17 de nov de 2016

Depois de Garotinho, Polícia Federal prende nesta quinta-feira o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral

Depois da prisão de Anthony Garotinho,nesta quarta-feira (16), outro ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (foto), foi preso pela Polícia Federal, na manhã desta quinta-feira (17) na Operação Calicute, ligada à Lava Jato. A ordem de prisão partiu do juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal do Rio de Janeiro.

O ex-governador é suspeito de liderar um grupo que desviou cerca de R$ 225 milhões em contratos com diversas empreiteiras, sendo que R$ 30 milhões são referentes a obras tocadas pela Andrade Gutierrez e a Carioca Engenharia.

Segundo a PF, havia fortes indícios de cartelização de grandes obras executadas com recursos federais mediante o pagamento de propinas a agentes estatais, incluindo o ex-governador.

No total, 230 policiais federais cumprem 52 mandados de busca e apreensão, 10 mandados de prisão preventiva, 3 mandados de prisões temporárias e 14 mandados de condução coercitiva expedidos pelas Varas Criminais do Rio de Janeiro e de Curitiba.

Sérgio Cabral governou o Estado do Rio de Janeiro entre 2007 e 2014, quando renunciou ao cargo

(Com dados da Bandnews)

Nenhum comentário: