o ministro Patrus Ananias), a superintendente de Crédito, Railda Pascoal, e Rivadavia Junior 

Americanas - A Lojas Americanas inaugurou nesta quarta-feira (28) mais uma filial no Maranhão, na cidade de Balsas, na região sul do Estado, onde instalou uma loja com 850 metros quadrados e sortimento de 60 mil itens de várias categorias. A inauguração faz parte do plano de expansão da empresa, que prevê a abertura de 800 novas unidades até 2019 e investimentos de R$ 4 bilhões em todo o país. Além de Balsas, também passaram a contar com lojas da rede, Ribeira do Pombal (BA), Capão da Canoa (RS) e Ibirité (MG).

Construção - As potencialidades da construção civil estão sendo apresentadas pelo Sinduscon-MA na Expo Indústria Maranhão, realizada pela Federação das Indústrias, no Multicenter Sebrae. No estande, os visitantes da feira industrial poderão conhecer programas desenvolvidos pela entidade, como o Casa Legal, que, em parceria com outros órgãos, está promovendo a regularização fundiária de 500 imóveis residenciais da Cidade Olímpica, considerada a maior ocupação residencial da América Latina.

28 de out de 2015

Revista Maranhão Hoje recorda os cinquenta anos da eleição de José Sarney para governador do Maranhão

A revista Maranhão Hoje que chegou às bancas neste fim de semana traz como principal destaque de capa uma reportagem sobre os cinquenta anos da eleição de José Sarney para governador do Maranhão. Sarney é o entrevistado da revista e recorda os momentos mais marcantes de sua campanha, as dificuldades de percorrer o Maranhão, naqueles tempos de transporte precário, comunicação deficiente e uma série de outras dificuldades.

Indagado sobre como analisa o comportamento dos que falavam mal do Maranhão e agora têm de falar bem para atrair investimentos, já que estão no poder, ele responde: "Os que falavam mal do Maranhão são os mesmos que faziam campanha nacional contra mim e o Maranhão. Agora têm de morder a língua".

SOBRE MARANHÃO HOJE
Maranhão Hoje, publicação independente da Class Mídia Comunicação & Marketing, é a única revista maranhense com periodicidade mensal, estando há mais de dois anos no mercado com tiragem mínima de 3 mil exemplares. Sua distribuição é feita tanto na capital quanto no interior do Estado, através de venda avulsa (presente em mais de 80 bancas), assinaturas individuais e vendas dirigidas para empresas, entidades de classe, órgãos públicos etc. Além de São Luís, circula em Teresina (PI) e nas principais cidades do Maranhão: Açailândia, Bacabal, Balsas, Caxias, Estreito, Imperatriz, Pindaré-Mirim, Pio X II, Santa Inês, São Mateus, Timon, Teresina (PI), bem como é disponibilizada em bancas nas principais BRs, aeroporto, estações rodoviárias etc.

Waldir Maranhão vai indicar o relator do segundo processo que pede a cassação do presidente da Câmara

Por ser vice-presidente da Câmara Federal, o deputado Waldir Maranhão (PP-MA), que também é investigado por suposto envolvimento nos crimes apurados pela Operação Lava Jato, terá de indicar o relator do segundo processo que corre na Casa contra o presidente Eduardo Cunha (PMDB-RJ). A decisão foi tomada em reunião da Mesa Diretora, na tarde desta quarta-feira (28).Caberá a Beto Mansur, que exerce a função de primeiro-secretário, analisar a admissibilidade do caso, que tramitará na Corregedoria da Câmara.

A sindicância foi pedida pelo vice-líder do PPS na Câmara, o deputado Arnaldo Jordy (PA), e assinada por outros 29 deputados no início do mês. Como o documento para apurar a quebra de decoro é assinado por parlamentares e não por partidos, a petição ficou dependendo de uma decisão da Mesa.

Com o parecer de Mansur, o grupo votará pelo início ou não da tramitação do processo na Corregedoria, que terá de dar prazo para defesa do peemedebista e poderá fazer diligências e pedir acesso a documentos, nos mesmos moldes da tramitação do Conselho de Ética.

(Leia reportagem completa em www.maranhaohoje.com.br)

Lideranças evangélicas assinam manifesto pela cassação do presidente da Câmara, Eduardo Cunha

Lideranças evangélicas divulgaram nesta quarta-feira (28), um manifesto em que pedem a saída do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) da presidência da Câmara dos Deputados. No manifesto, assinado por 117 líderes, os evangélicos afirmam que “as ações do deputado Eduardo Cunha, atual presidente da Câmara dos Deputados e que se identifica como evangélico, merecem repúdio”.

As lideranças fundamentam o pedido de saída de Cunha da presidência da Câmara em “denúncias de corrupção e envio de recursos públicos para contas no exterior”. No manifesto, elas dizem que as denúncias “inviabilizam a permanência do deputado Eduardo Cunha no cargo que ocupa, uma vez que não há coerência e base ética necessária a uma pessoa com responsabilidade pública”.

O grupo diz ainda que se opõe “enfaticamente” ao apoio a Cunha por deputados da bancada evangélica e lideranças religiosas. Segundo o documento, nos últimos anos, há uma forte tendência, “a partir da crescente visibilidade política de lideranças eleitas em diferentes níveis, de homogeneizar essa pluralidade e apresentá-la como se tais representantes fossem a voz dos evangélicos”.

“Afirmamos que, frente a casos como o que protagoniza o atual presidente da Câmara dos Deputados, a corrupção não é a marca distintiva da política para os evangélicos. Ela é a marca de certa "safra" de representantes. Mas os evangélicos não são assim e não podemos mais deixar que nos identifiquem como tal”, diz ainda o documento.

O grupo também disse estar preocupado “com o atual momento da sociedade brasileira, marcado por uma aguda crise política”. As lideranças afirmam que “esse quadro se traduz nos conflitos institucionais entre os Poderes da República, resultado também de um modelo de governabilidade frágil, que precisa ser revisto através de uma profunda reforma política”.

O Estado do Maranhão continua sendo auditado pelo IVC, garante seu gerente de Circulação

Não se confirma a informação recebida e repassada, indevidamente, pelo blog, de que o Estado do Maranhão, jornal pertencente ao Sistema Mirante, deixou de ser auditado pelo Instituto Verificador de Circulação (IVC). O pedido de correção é feito pelo gerente de Circulação do veículo, Glauco Aguiar, que informa estar o jornal na 11ª posição no ranking dos diários nordestinos.

Segue abaixo o comunicado do gerente de Circulação do EMA:

Me chamo Glauco Aguiar, sou Gerente de Circulação do Jornal O Estado do Maranhão e venho através deste informar, que a notícia divulgada em seu blog “Conversa Franca” não é verdadeira.

Informo ainda, que O Jornal O Estado do Maranhão continua sendo auditado pelo IVC – Instituto Verificador de Comunicação e que a matéria postada pelo senhor em seu blog, o senhor colocou como Instituto Verificador de Circulação e este nome já não é utilizado pelo IVC há meses.

Solicito por gentileza, que seja feita uma correção imediata desta notícia em seu blog.

Segue abaixo o print da tela e em anexo documentos que comprovam que o Jornal O Estado do Maranhão continua sendo auditado pelo IVC.

Obs. Documento impresso e print da tela feitos hoje 28/10/2015, no site www.ivcbrasil.org.br (O Jornal O Estado do Maranhão na região nordeste está na 11ª colocação no ranking do IVC).


Sondagem divulgada pela CNI mostra pessimismo dos empresários do setor de construção civil

GIRO ECONÔMICO

A Sondagem Indústria da Construção, divulgada nesta segunda-feira (26) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), revela que os empresários da indústria da construção estão mais pessimistas sobre os próximos seis meses. A expectativa em relação ao nível de atividade registrou 37,7 pontos em outubro ante 39,5 em setembro. O índice de expectativa do número de empregados assinalou 35,7 pontos frente a 37,3 pontos no mês passado. Os índices variam de zero a cem pontos e valores abaixo de 50 pontos indicam pessimismo. De acordo com a pesquisa, uma das causas para a baixa intenção de investimento em obras de infraestrutura está na relevância dos recursos do governo para o segmento e dos programas de concessões de infraestrutura.

Entre os principais problemas enfrentados pelo segmento no terceiro trimestre foram a elevada carga tributária, apontada por 39,6% dos empresários, e a alta taxa de juros, assinalada por 36,6% dos entrevistados. 

Chapada - A Secretaria Estadual de Turismo (Setur) realiza nesta quarta-feira (28), a partir das 17h, no Hotel Veleiros, na Ponta d´Areia, curso de capacitação sobre o destino Chapada das Mesas, voltado para agentes de viagens e guias de turismo. Na oportunidade, será lançado um roteiro de três dias e duas noites, ideal para quem tenciona conhecer uma das mais belas regiões do Estado em finais de semana ou em épocas de feriado. O evento conta com apoio da Associação Brasileira das Agências de Viagens (Abav-MA). 

Holandeses - O anúncio do Governo do Estado de que fará intervenção na Avenida dos Holandeses está levando muitas empresas a adiar projetos de construção ou ampliação de prédios neste corredor, pois ninguém consegue medir, com precisão, os impactos da mudança, principalmente com a transformação da via em sentido único, mas não é só isto: muitos recordam dos transtornos com as obras de reforma da Avenida Guajajaras, no São Cristóvão, que demorou mais de dois anos, levando muitas empresas a fechar as portas.

Sinduscon - Sondagem feita pela coluna junto a empresários do setor da construção civil indica que, se Fábio Nahuz tiver interesse em renovar seu mandato de presidente do Sinduscon, a reeleição será tranquila, pois até mesmo os que lhe fizeram oposição em 2014 concordam que sua dedicação ao órgão lhe credencia a continuar no cargo.


No lançamento da Mostra de Produtos e Serviços para Supermercados, Edward Hoyer (Hoyer Distribuidora), Iris de Oliveira (Mercadinho Carone), João Sampaio Magalhães (Amasp), Fábio Ribeiro (CDL) e Rodrigo Vieira (Amda)



Construção - Ao contrário do desempenho positivo de 0,68% no Maranhão, em setembro, o setor da construção registrou, nacionalmente, a maior redução de estoques de empregos dos setores econômicos pesquisados em todas as bases de comparação, segundo dados do Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego. O saldo negativo foi de 28.221 vagas de emprego, um decréscimo de 0,98% na comparação com agosto. No Maranhão, o saldo positivo foi de 388 empregos.

Safra - O Ministério do Desenvolvimento Agrário prorrogou para 10 de novembro o prazo de inscrição para as prefeituras aderirem ao benefício do Garantia Safra 2015/16 e a quitação das parcelas em atraso. A prorrogação tem a finalidade de garantir que os agricultores familiares já cadastrados recebam o benefício. O não pagamento das parcelas até o novo prazo impedirá que estes produtores recebam o benefício e impossibilitará as prefeituras se cadastrem para a safra 2015/2016.


27 de out de 2015

Federação das Indústrias abre nesta quarta-feira Expo Indústria Maranhão e Indústria de Talentos

A Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema) abre nesta quarta-feira (28), às 16h30, a Expo Indústria Maranhão e o Indústria de Talentos, no acesso principal do Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, no Cohafuma. Com uma programação variada que vai até sábado (31), os dois eventos movimentarão a sociedade maranhense, principalmente os integrantes do setor industrial no estado, além de estudantes e universitários.

A solenidade de abertura será conduzida pelo presidente da FIEMA, Edilson Baldez e contará com a presença do Governador do Estado, Flávio Dino, do diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Batista Martins, além de diversos presidentes de federações das indústrias dos Estados do Amazonas, Acre, Pará, Roraima e Rondônia, e a classe empresarial da indústria maranhense.

A primeira edição da Expo Indústria Maranhão, conta com a correalização do Sebrae no Maranhão e do Governo do Estado, deve receber 20 mil visitantes em seus estandes de produtos e serviços originários da indústria maranhense, rodadas de negócios, seminário de inovação, encontro com empresários e arena temática.

O Indústria de Talentos, realizado pelo Sistema Fiema (Sesi, Senai e IEl), será aberto com a realização do 9º Encontro Maranhense de Estágio, com palestra magna proferida pelo músico e ativista social Gabriel O Pensador. Serão sete ações integradas que ocorrerão durante os quatro dias de atividades – são elas: o 9º Encontro Maranhense de Estágio, a etapa estadual da Olimpíada do Conhecimento, a 2ª Feira de Profissões para Indústria, a etapa estadual da Mostra Inova Senai, o Grand Prix Senai de Inovação, o Festival de Robótica do Sesi e o Espaço Sesi Cultura.

Secretaria de Turismo faz pesquisa junto a empresários para pedir às companhias aéreas mais voos regionais

A Secretaria Estadual do Turismo (setur) espera, com uma pesquisa que está fazendo junto às entidades empresariais, convencer as companhias aéreas a criar mais voos regionais no Maranhão, principalmente para as regiões sul e tocantina. Na verdade, não se trata nem de pesquisa, mas de uma enquete, já que não tem base científica nenhuma.

Na consulta, a Setur pergunta se as empresas realizam viagens de negócios para a região. Os que respondem que sim, são convidados a dizer com que frequência: Semanalmente, quinzenalmente ou mensalmente. A secretaria quer saber também quais as cidades mais procuradas pelos empresários, se Imperatriz, Balsas, Açailândia ou Carolina, e para encerrar vem aquela pergunta óbvia: Caso haja uma maior oferta de vôos diários da capital São Luis ao Sul do Maranhão, com preços acessíveis, a sua empresa optaria somente pelo transporte aéreo?

Jornal O Estado do Maranhão também deixa de ser auditado pelo Instituto Verificador de Circulação, o IVC

O jornal O Estado do Maranhão, do Grupo Mirante de Comunicação, pertencente à família Sarney, deixou de ser auditado pelo Instituto Verificador de Circulação (IVC) e agora passa a ter sua tiragem baseada em informação dos próprios departamentos comercial e de circulação do órgão. Com esta saída do EMA do IVC, nenhum jornal maranhense tem sua tiragem comprovada com base em dados realmente comprovados, pois os da capital, principalmente os concorrentes mais diretos, Jornal Pequeno e O Imparcial, e o de Imperatriz, O Progresso, também não são auditados pelo instituto.

Vale recordar que até bem pouco tempo atrás, O Estado do Maranhão veiculava uma propaganda em que se vangloriava de ser o único com tiragem comprovada pelo IVC e, numa provocação à concorrência, dizia que sem isto "eram palavras ao vento".

O auditagem do IVC é fundamental para orientação de agências de publicidade e dos anunciantes para medir por quanto realmente estão pagando pela propaganda veiculada. Os dados do IVC são baseados em quantidade de papel, chapa, tinta, assinantes, vendas avulsas etc.

Popularidade de Dilma continua em baixa, conforme pesquisa divulgada nesta terça-feira pela CNT

A avaliação positiva do governo da presidente Dilma Rousseff subiu de 7,7%, em julho, para 8,8%, em outubro, indica pesquisa encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) ao instituto de pesquisa MDA, divulgada nesta terça-feira (27). De acordo com a pesquisa, 70% dos entrevistados reprovam o governo. Na pesquisa anterior, divulgada em julho, o percentual era de 70,9%.

Em outubro, a pesquisa aponta que 1,3% consideram o governo ótimo; 7,5%, bom; 20,4%, regular; 18,1%, ruim; 51,9%, péssimo; não sabem ou não responderam (0,8%). No levantamento anterior (julho), 1,5% consideravam o governo Dilma ótimo; 6,2%, bom; 20,5%, regular; 18,5%, ruim; e 52,4%, péssimo.

Sobre o desempenho pessoal da presidenta Dilma, 15,9% aprovam e 80,7% desaprovam. Na pesquisa anterior, os percentuais eram 15,3% e 79,9% respectivamente. O percentual de entrevistados que não sabe ou não respondeu foi de 3,4%, ante os 4,8% da coleta anterior. O Instituto MDA ouviu 2.002 pessoas, em 24 unidades da Federação, entre os dias 20 e 24 de outubro. A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Kia é a marca de importados que mais emplacou veículos em setembro no Brasil, segundo números da Abeifa

GIRO ECONÔMICO

A Kia Motors, em São Luís representada pela Auvepar, do empresário Carlos Gaspar, fechou o mês de setembro como a marca de importados com melhor desempenho de vendas no País, segundo dados da Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotivos (Abeifa). A montadora coreana emplacou 1.085 veículos, enquanto a Land Rover, em segundo lugar, ficou com 845. A soma de vendas dos importados foi de 4.461, uma queda de 43,4% em relação a setembro do ano passado (7.875). As marcas importadas somaram, de janeiro a setembro, 47.108 emplacamentos, o que significa uma queda de 31,8% na comparação com igual período de 2014, quando forem registradas 69.081 unidades comercializadas.

No acumulado do ano, a Kia tem 12.519 emplacamentos e a Land Rover 6.357. Em terceiro lugar aparece a BMW, representada pelo Grupo Dalcar, que tem um acumulado de vendas de 4.309 unidades.

Carnaval - Caso se confirme o projeto de antecipar em uma semana os desfiles de escolas de samba e blocos organizados no carnaval de 2016, São Luís pode entrar na disputa com Fortaleza (CE) e outras cidades em que nos três dias do reinado de Momo não há agitação e por isto são bastante procuradas por turistas que aproveitam o período para descansar. Também pode se tornar um interessante destino para aqueles que querem mais e mais folia e venham se aquecer para quando carnaval chegar. É planejar!

Cerveja - O Grupo Kirin Brasil, que fabrica a marca Schin, pagou R$ 15 mil, não se sabe se ao Governo do Estado (Secretaria de Esportes), à Federação Maranhense de Futebol ou ao Sampaio Corrêa, para ter exclusividade na venda de cerveja em todos os bares do Estádio Castelão, sábado passado, onde foi realizada a partida do Sampaio contra o Paysandu, de Belém (PA). Vale destacar que, pelo Estatuto do Torcedor, o comércio de bebida alcoólica é proibido em estádios de futebol, mas nunca se cumpriu no Maranhão.

Sinducon - Sondagem feita pela coluna junto a empresários do setor da construção civil indica que, se Fábio Nahuz tiver interesse em renovar seu mandato de presidente do Sinduscon, a reeleição será tranquila, pois até mesmo os que lhe fizeram oposição em 2014 concordam que sua dedicação ao órgão lhe credencia a continuar no cargo.





Pedro Rezende, que acaba de retornar de mais duas conquistas em disputas de Judô, com o empresário Ilson Mateus, presidente do Grupo Mateus, que apostando no seu talento agora é o patrocinador oficial do atleta




Bazar - O Grupo de Esposas de Deputados do Maranhão (Gedema), presidido pela ex-deputada Cleide Coutinho, esposa do presidente da Assembleia Legislativa, Humberto Coutinho, promove nesta terça-feira um bazar para comercialização de produtos com fins assistenciais. Todas as mercadorias foram retiradas das prateleiras de lojas pelo Inmeq, porque estão fora do padrão do órgão, mas em perfeito estado de uso, segundo o Inmetro. A renda do bazar será destinada à Fundação Antônio Brunno, no Planalto Anil II.

História - A revista Maranhão Hoje que chegou às bancas neste fim de semana traz uma reportagem especial sobre a eleição de José Sarney a governador do Maranhão, ocorrida há, exatos, cinquenta anos. Numa entrevista exclusiva à revista, Sarney relembra fatos curiosos desta disputa eleitoral e analisa as medidas que foram tomadas para tirar o Estado do atraso. Sarney provoca aqueles que sempre falaram mal do Maranhão e agora, estando no poder, enaltecem seu potencial econômico: “que mordam a língua”.

26 de out de 2015

No livro Diários, Fernando Henrique diz que Sarney nunca tratou de assuntos com ele "além do combinado"

No seu livro Diários, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), narra as experiências vividas no convívio com algumas das maiores lideranças políticas, dentre elas o ex-senador José Sarney (PMDB-AP), sobre o qual diz: "Na imprensa houve intriga incessante sobre o Sarney, que tem me telefonado a toda hora para dizer o que está fazendo, não creio que haja segunda intenção. É claro que todos têm seus interesses na política, normal, mas não achei que o Sarney tivesse nenhum comportamento diferente do combinado comigo".

Fernando Henrique é severo em suas anotações, ou melhor gravações, pois, em vez de escrever, gravava, com Antônio Carlos Magalhães (ex-senador da Bahia) e o também ex-presidente Lula. Sobre o primeiro diz: Antônio Carlos Magalhães é aquela coisa que só ataca, que sopra, vai e vem, para dar a impressão de que tem uma força enorme no Planalto. Nunca foi ouvido num assunto relevante da República, mas eu também que tê-lo com certa capacidade de entender o processo, para que não me cause muito mal".

Já com relação a Lula, seu comentário é o seguinte: "Não por acaso, o Lula continua me atacando de uma maneira pouco equilibrada. Na última entrevista que deu, disse que na verdade o problema não é o PFL, sou eu que penso errado. Ele não engoliu a derrota. E talvez nem entenda muito bem o que está acontecendo. Alimentando aquela mágoa, atira em cima de mim sem parar, acredito que não teve um momento de compreensão".

Diários é uma obra que pode se tornar essenciais para se compreender a política brasileira nos últimos anos. Nela, o ex-presidente comenta ainda como foram suas relações Bill Clinton (Estados Unidos), Carlos Menem (Argentina) e Itamar Franco (Brasil), além de ministros, como José Serra (hoje senador por São Paulo), Pedro Malan e Gustavo Franco. Muitos outros estão neste livro de memória, que vale a pena ler e guardar.

Governo Federal lança editais visando à melhoria dos serviços de transportes em portos e rodovias

GIRO ECONÔMICO

Os primeiros editais para concessão de portos do Programa de Investimento em Logística (PIL) serão publicados nesta segunda-feira (26), pela Secretaria do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, que prevê um investimento de R$ 37,4 bilhões para arrendamento na área de portos de 21 terminais em fase de projeto, em análise pelo Tribunal de Contas da União. Desses, oito foram aprovados e dois seguem para publicação do edital na próxima semana. Lançado em 9 de junho pelo governo, o PIL prevê investimento de R$ 198,4 bilhões, no período de concessão, para rodovias, ferrovias, portos e aeroportos. A nova etapa de concessões trata de projetos lançados entre 2015 e 2018.

Os investimentos em logística, assim como em energia, social e urbano, integram também o PAC, que investirá R$ 1,05 trilhão até 2018. Do total de projetos, 11% foram executado até junho 2015. Até 2018, serão concedidos 7.068 quilômetros em 16 rodovias pelo país. 

Leite - A Secretaria de Agricultura e Pecuária (Sagrima) realizou nesta segunda-feira (26), em Imperatriz, debate sobre ações voltadas para a cadeia produtiva do leite na Região Tocantina, com representantes dos sindicatos rurais de Imperatriz e Açailândia, do Sindicato das Indústrias de Leite e Derivados do Estado do Maranhão, Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), Agência Estadual de Pesquisa e Extensão Rural (Agerp), Sebrae-MA e das federações da Agricultura (Faema) e das Indústrias (Fiema).

Inauguração - Foi inaugurada nesta segunda-feira (26), no bairro do São Francisco, a nova sede do Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), que foi transformado em autarquia, o que lhe dá mais autonomia de decisão. A mudança de endereço visa a facilitar acesso do consumidor aos serviços do órgão, já que está localizada na rotatória entre as avenidas Castelo Branco, Colares Moreira e Ana Jansen, no mesmo prédio onde funcionou o jornal O Imparcial e mais recentemente o curso profissionalizante Microlins.

Lançamento - A Philips, uma das maiores fabricantes mundiais de eletrodomésticos, e o Eletro Mateus promovem hoje, a partir das 19h, no Hotel Luzeiros, na Ponta do Farol, o lançamento da Android TV, que promete ser uma revolução nesse tipo de aparelho, porque garante o que existe de mais avançado em termos de imagem.


Na inauguração da Praça do Pescador, quinta-feira passada, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (E) comemorando com o secretário estadual da Cultura, Felipe Camarão, a boa parceria entre Município e Estado para realização de obras na cidade


Bolsa Escola - Nesta segunda-feira (26), o secretário estadual de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista (PSDB), fez, na Federação das Indústrias (Fiema), a apresentação do Programa Bolsa Escola (Mais Bolsa Família) para a Rede de Educação do Estado do Maranhão, voltado para atender cerca de 1,5 milhão de crianças e jovens nos 217 municípios maranhenses. Trata-se de transferência de renda a famílias que tenham filhos em escolas públicas para aquisição de material de uso escolar. 

Francamente - O deputado federal Sarney Filho (PV) e o senador Roberto Rocha (PSB) batem cabeça no Congresso Nacional no debate sobre um mesmo tema: a Zona Franca de São Luís, que seria criada para dar destino ao mercado internacional dos produtos que aqui seriam fabricados. A proposta do primeiro foi aprovada na sessão do Parlamento Amazônico, realizada semana passada na Assembleia Legislativa, e agora é esperar qual dos dois andará mais rápido nas duas casas legislativas em Brasília. Melhor esperar sentado.

25 de out de 2015

Eliziane Gama que se prepare para o bombardeio midiático se confirmar o apoio do PMDB para 2016

Não há candidato a prefeito de São Luís que não queira o apoio do PMDB. Até os leões que vigiam a sede do Governo do Estado e a estátua de Daniel de La Touche, em frente à sede do governo municipal, sabem dos esforços que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), com apoio de parcelas do "governo comunista" de Flávio Dino, vem fazendo para colocar a legenda no arco da aliança voltada para o projeto da reeleição, mas ao que tudo indica os peemedebistas deverão fechar com a candidatura oposicionista da deputada federal Eliziane Gama, para desgosto daquele que acham haver viabilidade de uma chapa própria ou mesmo do que sonham numa aproximação com os governos estadual e municipal.

O que deve ficar bem claro para Eliziane é que tão logo seja confirmada este apoio, para blogueiros e colunistas de plantão vai acender o sinal vermelho para atacar sua candidatura. Não faltarão aqueles que vão taxá-la de sarneísta, roseanista, direitista e tudo o mais que possam imaginar como prejuízo à sua imagem. Infelizmente é assim que se noticia fatos nestes últimos tempos no Maranhão. Jornalista não se limita mais a acompanhar os acontecimentos, para quererem se colocar na condição de atores do processo, e assim a notícia sempre tem um lado. E isto vale também para os que vão estar a favor da candidata. É uma tragédia, pois o leitor sempre gostaria de confiar no que leem, porém não dá mais.

Neste fim de semana, por exemplo, bastou a Folha de São Paulo noticiar a possibilidade da aliança entre Rede e PMDB - fato já amplamente divulgado na mídia local - para que as maldades começassem a ser plantadas, e isto é apenas o começo. Se o PMDB, no entanto, fechar com Holandinha o sinal, que hoje está amarelo, vai passar a vermelho para os "camaradas", que só vão enxergar virtudes no partido. O outro lado se encarregará do jogo sujo.

Maranhão tem um saldo negativo de 2,6 mil na geração de empregos ao longo de 2015, segundo Caged

Apesar de setembro ter sido o quarto mês consecutivo de resultado positivo na geração de empregos (foram apenas 221 postos de trabalho preservados), o Maranhão ainda tem um saldo negativo elevado, pois no acumulado dos nove meses de 2015 foram 2.632 ficaram sem trabalho com carteira assinada. De acordo com os números do Cadastro Geral de Admitidos e Demitidos (Caged), do Ministério do Trabalho, neste período foram 156.996 admissões contra 159.628 demissões. No levantamento dos últimos 12 meses, o saldo negativo é ainda maior: -15.138, pois de setembro de 2014 a setembro deste ano foram geradas no Estado 204.822 contratações, porém as demissões somaram 219.960.

Ainda de acordo com o Caged, dos nove estados nordestinos, apenas Bahia (-4.360) e Ceará (-1.508) apresentaram desempenho negativo na geração de empregos e o Maranhão ficou em último lugar entre os que tiveram saldo positivo: Piauí (264), Paraíba (1.199), Sergipe (1.675), Rio Grande do Norte (2.172), Alagoas (11.207) e Pernambuco (15.248). Além dos sete estados nordestinos, apenas Roraima (350), na região Norte, teve saldo positivo. Nas regiões Centro-Oeste, Sudeste e Sul, as mais desenvolvidas economicamente, todos os estados tiveram desempenho negativo.

No Brasil, foi registrado em setembro um saldo negativo de 95.602 vagas de emprego, um decréscimo de 0,24% na comparação com agosto. No total, 1.326.735 trabalhadores foram admitidos e 1.422.337, demitidos. Em 2015, a geração de vagas de trabalho no país está negativa em 1,6%, o que corresponde a menos 657.761 empregos. Nos últimos 12 meses, ocorreu a redução de 1.238.628 empregos (-2,96%) .

Festividades do Carnaval, em São Luís, poderão ser antecipadas em uma semana, já a partir do próximo ano

A Secretaria Estadual da Cultura e a Fundação Municipal da Cultura (Func) planejam antecipar em uma semana as festividades de carnaval em São Luís, a exemplo do que ocorre nas cidades de Vitória, capital do Espírito Santo, e Fortaleza, capital do Ceará. O objetivo seria atrair turistas interessados em brincar com mais intensidade a folia momesca, que deixariam de ser disputados com outras cidades que têm mais apelo para os foliões: Salvador (BA), Rio de Janeiro (RJ), Recife (PE) etc.

A ideia teria apoio da Federação das Escolas de Samba, pois seus dirigentes acreditam que mais pessoas poderiam assistir ao desfile, já que tradicionalmente nos dias oficiais do carnaval muitos preferem viajar para fora de São Luís ou mesmo do Maranhão em busca de folia. O projeto prevê ainda a contratação de uma rede de televisão para fazer a cobertura do evento, e as negociações estariam avançadas com a Bandeirantes.

Caso a ideia se confirme, São Luís poderá se tornar também refúgio para os turistas que querem passar o carnaval longe de folia. A cidade seria uma excelente alternativa para se "carregar as baterias" nos três dias do reinado de Momo.

Ministra da Agricultura, Kátia Abreu, diz que vai dar prioridade à melhoria da infraestrutura no Matopiba

GIRO ECONÔMICO

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Kátia Abreu, disse nesta sexta-feira (23), numa reunião com lideranças empresariais, em Palmas (TO), que uma de suas prioridades é criar condições para impulsionar o desenvolvimento socioeconômico do Matopiba, território formado por terras do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, que tem apresentado rápido crescimento econômico, resultado da alta produtividade agropecuária com o uso de tecnologias modernas. Segundo ela, o território tem mostrado potencial na produção de grãos, algodão e frutas, bem como na pecuária. Uma das estratégias para apoiar a expansão do território é o Plano de Desenvolvimento Agropecuário do Matopiba, lançado em maio deste ano, que prevê ações nas áreas de infraestrutura, inovação e tecnologia, de modo a aumentar a classe média no campo.

A ministra disse que pretende envolver cada vez mais o setor privado nas políticas voltadas para o crescimento regional e uma das metas visa a transformar os portos da região, dentre eles o Itaqui, em escoadouro para o mercado internacional.

Vacinação - Embora a abertura oficial esteja marcada para dia 1º de novembro, somente no próximo dia 06, uma sexta-feira, haverá o ato solene, em Chapadinha, para marcar o início da segunda etapa da campanha 2015 de vacinação contra febre aftosa, como informa o diretor da Agência de Defesa Agropecuária (Aged), Sebastião Anchieta. A expectativa é de que, ainda esta semana, sejam apresentadas as peças publicitárias para mobilizar os criadores a fim de ser garantido alto índice de imunização do rebanho contra a doença.

Estacionamento - Recentemente, o Procon obrigou uma empresa supermercadista a fixar placa em seu estacionamento com informação de que se responsabiliza por qualquer dano causado a veículos de clientes. Curiosamente, o mesmo tipo de exigência não é feito aos órgãos públicos, pois nunca ficou claro para quem frequenta Forum de Justiça, Estádio Castelão, Assembleia Legislativa, Palácio Henrique de La Roque, Casa do Trabalhador etc que essas repartições se responsabilizam por prejuízos em seus estacionamentos. Lei é lei!

Supermercados A Associação Maranhense de Supermercados (Amasp) deve iniciar nos próximos dias o processo de escolha das empresas que, dia 28 de novembro, vão receber o trofeu Carrinho de Ouro, maior premiação do varejo no Maranhão, que será realizada no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, onde no dia anterior haverá a Mostra de Produtos e Serviços e Workshop do setor supermercadista.










De Barcelona (Espanha), o veterinário Samir Nicolau, diretor da Agronicolau, manda, pelas redes sociais, registro da conclusão do curso Liderança Estratégica em Negócios, pela Eada Business School




Imposto - O Governo do Estado está disposto a recuperar R$ 32,7 milhões de ICMS que deixaram de ser recolhidos por empresas do ramo de transporte de cargas, e para isto mandou a Secretaria de Fazenda proceder 140 intimações às empresas que deixaram de prestar, corretamente, informações ao Fisco. A identificação dos devedores decorreu da comprovação de que emitiram Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e), mas não registraram ou registraram em valor menor, a Declaração de Informações Econômico-Fiscais (DIEF).

Adiamento - O Grupo NBR puxou o freio de mão e botou ritmo mais lento nas obras de construção do Golden Shopping, no Calhau, cuja inauguração seria no primeiro semestre de 2016, mas diante do cenário de incerteza da economia nacional, a empresa decidiu adiar os planos para 2017, até porque neste momento os shopping centers já inaugurados amargam dificuldades pela não ocupação das áreas de locação e a cada mês registram-se fechamento de lojas que não conseguem faturam nem o valor de aluguel, condomínio e outras taxas.

24 de out de 2015

Amasp lança, para novembro, mostra de produtos e serviços oferecidos pelas empresas supermercadistas

GIRO ECONÔMICO

A Associação Maranhense de Supermercados (Amasp) lançou nesta quinta-feira (22) a terceira edição da Mostra de Produtos e Serviços e Workshop, que será realizada dia 27 de novembro, no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana. A expectativa é que passe pela exposição cerca de 4 mil pessoas, atraídas pelos produtos e equipamentos que vão estar à mostra, bem como pelas palestras e cursos que serão realizados durante o evento. De acordo com o presidente da Amasp, João Sampaio Magalhães, o evento cresce a cada ano porque consegue agregar, num só espaço, supermercadistas, distribuidores, atacadistas, varejistas, representantes comerciais, industriais e outros atores dessa cadeia produtiva. O objetivo, acrescenta João Magalhães, é aproximar mais ainda as empresas para mostrar que, mesmo em períodos de crise, há aqueles que continuam investindo, apostando na recuperação econômica do País. Cerca de 50 empresas deverão expor da mostra.

A exposição será realizada um dia antes da premiação Carrinho de Ouro, em que serão homenageadas as empresas que mais se destacam no ramo do comércio.

Engenharia - Está marcada para dia 11 de novembro a eleição para renovar de 1/3 do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea) e no Maranhão o candidato com mais visibilidade para se tornar representante do estado no colegiado é o enenheiro agrônomo Francisco Soares da Silva, diretor do Instituto de Agronegócios do Maranhão (Inagro), que tem como candidata suplente Ivanilde Soares Santos. Uma das principais propostas de Soares é garantir o cumprimento do piso salarial dos engenheiros.

TendTudo - A TendTudo, em parceria com a Fortlev e a 3M, realizará neste sábado (24), das 10h às 11h, cursos técnicos gratuitos em São Luís, em comemoração ao mês de aniversário da rede. Os palestrantes da 3M darão dicas sobre como utilizar seus produtos em trabalhos manuais, manutenção e decoração de peças, na unidade de Africanos. Já os representantes da Fortlev falarão, na loja de Cohama, sobre como utilizar os melhores produtos, manutenção correta de caixa d'água e medidas para economizar água.

For do ar - Há um mês quem tem costume de sintonizar Rádio AM percebe que na faixa 1.180 só há chiado, pois a Capital, pertencente ao senador Roberto Rocha (PSB), simplesmente saiu do ar, para desespero do seu departamento comercial. Nos corredores da emissora a pergunta que mais se ouve é sobre quem vai acender a luz para normalizar a situação. 

Considerado um dos melhores selecionadores de ovinos e caprinos do Maranhão, o deputado Fábio Braga (E), proprietário da Fazenda Cristal, participa neste fim de semana, em Vargem Grande, da Exporvagem, maior evento da ovinocapinocultura do Estado. No registro, com o superintendente do Sebrae-MA, João Martins


Banco - Todos os dias os brasileiros são bombardeados pela propaganda, na televisão, do Banco do Brasil se apresentando como aquele que mais privilegia as micro e pequenas empresas. Pois bem, segundo relato de um micro empreendedor individual há mais de um mês abriu conta no BB e até hoje ela não foi liberada para movimentação. Cansado de tanto esperar, decidiu procurar um banco privado, onde sua conta foi aberta em menos de 48 horas e ainda recebeu cartão de crédito para movimentar seus negócios.

Eleição - Apenas duas chapas, uma da situação, encabeçada por Valéria Lauande, e outra da oposição, liderada do Thiago Diaz, se registraram para disputar no dia 20 de novembro a presidência da seccional maranhense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MA). Ambos os lados cantam vitória, entretanto quem analisa as pesquisas mais confiáveis se convence de que a Ordem está próxima de ser comandada, pela primeira vez no Maranhão, por uma mulher. É aguardar a votação e conferir os votos.

23 de out de 2015

Tribunal de Justiça suspende contagem dos prazos processuais até final da greve de servidores judiciais

O Tribunal de Justiça do Maranhão decidiu suspender contagem dos prazos processuais, audiências, intimações e citações pelo prazo de até 24 horas após o término da greve de servidores, ou de decisão que declare ilegal o movimento. A medida foi tomada por meio da Portaria GP nº 1205/2015, pela presidente do TJMA, Cleonice Freire, nesta quinta-feira (22).

De acordo com a portaria, os prazos serão mantidos apenas nos casos de antecipações de tutela e medidas cautelares concedidas por meio de liminar. O documento atende à solicitação feita pela Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Maranhão (OAB/MA), sob a alegação de que a deflagração do movimento grevista vem comprometendo o atendimento nas unidades jurisdicionais do Estado.

22 de out de 2015

Inmeq diz que doação de produtos apreendidos no comércio para ação social da Assembleia é regular

Em nota enviada ao blog, o Instituto de Metrologia e Qualidade Industrial do Maranhão (Inmeq-MA) diz que as doações de produtos apreendidos no comércio para ação social do Grupo de Esposas dos Deputados (Gedema) é regular.
Eis o teor da nota:

O Instituto de Metrologia e Qualidade Industrial do Maranhão (Inmeq-MA), órgão delegado do Inmetro, informa que a doação de produtos eletrodomésticos para entidades filantrópicas, sem fins lucrativos como o Grupo de Esposas de Deputados do Maranhão (Gedema) e a Fazenda da Esperança, está devidamente amparada por lei.

Todos os produtos doados foram recolhidos por este órgão durante fiscalização por terem sido fabricados antes da Portaria nº 371 de 29 de dezembro de 2009, que trata da obrigatoriedade do selo da conformidade.

Esta portaria (371/2009), em seu artigo 3º, estabelece a certificação compulsória de aparelhos eletrodomésticos e similares, conforme requisitos dos Programas de Avaliação da Conformidade desenvolvidos pelo Inmetro. A portaria estabeleceu a uniformidade para fabricantes e importadores e proibiu a sua comercialização pelo comércio formal a partir de 1º de janeiro de 2013.

Os produtos doados foram fiscalizados e recolhidos do mercado formal pelo Inmeq-MA após o vencimento do prazo de comercialização (2013), conforme estabelecido no artigo 5º da nº 371 que seria até janeiro de 2013. Ou seja, foram recolhidos por contrariarem a portaria no tocante ao prazo de comercialização e não por oferecerem risco à saúde e segurança do consumidor.

Os produtos eletrodomésticos e similares foram doados com base na portaria nº 319 de 06/06/2011 do Inmetro, que autoriza a doação de produtos apreendidos desde que não comprometam a saúde e a segurança dos usuários.

Bancos privados estão funcionando normalmente em São Luís, apesar do movimento grevista dos bancários

A adesão dos bancários ao movimento grevista deflagrado semana passada está longe de contar com o apoio de toda a categoria, como insistem em afirmar as lideranças do movimento sindical, pois muitas das agências de bancos privados funcionam normalmente e o único indicativo de greve são os cartazes afixados em suas fachadas, já que lá dentro está tudo operando normalmente.

É o caso, por exemplo, do Banco Itaú, que em nenhum dia parou suas atividades por conta de greve, como atesta este registro feito na tarde desta quinta-feira (22), na agência do bairro Renascença.

Na verdade, os mais afetados com a paralisação são os clientes de baixa renda dos bancos oficiais, principalmente Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil. São pessoas que precisam sacar o FGTS, pegar um novo cartão ou mesmo fazer outras operações que são possíveis apenas presencialmente. A greve foi deflagrada porque os bancários querem um aumento de 16% em seus salários e os bancos se dispõem a reajustar apenas em 5,5%, já tendo cedido até a 8,5%, com o que não concordam as lideranças do movimento nacional.

Servidores da Assembleia fazem protesto de reivindicação por melhorias de salários e condições de trabalho

Diversas caveiras foram afixadas na entrada da Assembleia Legislativa, no bairro do Cohafuma, nesta quinta-feira (21), em mais um protesto dos servidores da Casa contra o não cumprimento por parte dos deputados em aprovarem o seu plano de cargos, carreira e salários. De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo, Luiz Carlos Noleto, enquanto cerca de 400 servidores trabalham diariamente, dezenas ou até centenas de nomeados em cargos de comissão sequer aparecem em seus locais de trabalho, "muitos deles residentes em Caxias (cidade do presidente Humberto Coutinho), onde prestam serviços na prefeitura ou em repartições federais".

De acordo com Noleto, não corresponde com a realidade a informação de que tiveram 10% de aumento, pois o que lhes foi dado corresponde ao reparo da inflação (8,43%) e apenas 2% de aumento real. Para ele, no entanto, do que mais reclamam os servidores é da falta do Plano de Cargos e Salários, pois a Assembleia já aprovou planos para o Judiciário, para o Ministério etc, porém nunca tratou da questão em favor dos seus próprio servidores.

O sindicalista informou ainda que está encaminhando para o Ministério Público (Procuradoria de Combate à Improbidade Administrativa) a lista de todos os servidores que deixam de comparecer ao trabalho, bem como os que se encontram em duplicidade de função pública, num verdadeiro atentado contra a Constituição Federal, bem como a Estadual.

As caveiras simbolizam cada diretoria e os 42 deputados, que seriam os responsáveis por esta situação que resultou na paralisação dos trabalhos dos servidores da AL.

Produtos que o Inmeq proibiu lojistas de comercializar serão vendidos em ação social da Assembleia Legislativa

Diretor do Inmeq (C) fazendo o mesmo tipo de caridade com produtos tirados
de lojas numa ação social no município de Caxiad. Assim fica fácil!
Desperta uma curiosidade danada a doação feita pelo Instituto de Metrologia e Qualidade Industrial do Maranhão (Inmeq) de produtos recolhidos no mercado para uma ação social que o Grupo de Esposas de Deputados do Maranhão (Gedema) vai realizar na próxima terça-feira (27), na Assembleia Legislativa, o Bazar Eletro Solidário. Afinal de contas, os produtos recolhidos das prateleiras de lojas podem ou não podem ser utilizados pelo consumidor? Se podem, por que foram recolhidos? Se não podiam ser comprados no mercado, por que poderão ser adquiridos no bazar do Gedema?

De acordo com informação da organização do bazar da AL, são 91 produtos  - sanduicheiras, liquidificadores, ferros de passar, batedeiras, chapinhas de cabelo, cafeteiras e grills – doados pelo Inmeq. Segundo o presidente do órgão que fez a caridade, Geraldo Carvalho Júnior, os produtos não possuem o selo de identificação da conformidade exigido, mas estão aprovados para uso pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). Em outras palavras, os produtos não prestam, mas prestam, dependendo de quem vai vender. Ora, se o próprio diretor do Inmeq diz que essas mercadorias não têm selo de conformidade, então foram recolhidas porque algum risco ofereciam ao consumidor, mas se ele também admite que estão aprovadas pelo Inmetro, então não haveria problema nenhum serem vendidos pelos comerciantes.

Fiscais do Inmeq fiscalizando produtos no mercado: tudo pelo social
Seria o caso do Procon e/ou Ministério Público analisarem o caso para saber se quem adquirir esses produtos estará correndo algum perigo e se a resposta for negativa, questionar o porquê de terem sido confiscados de lojistas. Se as empresas que tiveram suas mercadorias apreendidas decidissem doar a uma instituição de caridade, em vez de comercializar esses produtos, após a fiscalização do Inmeq, os órgãos que defendem o consumidor aceitariam? É no mínimo estranha esta prática, pois significa dizer que todas as vezes que o Governo do Estado quiser fazer ação social, basta botar os fiscais do Inmeq na rua para recolher mercadorias no comércio, até porque esta não foi a primeira, e certamente outras virão, como foi o caso de uma ação social em Caxias, terra do presidente da Assembleia Legislativa, Humberto Coutinho, em favor da Fazenda Esperança. Assim é muito fácil fazer caridade!

Não se discute a causa nobre da ação social, pois segundo a presidente do Gedema, Cleide Coutinho, o dinheiro arrecadado será revertido em donativos para a Fundação Antônio Brunno, no Planalto Anil II, em São Luís, que atende 600 pacientes com câncer e seus acompanhantes vindos do interior do estado. O problema é tipo da caridade, pois seria melhor cobrar uma doação de cada deputado do "forçar" doação do comércio com pretexto, dos órgão do governo estadual, de estarem protegendo o consumidor.

Projeto da Vale Nos Trilhos do Desenvolvimento capacita 51 professores em seis municípios do Maranhão

GIRO ECONÔMICO

O projeto Nos Trilhos do Desenvolvimento, mantido pela Vale, formou 51 educadores sociais em seis municípios maranhenses, com o objetivo de capacitar membros da comunidade e lideranças locais para mobilização da comunidade em ações de sustentabilidade. Todas as pessoas capacitadas também tiveram a oportunidade de fazer oficinas de reciclagem sobre temas importantes para o projeto, como o engajamento comunitário e práticas de Permacultura. Além da formação de educadores sociais, o projeto mobilizou 400 pessoas por meio das Tendas Literárias, com ações de estímulo ao hábito da leitura. O Cinema Itinerante, reuniu 300 pessoas durante a exibição de filmes em espaços públicos. Houve, ainda, a pintura de 21 casas com tinta produzida pelos próprios moradores e a produção de 2.250 mudas para serem plantadas às margens de rios e igarapés, quintais, ruas e praças.

Estes são alguns dos resultados alcançados pelo Nos Trilhos do Desenvolvimento, projeto que está entre as principais iniciativas da Fundação Vale em municípios maranhenses.

Nos trilhos - Coordenador do projeto de implantação do VLT em São Luís, na administração de João Castelo, o engenheiro Arthur Carvalho, que preside a Agência de Mobilidade Urbana (MOB) e é responsável pelas obras de modernização das avenidas dos Holandeses e Litorânea, está convencido de que este projeto vai ser concluído, pois, se não bastasse o empenho do governador Flávio Dino, a sociedade maranhense sabe que quando ele assume um projeto é porque tem viabilidade. “Eu não entro em aventura”.

Carestia - Quem frequenta supermercados vem percebendo que, nos últimos dias, a maioria dos produtos, principalmente dos itens alimentação e bebidas, teve aumentos de preços surpreendentes, sem nenhuma justificativa lógica. Segundo um empresário do setor, alguns fornecedores, alertados de que o ICMS no Estado vai aumentar de 17% para 18% e alguns produtos serão taxados em 20% para alimentar o caixa do Fundo de Combate à Pobreza (Fumacop) decidiram adotar, desde já, as novas alíquotas.

Estacionamentos - A maior preocupação dos comerciantes estabelecidos na Avenida Litorânea, bem como dos frequentadores das praias, com o projeto de transformação dessa via em mão única, é a extinção de mais de 50% dos estacionamentos, pois serão permitidos apenas de um lado, ou seja, restaurantes e bares vão perder clientes e banhistas vão procurar outro lugar para diversão.






Ex-gerente do Pestana Hotel, Gabriella Vasconcelos é a nova diretora do Restaurante Escola Senac. No registro, com o superintendente regional do órgão, José Ahirton Batista Lopes


Administração - O Conselho Regional de Administração realizará, de 04 a 06 de novembro, no Hotel Pestana (Calhau), o XVIII Encontro Maranhense de Administração (Emad), evento já consolidado como o de maior visibilidade no Estado para divulgação e troca de informações sobre temas relacionados à Administração. O encontro deste ano tem como tema central os "50 Anos de Administração Profissional", uma avaliação do que foi a profissão neste meio século e suas perspectivas para o futuro.

Mulheres - Com o tema Mulheres de Atitude, será realizado, dia 28 de outubro, o XIII Fórum da Mulher Empresária, promovido pelo Conselho da Mulher Empresária da Associação Comercial do Maranhão. Estão confirmadas as participações da empresária Márcia Nadler, da psicóloga Vera Jordão e da juíza Oriana Gomes, que vão compor uma mesa redonda coordenada pela jornalista Adriana Vieira. Além destas, Dill Casella proferirá palestra sobre Atitude e Altitude, baseada em obra literária de sua autoria.

21 de out de 2015

Bancos e bancários são notificados pelo Procon para garantirem serviços, mesmo em estado de greve

Os estabelecimentos bancários,dentre eles Banco do Brasil, Caixa Econômica, Banco da Amazônia, Banco do Nordeste, Bradesco, Itaú e HSBC, além do Sindicato dos Bancários e a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) foram notificados pelo Procon para garantir prestação de serviços à população, mesmo com a greve iniciada em outubro.

O órgão diz que recebeu diversas denúncias de consumidores prejudicados por falta de reabastecimento nos caixas eletrônicos, atraso em seus pagamentos e outros. A notificação exige que no prazo de 48 horas, do seu recebimento, sejam cessadas as práticas de diferenciação de atendimento entre os clientes, atendendo a todos indistintamente na medida de sua disponibilidade; que garantam abastecimento de dinheiro nos caixas eletrônicos espalhados em agências bancárias e em outros estabelecimentos comerciais em todo o Estado do Maranhão.

Outras determinações são para que seja extinta qualquer cobrança de multa ou juros aos consumidores durante o período de greve bancária; e que se mantenha o efetivo de 30% (trinta por cento) de pessoal para garantir a prestação dos serviços essenciais como os serviços de compensação de cheques e o atendimento a consumidores que não possuem cartão ou que não tenham como utilizar os canais alternativos.

Caso os notificados descumpram as determinações, serão aplicadas penalidades administrativas e civis cabíveis, além de, em sendo o caso, responsabilização penal por crime de desobediência, na forma do artigo 330 do Código Penal.

Secretaria das Cidades abre concorrência para contratar construção de casas na zona rural de dez municípios

A Secretaria das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid) abriu, na Comissão Central Permanente de Licitação (CCL), concorrência a fim de contratar empresas para construção de mil unidades habitacionais, de interesse da Secretaria de Estado de Cidades e Desenvolvimento Urbano (Srcid). Participam da disputa 23 empresas do ramo de construção civil.

Neste primeiro momento, as empresas realizaram a entrega dos envelopes de habilitação e propostas de preços. Inicialmente, a Comissão julgadora analisará as propostas de habilitação. Esta etapa tem como finalidade verificar e avaliar as condições e requisitos técnicos para cumprir com o contrato de construção das mil unidades habitacionais em povoados dos municípios de Cajari, Santana do Maranhão, Marajá do Sena, Santa Filomena do Maranhão, Amapá do Maranhão, Serrano do Maranhão, São João do Sóter, Afonso Cunha, Governador Newton Belo e Belágua.

O processo licitatório continuará nesta sexta-feira (23), onde serão abertos os envelopes de propostas de preço das licitantes vencedoras na etapa das propostas de habilitação.

Polícia Federal deflagra operação para desarticular quadrilha que frauda concursos públicos em todo o país

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quarta-feira (21), em São Paulo, no Paraná, Rio de Janeiro, em Alagoas e Rondônia, a Operação Afronta, para desarticular uma organização criminosa que frauda concursos públicos do Poder Judiciário em todo o país. A fraude foi detectada pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região, que notou irregularidades no último concurso para os cargos de analista judiciário e técnico judiciário. Os documentos foram encaminhados à PF para instauração de inquérito. Os candidatos suspeitos tinham feito a prova em Sorocaba.

Segundo a PF, a investigação apurou que os líderes do grupo monitoravam a publicação de editais de concursos públicos, inscreviam no exame candidatos interessados em ingressar na carreira mediante fraude e também os chamados pilotos - membros da organização que se inscrevem no concurso para fotografar o caderno de questões com microcâmeras durante a prova.

Esses "pilotos" saíam da sala de aula depois do tempo de permanência exigido, de uma hora, e repassavam as fotos das folhas ao líder da organização que providenciava a correção das questões com o auxílio de outros comparsas. No final, as respostas eram repassadas aos candidatos por meio de ponto eletrônico, dispositivo intra-auricular de comunicação, que se conecta ao celular do candidato.

Candidatas eleitas para o Conselho Tutelar de Pio XII são impedidas de tomar posse por decisão da Justiça

As candidatas Ivanice Maria de Lima Silva, Maria Rita Pereira, Nádia Silva e Thalita Carulina do Nascimento e Nascimento, eleitas para o Conselho Tutelar de Pio XII, foram impedidas de tomar posse, por determinação do juiz Raphael Leite Guedes, que acatou ação do promotor de Justiça Diógenes Portela Torres. 

Na decisão, o juiz confirmou a existência de fortes indícios que as candidatas Maria Rita Pereira, Nádia Silva e Thalita Nascimento formaram uma chapa, tendo se vinculado à entidade Colônia dos Pescadores para garantir a eleição, caracterizando prática de abuso de poder político e institucional durante o processo de escolha dos conselheiros.

Já Ivanice Maria de Lima Silva recebeu apoio do presidente e membro integrante do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, inclusive com pedido de votos e promoção da candidatura. “São fatos graves que merecem guarida pelo Poder Judiciário”, afirmou o juiz.

Em caso de descumprimento, foi determinado que o prefeito e o presidente do Conselho Tutelar paguem multa diária de R$ 5 mil, além da responsabilização criminal por desobediência e caracterização de ato de improbidade administrativa.
(Imagem do G1)

Pesquisa da Confederação Nacional do Comércio constata queda na intenção de consumo no mês de outubro

GIRO ECONÔMICO

A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) brasileiras caiu pelo nono mês seguido em outubro, com 78,4 pontos, em uma escala em que resultados menores que 100 indicam insatisfação com a situação atual. Os dados foram divulgados pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). O resultado representa o menor valor da série histórica iniciada em 2010 e está 35,5% abaixo do registrado no mesmo mês do ano passado, quando chegou a 121,5 pontos. Em relação a setembro deste ano, houve queda de 1,8% e em relação ao mês passado, o indicador que mais apresentou recuo em outubro foi o nível de consumo atual, com -3,7%.

A Intenção do Consumo das Famílias tem a menor pontuação registrada no Sudeste, com 67,2 pontos. A segunda menor é a do Centro-Oeste, com 84 pontos. O Nordeste tem o maior índice, 93,2 pontos, mas registra queda de 1,5% em relação a setembro e de 30,3% na comparação com 2014. No Sudeste, a queda ante o ano passado chega a 41,4%.

Iphan - A confirmação da saída de Kátia Bogéa da Superintendência do Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) provocou reações nos meios empresarial, político e intelectual. O presidente da Academia Maranhense de Letras, Benedito Buzar, foi o que fez a crítica mais contundente, pois acha que a interferência política no órgão, pois contraria “reiteradas afirmações de efetivas mudanças política em nosso Estado”. Kátia Bogea deixa o cargo na próxima sexta-feira e em sua lugar assume Alfredo Alves Costa.

Bazar - Recolhidos nas lojas porque estariam impróprios para consumo, 91 produtos - sanduicheiras, liquidificadores, ferros de passar, batedeiras, chapinhas de cabelo, cafeteiras e grills – vão ser comercializados pelo Grupo de Esposas de Deputados do Maranhão (Gedema), terça-feira (27), no Bazar Eletro Solidário, na Assembleia Kegislativa. A doação é do Instituto do Inmeq, que apreendeu as mercadorias porque não estavam em conformidade com exigências do órgão, ou seja, não prestam, mas servem.

Eleição da OAB - Encerra-se nesta quarta-feira (21) o prazo para inscrições de chapas que irão disputar a eleição de 20 de novembro na Ordem dos Advogados do Brasil. Até agora, apenas uma candidatura está confirmada, a de Valéria Lauande, mas são aguardas as de Thiago Diaz e de Mozart Baldez, ou ainda a fusão destas concorrentes da oposição.


Kátia Bogea, que deixa sexta-feira (23) a superintendência do Iphan, num dos últimos atos por ela assinados, o Museu da Indústria, com o presidente da Fiema, Edilson Baldez (E), e o reitor da Universidade Federal, Natalino Salgado




Calibragem - Para aumentar o tempo de uso dos pneus, garantir condições de segurança dos veículos e reduzir o consumo de combustível, a Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA) aprovou nesta terça-feira (20) projeto de lei que obriga os postos de combustíveis a fazerem regulagens periódicas dos calibradores de pneus. O projeto foi apresentado pela ex-deputada Nilda Gondim (PMDB-PB), hoje primeira suplente do senador José Maranhão (PMDB-BB).

Leitura - Aberto, ontem, prossegue nesta quarta-feira (21), no Parque do Bom Menino, o Projeto Parque Literário da Aprendizagem, promovido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). O evento, em comemoração ao Dia da Leitura, transcorrido dia 12, contará com participação de alunos do Programa de Aprendizagem do Senac, escritores e cantores maranhenses. O objetivo é estimular a linguagem artística, literária e histórica entre os profissionais capacitados pelo Senac para que tenham pensamento lógico.


18 de out de 2015

Presidente da CDL de São Luís não alimenta muitas expectativas para as vendas de fim de ano

GIRO ECONÔMICO

O presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas de São Luís (CDL), Fábio Ribeiro, não alimenta muito otimismo para o movimento do comércio no mês de dezembro, tradicional período de vendas aquecidas por conta das festas de Natal e Ano Novo. Segundo ele, as estimativas das confederações do comércio (CNC) e dos lojistas (CNDL) não são animadoras para comerciantes e trabalhadores, pois o baixo índice de vendas implicará em menos contratações de empregados temporários, já que apenas uma em cada dez empresas ouvidas por essas entidades indica possibilidade de aumentar o quadro funcional para atender à demanda, e, para completar, algumas redes nacionais começam a dar sinais de encolhimento, com fechamento de lojas, mas nem por isto prega o caos, pois acredita que a criatividade é que vai fazer o diferencial.

Fábio Ribeiro diz que empresas e poder público devem se unir para criação de estratégias de incentivo ao consumo, até porque a queda nas vendas significa redução no recolhimento de impostos, o que implica em menos dinheiro para investimentos em obras sociais.

Nota fiscal - É do deputado Josemar do Maranhãozinho o projeto de lei 226/15 que vai criar mais problemas aos empresários, caso seja aprovado, pois determina que nas notas fiscais sejam incluídos telefone, endereço postal, site e endereço eletrônico do Procon, da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e Minorias da Assembleia Legislativa e da Promotoria de Defesa do Consumidor. Como as notas, em sua maioria, são eletrônicas, deve haver adaptações nas Receitas estadual e municipais e nos equipamentos para emissão do documento fiscal.

Aviação - Ainda não surtiu o efeito desejado pelo Governo do Estado a redução do ICMS do querosene de aviação para estimular o movimento de aeronaves nos aeroportos do Maranhão. Segundo dados da Infraero, de janeiro a setembro deste ano, houve 17 mil 085 pousos e decolagem no aeroporto de São Luís contra 19 mil 661 de igual período em 2014, o que significa uma queda de 13,1%, ou 1.976 operações a menos. Em setembro passado, foram 2 mil 111 contra 2 mil 344 em 2014, o que significa uma retração de 9,9%.

Relíquia - O publicitário Antônio Nelson Farias está a procura de colecionadores para se desfazer de uma relíquia de 70 anos. Trata-se da agenda da Nestlé de 1940, em boa conservação, contendo em suas páginas antigas propagandas dos produtos fabricados pela multinacional, como o “Nescao”, quando ainda se escrevia assim.



A secretária municipal de Turismo, Socorro Araújo (E), que dia 22 realiza em Buenos Aires (Argentina), ação para promover o destino São Luís, com a presidente da Abav-MA, Maria Antonieta Uchoa, e o secretário-adjunto de Turismo do Estado, Marcus Vinícius Campos




Vacinação - Apesar de ter obtido na última vacinação contra febre aftosa, em maio, um percentual de imunização acima de 98%, segundo estatística da Agência de Defesa Agropecuária (Aged), o Maranhão não pode descuidar da proteção dos rebanhos bovino e bubalino, por isto volta a mesma preocupação do primeiro semestre: os órgãos públicos ainda não iniciaram a mobilização dos criadores para a segunda etapa da campanha 2015, que será realizada de 1º a 30 de novembro, ou seja, faltam apenas duas semanas para a abertura.

Verão - Apesar de o estado estar fora da zona em que o horário de verão passa a ser adotado, a partir deste domingo, os maranhenses vão sentir alterações no seu dia-a-dia com a mudança de horário, pois pousos e decolagens de aeronaves comerciais, horário de funcionamento de bancos, compensações bancárias etc passam a ser pelo horário de Brasília, isto é, uma hora a menos, assim como muda o hábito de assistir televisão, já que novelas, telejornais e transmissões de partidas de futebol também serão antecipados em 60 minutos.