31 de jul de 2016

Pesquisa DataM mostra que o principal adversário de Edivaldo Holanda é o próprio Edivaldo Holanda

A pesquisa DataM publicada neste domingo pelo Jornal Pequeno e que teria sido contratada pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon) e pela TV Difusora, arrendada por um grupo político liderado pelo deputado Wewerton Rocha (PDT), mostra que o principal adversário de Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que vai tentar a reeleição, não é a deputada Eliziane Gama (PPS) nem o deputado estadual Wellington do Curso (PP), mas o próprio o prefeito.

De acordo com a pesquisa, foram entrevistados 1.200 eleitores em São Luís, entre os dias 18 e 21 de julho. Destes, 25,7% disseram que votariam no prefeito, enquanto 19,0% votariam em Eliziane Gama (PPS) e 12,8, em Wellington do Curso (PP), para ficar apenas com os três mais mencionados.

De acordo com o instituto, a margem de erro é de 3,1% para mais ou para menos, ou seja, Edivaldo pode ter entre 22,6% e 28.8%; Eliziane pode ter entre 15,9% e 22,1%; e Wellington, entre 9,7% e 15,9%, o que significa dizer que Edivaldo estaria na liderança absoluta, sem empate técnico, como vinham mencionando os outros institutos de pesquisa.

O problema do prefeito está no quesito rejeição, pois, segundo o DataM, 25,9% não votariam nele em hipótese alguma, o que significa dizer que esta rejeição pode ser de 22,8% ou 29,0%. Resumindo: os que não querem confiar um segundo mandato a Edivaldo são mais do que os que tencionam dar sua cadeira a Eliziane ou a Wellington. Vem a questão: como com uma rejeição beirando 30%, ele pode estar à frente no segundo turno dos dois adversários, se a rejeição de Eliziane é de 19% (16,9% ou 22,1%) e a de Wellington, de 12,8% (9,7% ou 15,9%)?

Com a palavra o DataM.

Nenhum comentário: