1 de dez de 2016

Técnicos da Conab debatem na cidade de Pedreiras preço mínimo do babaçu com quebradeiras de coco

GIRO ECONÔMICO

Técnicos da Companhia Nacional de Abastecimento estiveram reunidos no município de Pedreiras, nesta quarta-feira (30), com lideranças de quebradeiras de coco para um debate sobre os desafios para a implantação da Política de Garantia de Preços Mínimos para Produtos da Sociobiodiversidade (PGPM-Bio). 

O Maranhão é o estado com maior participação na PGPM-Bio, tendo sido responsável, em 2016, por 70,6% do total do país, com 3.211 acessos. Foram subvencionadas 1,76 toneladas de babaçu, com aporte de R$ 2,18 milhões. O programa oferece subvenção direta ao extrativista, pagando um bônus após ele comprovar a venda de seu produto por um preço inferior ao mínimo fixado pelo governo federal. 

A política contempla 15 produtos: açaí, andiroba, babaçu, baru, borracha extrativa, cacau extrativo, castanha-do-brasil, carnaúba, juçara, macaúba, mangaba, pequi, piaçava, pinhão e umbu. 

Codevasf - A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) foi certificada com o Selo Verde da Agenda Ambiental na Administração Pública, pelo Ministério do Meio Ambiente criado como resposta da administração pública à necessidade de enfrentamento das questões ambientais. A cerimônia ocorreu em Brasília como parte do Dia Verde, evento criado para divulgar as ações da empresa na área ambiental e estimular os funcionários a desenvolverem a sustentabilidade. 

Encadeamento - A Vale concluiu o Projeto Encadeamento Produtivo nos municípios de São Luís, Santa Inês, Açailândia e Imperatriz, com participação de 120 empresas. O objetivo é a promoção da competitividade e o desenvolvimento sustentável de fornecedores da cadeia de valor da mineradora. Segundo Dorgival Pereira, gerente de Relações Institucionais, o projeto cumpre a política de valores e o planejamento estratégico da empresa, com o olhar voltado para a sustentabilidade dos territórios onde atua.

Liminar - O Banco do Brasil não corre o menor risco de descumprir a liminar do juiz Douglas Martins para que suspenda desativação de agências, até porque os fechamentos estão previstos para 2017 e até, certamente, ela já estará sepultada.





Em Poção de Pedras, onde foi realizada mais um curso de ABC Cerrado, o presidente da Federação da Agricultura, Raimundo Coelho (D), e Émerson Macêdo acompanhados do prefeito de Pedreiras, Júnior Cascaria, vice-prefeito e vereadores

Agritec - A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) da I Feira de Agricultura familiar e Agrotecnologia do Maranhão (Agritec), que começa nesta quinta e vai até sábado (03) em Chapadinha. A Companhia contará com estande cedido pela Secretaria de Agricultura Familiar (SAF), onde serão distribuídos informativos sobre os programas operacionalizados pela Conab, com destaque para Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e Política de Garantia de Preço Mínimo para Produtos da Sociobiodiversidade (PGPM-Bio). 

Construção - O nível de atividade das indústrias da construção civil no Maranhão voltou a cair após dois meses consecutivos de aumento. O índice apresenta queda de 1,9 ponto, atingindo, em outubro, 42,2 pontos, indicando retorno do ritmo de queda. Os dados foram coletados pela Federação das Indústrias do Maranhão (FIEMA), em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), no período de 1 a 11 de novembro. O indicador varia de 0 a 100 pontos e se fica abaixo de 50 indica queda na atividade.

Nenhum comentário: