5 de fev de 2017

Sindicato da Construção Pesada muda de nome e conquista carta sindical junto ao Ministério do Trabalho

GIRO ECONÔMICO

Uma luta que se arrastava cerca de vinte anos chegou ao fim e os empresários maranhenses do ramo de construção pesada, finalmente, conseguiram obter, junto ao Ministério do Trabalho e Previdência, sua carta sindical, mas para isto o Sindicato da Indústria da Construção Pesada do Maranhão (Sincopem) deixou de existir e em seu lugar surgiu o Sindicato da Indústria de Construção Rodoviária do Maranhão (Sindicor). 

Segundo o presidente Zeca Belo (foto), essa foi a alternativa para encerrar uma disputa com o Sindicato Nacional da Industria de Construção de Pesada (Sinicon), que reivindicava o direito de ser a única entidade no país com representação das empresas do setor, e conseguiu barrar por todo esse tempo o registro do sindicato maranhense junto ao MTE.

Quanto às ações do novo sindicato, Zeca Belo diz que nada muda, pois mantém-se o mesmo trabalho desenvolvido nestas quase duas décadas, mas a partir de agora vai poder receber contribuições sindicais, fazer convenções trabalhistas, firmar convênios etc. 

Veículos - As vendas de veículos em São Luís tiveram em janeiro deste ano desempenho inferior ao de dezembro de 2016, porém maior do que o verificado no mesmo mês do ano passado. De acordo com dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), foram 1.755 emplacamentos no primeiro mês de 2017 contra 1.856 de dezembro, o que dá uma variação negativa de 5,44%, enquanto em janeiro de 2016 foram 1.743, ou seja, uma diferença de 0,69% de um ano para o outro.

Velório - A mansão localizada na Avenida Casemiro Júnior, no bairro do Anil, que por muitos anos foi residência do casal Roberto e Virgínia Albuquerque, passará a ter nos próximos meses uma destinação bem diferente. É que o também empresário Silvino Gullar, dono do Jardim da Paz, adquiriu o imóvel e nele vai instalar seis salas de velório a fim de atender a crescente demanda, ou seja, as três que funcionam anexas à sede da empresa, no mesmo bairro, não atendem mais aos pedidos para esse tipo de serviço.

Plenária - A partir desta quarta-feira (08) voltam a ser realizadas as sessões plenárias de todas as semanas na Associação Comercial do Maranhão, agora sob a presidência de Felipe Mussalém que foi empossado solenemente no cargo dia 1º.







Na posse da diretoria da Associação Comercial, quarta-feira (1º), Samir Nicolau (D), vice-presidente para Assuntos Rurais, com o pai, Antônio Hiluy Nicolau; o tio Eduardo; a mãe, Lídia; a avó Jaqueline; e a irmã Samira



Turismo - O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, está elaborando um projeto para criação de uma estrutura favorável ao turismo de Barreirinhas, com construção restaurantes, banheiros etc, dentro do Parque dos Lençóis Maranhenses, a fim de atender os turistas que visitam a região, devendo o edital para concessão dos serviços, por meio de parceria público-privada, ser publicado até maio. Para fevereiro, agendou reunião com prefeitos dos Lençóis e Munim para debaterem a destinação final de resíduos sólidos.

Fiema - O presidente da Fiema, Edilson Baldez, vai à região Tocantina, quarta-feira (08), onde será realizada a primeira reunião mensal da entidade em 2017. Na quinta-feira (09), pela manhã, assina ordem de serviço para construção da Unidade de Qualidade de Vida do Trabalhador do Serviço Social da Indústria (Sesi); à tarde, em Açailândia, visita a Siderúrgica Aço Verde Brasil e à noite inaugura as novas instalações do Centro de Educação Profissional e Tecnológica Rafael Ramacciotti do Senai.

Nenhum comentário: