16 de ago de 2017

Flanelinhas protestam contra Prefeitura e colocam arranjo no lugar da estátua de Mãe d´Água na Pedro II

Os flanelinhas que trabalham na vigilância e lavagem de carros na Praça Pedro II, em frente à Igreja da Sé, no Centro Histórico de São Luís, resolveram fazer um protesto sem violência contra a Prefeitura Municipal colocando uma peça de arranjo de construção civil no lugar da estátua da Mãe d´Água, que foi retirada da fonte existente naquele logradouro e ninguém sabe para onde foi.

De acordo com um desses flanelinhas, o objetivo é chamar atenção das autoridades e da população para, quando alguém passar pelo local, verificar que há algo de errado naquela fonte, pois o monumento era outro, pois quem sabe assim aumente a pressão ao  prefeito para ele explicar o porquê da retirada da estátua. Ao mesmo tempo, querem esclarecer aos turistas curiosos em saber o que significa aquele arranjo o que realmente ocorreu.

A estátua da Mãe d´Água foi retirada da praça e nunca mais retornou e ninguém sabe informar o destino, tampouco se ainda vai voltar. O arranjo foi encomendado a uma empresa que fabrica esse tipo de arranjo muito utilizado em construções antigas ou servem para decorar jardins.

Um comentário:

uimar junior disse...

Amigo fiz a pesquisa . Quem colocou esta obra aí foi um artesão /restaurador chamado Joubert é morador da praça e estava trabalhando em um casarão e pegou . Este objeto chama-se pináculo . Segundo ele colocou por acha vazio o lugar da Mãe D'água e o pináculo por ser uma objeto universal onde se coloca no mais alto de um edifício, Casarões e etc.