25 de mai de 2017

Para fazer as obras para sua readequação, governador transforma a Avenida Litorânea numa rodovia estadual

O governador Flávio Dino (PCdoB) decidiu transformar, por decreto, a Avenida Litorânea, que é uma via urbana, numa rodovia estadual, para que ele possa executar o projeto de sua readequação a fim de ser transformada num corredor de via única e passe a compor o conjunto de mudanças que serão feitas também na Avenida das Holandeses para que seja o outro corredor em sentido contrário.

Com a mudança, a avenida, que começa na Praia de São Marcos e vai até o Olho d´Água, passa a ser uma extensão da MA 203, que começa na Ponta do Farol e vai até a cidade de Raposa, sendo que no trecho dentro do território de São Luís passou a ser denominado de Avenida dos Holandeses.

Segundo o presidente da Agência de Mobilidade Urbana (MOB), Arthur Cabral, com essa medida o governador encerra o debate de que estaria interferindo na administração municipal, ou seja, em vez de firmar parcerias para execução de obras ele próprio as executará. 

A Litorânea passará então a ser a via por onde os veículos transitarão no sentido Bairro-Centro e a Holandeses será o percurso inverso, isto é, Centro-Bairro. Para fazer esta adequação, as obras devem começar em julho, com a extensão da Litorânea até a Rua São Geraldo, no Olho d´Água.

O procedimento foi o mesmo adotado quando a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) foi fazer a Avenida Via Expressa. Como ela está dentro dos perímetros urbanos da capital, ela transformou numa extensão da Transmetropolitana, rodovia que vai interligar os quatro municípios da Ilha. À época, não faltaram críticas, pois os opositores de então diziam que tratava-se de uma má vontade, já que o correto seria ela conveniar com a Prefeitura, como pedia o ex-prefeito João Castelo e depois Edivaldo Holanda, por isto seria importante eleger um governador que respeitasse a autonomia do município.


Nenhum comentário: