8 de dez de 2016

Maranhense vai poder usufruir apenas cinco anos de aposentadoria com adoção do limite mínimo de 65 anos



Caso seja aprovada a reforma da Previdência Social, como estabeleceu o governo federal, o maranhense passará a gozar apenas cinco anos da aposentadoria, haja vista que, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a expectativa de vida no estado é de 70 anos, enquanto a idade mínima para requerer o benefício é de 65 anos.

Já um catarinense pode usufruir da aposentadoria por cerca 14 anos, já que a expectativa de vida em Santa Catarina, a maior do Brasil, é de 78,7 anos (veja gráfica).

O limite a ser imposto no Brasil é o mesmo da maioria dos países, conforme levantamento do portal UOL, veja como é:
  • Alemanha: subirá de 65 anos para 67 anos até 2029
  • Argentina: 65 anos para homens e 60 anos para as mulheres
  • Austrália: 65 anos para homens e mulheres. Subirá aos 67 anos até 2023
  • Áustria: 65 para homens. A idade de aposentadoria para as mulheres vai subir de 60 anos para 65 anos até 2033
  • Bélgica: 65 anos para homens e mulheres
  • Chile: 65 anos homens e 60 anos mulheres
  • Dinamarca: 65 anos e subirá para 67 anos até 2022
  • Espanha: 65 anos e dois meses e subirá para 67 anos em 2027
  • França: subirá de 60 a 62 anos até 2017
  • Holanda: subirá gradualmente de 65 anos e dois meses para 66 anos em 2018 e 67 anos em 2021
  • Itália: é de 66 anos e chegará em 67 anos em 2019
  • México: 65 anos para homens e mulheres
  • Portugal: 66 anos e dois meses
  • Reino Unido: 65 anos para homens e 62,5 para as mulheres. A idade delas vai subir até 65 anos até 2018. Até 2028 chegará aos 67 anos para ambos
  • Estados Unidos: está em 66 anos e subirá para 67 anos até 2022
  • Japão: aumentou gradativamente de 60 anos para 65 anos até 2013 para homens. Para as mulheres, os 65 anos chegarão em 2018.
  • Suíça: 65 anos para homens e mulheres
  • Grécia: 67 anos para homens e mulheres


Um comentário:

Anônimo disse...

Todos países bem pobres né?