21 de ago de 2017

Governador fica irritado com notícia de proteção policial a deputado que dirigia embrigado e provocou acidente

Fábio Macedo dirigia embrigado e recebeu proteção policial
O governador Flávio Dino (PCdoB) não ficou nada satisfeito, e certamente irá tomar as providências para apurar a veracidade dos fatos, com a informação de que a Polícia Militar tenha dado proteção ao deputado Fábio Macedo (PDT), que na noite de sábado se envolveu num acidente de trânsito, no bairro da Ponta d´Areia, em completo estado de embriaguez alcoólica. No acidente, o parlamentar teria danificado quatro veículos, e, apesar de estar visivelmente sob efeito de álcool, não passou pelo teste de bafômetro, foi levado numa viatura da PM para sua residência e para completar não houve registro do ocorrido em nenhuma delegacia de polícia.

A irritação do governador faz sentido, pois este episódio colocou em xeque a veracidade do seu artigo "Basta comparar", publicado no domingo (20), no qual cita como uma das principais realizações do seu governo o combate aos motoristas que dirigem embriagados, coisa que, segundo ele, não havia na gestão passada. Disse ele: "Antes, as pessoas dirigiam bêbadas sem serem fiscalizadas, porque não havia barreiras policiais; atualmente, a polícia faz operações para diminuir mortes no trânsito, com grande êxito".

Caso não sejam prestados a Sua Excelência os esclarecimentos sobre esse episódio, o comando da PM e a Polícia Civil podem passar para a sociedade o sentimento de que a fiscalização vale para uns e para outros, não, e o governador, certamente, vai querer que a sociedade tenha uma outra impressão da moralidade do seu governo, e para isso já teria solicitado nomes dos policiais que estiveram no local, não para punir o infrator, mas protegê-lo.


Nenhum comentário: