1 de mar de 2016

Felipe Camarão bate recorde de permanência em cargos no governo: em 14 meses foi secretário de quatro pastas

Felipe Camarão (E) bate recorde em nomeações no Governo do Estado
O advogado Felipe Camarão não consegue por em andamento nenhum dos projetos que idealizou desde que foi chamado pelo governador Flávio Dino (PCdoB) para compor sua equipe de governo. Escolhido para secretário de Administração, foi tirado do cargo no começo do segundo semestre para ocupar a Secretaria da Cultura, logo depois do São João, no lugar de Ester Marques, onde não demorou até o carnaval deste ano, já que foi designado para outra pasta, a Secretaria de Governo, criada especialmente para recebê-lo.

Nesta terça-feira, porém, Felipe Camarão foi deslocado pela terceira vez, pois será o novo secretário de Educação, no lugar de Áurea Prazeres. Em 14 meses, ele foi secretário de  quatro pastas, o que lhe dá uma média de 3,5 meses em cada posto, ou seja, é praticamente impossível alguém conseguir desempenhar bem qualquer função num ambiente de incerteza como este por que passa o governo de Flávio Dino, que mais uma vez surpreendeu ao colocar na Secretaria de Governo o advogado Antônio Nunes, que era diretor do Departamento de Trânsito (Detran).

O que mais surpreende é que o governador e seus auxiliares continuam vendendo a ideia de que o governo vai bem, correspondendo aos anseios da população, entretanto nunca na história deste ano houve tanta mudança na equipe de primeiro escalão quanto no atual governo, sinal de que nem tudo parece funcionar a contento, tanto que a toda hora as peças são trocadas de lugar.

Nenhum comentário: