19 de nov de 2016

Na despedida do Castelão em 2016, Sampaio perde mais uma e não corre nenhum perigo de perder a lanterna

Na sua última partida no Estádio Castelão na temporada 2016, o Sampaio Corrêa, para variar, perdeu mais uma e agora não corre mais o menor perigo de perder a lanterna, que segura desde a primeira rodada da Série B, em maio, quando foi goleado pelo Vasco da Gama por 4 a 0.

Agora, mesmo que vença o Goiás, na próxima terça-feira (22), em Goiânia, o time não sairá do último lugar, pois o máximo que pode alcançar são 30 pontos, a mesma pontuação do Tupi (penúltimo colocado), porém devido ao saldo de gol não ultrapassará a equipe mineira, que ainda pode somar 33 pontos se vencer o último compromisso.

Para sua despedida do Castelão, o Sampaio ainda conseguiu levar cerca de cem torcedores, que foram testemunhar mais um fracasso. O time foi derrotado pelo Atlético de Goiás, campeão antecipado da Série B, pelo placar de 1 a 0.

Na saída do jogo, o goleiro Rodrigo Ramos, ídolo da torcida tricolor, pediu desculpas e disse que 2016 é um ano para ser esquecido.

Nenhum comentário: