10 de dez de 2016

Em entrevista à Istoé Dinheiro, governador Flávio Dino que se "estiver vivo" será candidato à reeleição em 2018

Em entrevista concedida ao jornalista Luís Arthur Nogueira, da revista Istoé Dinheiro, que chega às bancas neste fim de semana, o governador Flávio Dino (PCdoB) informa que se "estiver vivo" será candidato à reeleição em 2018. O governador deixa a entender, também, que seu candidato a presidente da República será o ex-presidente Lula ou alguém que passe pela sua liderança. Ao funcionalismo público o recado é péssimo, pois pode ficar sem aumento de salários.

Quando indagado sobre "quais são os grandes nomes da esquerda em 2018",Flávio Dino responde: "Acho que é uma construção em curso que passa essencialmente por um personagem chamado Lula. Com a sua própria candidatura ou com outra candidatura, mas necessariamente passando pela sua liderança".

Na sequência, o repórter pergunta se ele será candidato à reeleição e o governador responde: "Serei, se eu estiver vivo", uma resposta óbvia, já que morto não poderia se candidatar.

O governador deixa uma péssima mensagem de fim de ano para o servidor público, pois este corre o risco de não ter nenhum tipo de aumento salarial em 2017. 

No ano que vem os servidores do Maranhão terão reajuste salarial?
– Ainda estamos fazendo contas. Depende da votação do projeto de lei de alongamento da dívida com a União e o BNDES. Se aprovado, nos dará uma folga de caixa pequena de R$ 200 milhões que, eventualmente, pode ser utilizada para aumentar o salário de algumas categorias. Não há condições de fazer um reajuste geral.

Nenhum comentário: