13 de set de 2016

Presidente da Academia Maranhense de Letras elogia revista Maranhão Hoje, que circula há quatros anos

Jornalista dos mais conceituados no Maranhão, professor, historiador, escritor e presidente da Academia Maranhense de Letras (AML), Benedito Buzar escreveu em sua coluna de fim de semana em O Estado do Maranhão, um dos maiores elogios já recebidos pela revista Maranhão Hoje, publicação de periodicidade mensal da Class Mídia Comunicação e Marketing, que está no seu quarto de circulação ininterrupta. Segundo Buzar, MH quebra uma tradição na imprensa maranhense, onde as revistas, em sua grande maioria, tiveram pouco mais de um ano de duração. Diz ele:

"No Maranhão, poucas revistas chegaram a ultrapassar um ano de vida.

Ao contrário dos jornais, que tiveram longa vida, uns mais, outros menos, as revistas algumas bem feitas e ricas de conteúdo, não se sustentaram e encerram sua atividades precocemente.

Maranhão Hoje, dirigida e editada pelos jornalistas Aquiles e Diego Emir, pai e filho, conseguiu a proeza inédita de manter-se viva até os dias correntes e parece que nada impedirá de continuar em circulação.

De 2013, quando nasceu, aos dias correntes, se passaram mais de três anos, e a revista continua com seu padrão de qualidade inalterado, produzindo boas matérias e veiculando fatos e atos do setor público e do privado, sem fazer concessões a interesses subalternos, salvo melhor juízo, causadores da extinção das revistas que as antecederam".

Maranhão Hoje é encontrada nas principais bancas de revistas da capital e várias cidades maranhenses, bem como em Teresina (PI).

Nenhum comentário: