26 de abr de 2017

Ao dizer que não nada na mesma piscina do irmão Flávio Dino, Nicolao teria se inspirado na música de Cazuza?

Uma das frases mais contundentes na declaração de Nicolao Dino, que é vice-procurador eleitoral e um dos candidatos à sucessão do procurador-geral da República Rodrigo Janot ainda este ano, na entrevista à Folha de São Paulo, em que procura manter suas diferenças com o irmão Flávio, governador do Maranhão, é aquele que diz "nado não apenas em raias diferentes, mas em piscinas diferentes".

A pergunta foi a seguinte: "Seu irmão é alvo de suspeitas na Lava Jato por causa da delação da Odebrecht. Isso atrapalha?

Eis a resposta: "Os valores que eu defendo me acompanham desde que eu ingressei na vida pública como procurador da República. Por outro lado, nesta mesma toada, somos pessoas diferentes e com identidades diferentes. Tenho dito que nado não apenas em raias diferentes, mas em piscinas diferentes. Minha vida pública como procurador da República em nada interfere na vida dele como político e vice-versa. Não vejo como misturar essas estações".

A frase soa tão forte que faz lembrar uma das mais famosas músicas de protesto dos anos 1980, "O Tempo não Para", de Cazuza, que diz: "A tua piscina esta cheia de ratos, tuas idéias não correspondem aos fatos, o tempo não para..."

Nenhum comentário: