20 de out de 2016

Edivaldo Holanda não aparece e debate na TV Guará é transformado em entrevista com Eduardo Braide

O que seria um debate transformou-se numa entrevista exclusiva com apenas um dos candidatos a prefeito de São Luís, Eduardo Braide (PMN), na TV Guará. A mudança no formato do programa deu-se porque o outro candidato, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que tenta a reeleição, ter se recusado a participar, e ainda tentou suspender o programa junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA), alegando não ter sido informado de sua realização, o que o jornalista Américo Azevedo Neto, que seria o coordenador do embate, desmentiu, exibindo os ofícios encaminhados ao coordenador de Jornalismo da campanha do PDT, Jorge Vieira, e à assessora da prefeitura Tati Lima.

Com a nova formatação, Eduardo Braide (foto), ganhou todo o tempo que seria do debate para conceder uma entrevista aos jornalistas Américo Azevedo Neto, Itevaldo Júnior (Jornal Pequeno) e Marcos Saldanha (TV Guará). O candidato respondeu a perguntas sobre temas diversos, inclusive a polêmica de ter ido ou não pedir o apoio da ex-governadora Roseana Sarney (PMDB), que ele justificou dizendo ter buscado aliança com outros partidos para o primeiro turno, mas não fatiou a prefeitura em troca de alianças, e por isso é candidato de partido único e teve apenas 10 segundos de tempo no rádio e na TV no primeiro turno.

Eduardo Braide lembrou que, ao contrário de Edivaldo, que faltou a todos os debates, com exceção o da TV Mirante, não recusou um sequer, tanto em veículos de comunicação quanto em entidades da sociedade civil. Braide lamentou a ausência do adversário.

Um comentário:

Anônimo disse...

Esse tal de Edivaldo Enrolando tá rodado