11 de dez de 2015

Correios reajustam suas tarifas e cortam gastos com publicidade, alugueis e horário de funcionamento

GIRO ECONÔMICO
O Diário Oficial da União publicou nesta quinta-feira (10) portaria autorizando aumento das tarifas dos serviços postais e telegráficos, nacionais e internacionais, prestados exclusivamente pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT). A correção das tarifas, como as de entrega de cartas e telegramas, será 8,89% e ajudará a diminuir o déficit no orçamento da estatal, que deve chegar a R$ 2 bilhões até o fim do ano. Além da revisão das tarifas, o novo presidente dos Correios, Giovanni Queiroz, informou que medidas administrativas também fazem parte do pacote previsto. Ele quer adiar a renovação das frotas de carros e caminhões da empresa, que atualmente ocorre a cada cinco anos.

Os contratos de 4,8 mil imóveis que a empresa aluga serão também revistos, verbas publicitárias e de patrocínio serão cortadas e até o horário de funcionamento das agências poderá sofrer alterações. Para o ano que vem, o objetivo é cortar R$ 1,7 bilhão em gastos e aumentar em R$ 300 milhões a receita da empresa.

Agropecuária - O deputado Fábio Braga (PTdoB) retornou de Salvador (BA), onde participou da Feira Internacional da Agropecuária da Bahia (Fenagro), a convite da Associação de Caprinos e Ovinos do Estado da Bahia (ACCOBA). Ele disse que durante o evento pode constatar que o programa de incentivo à agricultura familiar que vem sendo dado pelo Governo do Estado tem uma repercussão muito positiva, principalmente depois da ampliação da Feira da Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão (Agritec) para vários municípios.

Consumo - O Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) confirma em seu levantamento sobre as intenções de compra para as festas de Natal a pesquisa realizada pela Federação do Comércio, pois apesar de 93% dos entrevistados terem admitido que vão dar algum tipo de presente, a maioria diz que gastará bem menos este ano. Outro detalhe deste levantamento é que, devido à incerteza do que está por vir, as compras estão sendo pagas com dinheiro, já que o consumidor teme vir a ficar envidado logos nos primeiros meses do novo ano.

Zona Franca - O senador Roberto Rocha (PSB) causou boa impressão aos diretores da Confederação Nacional da Indústria (CNI), onde semana passada fez uma explanação sobre o seu projeto da Zona Franca de São Luís, que tem por principal objetivo atrair empresas que irão destinar sua produção ao mercado internacional. 





Quem muda de idade nesta sexta-feira (11) é Sâmia Nicolau, diretora do Grupo Nicolau, que tem negócios nos segmentos de construção, agronegócio, distribuição de combustíveis etc. No registro, com os pais, Lídia e Antônio Hiluy Nicolau


Ausência - O que a falta de um título não faz. Convidado para receber a homenagem quando ainda era ministro de Aviação Civil, Elizeu Padilha foi distinguido com a Medalha do Mérito Legislativo, quarta-feira (09), na Assembleia Legislativa, sem ter merecido o testemunho sequer de representantes do governador Flávio Dino (PCdoB) e do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que, certamente, teriam lhe estendido os tapetes dos palácios dos Leões e La Ravardiere, respectivamente, se ainda tivessem algo a lhe reivindicar.

Procen - O Programa de Desenvolvimento de Fornecedores do Maranhão (PDF-MA), coordenado pela Federação das Indústrias (Fiema) e mantido pela Alumar, Cemar, Eneva, Solar e Vale, está com inscrições abertas para a nova turma do Procem, sua principal ferramenta de qualificação e certificação. As empresas interessadas em participar serão capacitadas em Qualidade e Produtividade; Saúde, Segurança do Trabalho e Meio Ambiente; Gestão Contábil, Tributária, Trabalhista e Financeira; e Responsabilidade Social.

Nenhum comentário: