20 de set de 2017

Cachorros são considerados membros da família e aumentam gastos de brasileiros com seus cuidados

GIRO ECONÔMICO

Alimentação saudável, cuidados com a saúde, bem-estar físico e mimos de todo tipo. Foi-se o tempo em que a expressão ‘vida de cão’ era usada como sentido negativo. Uma pesquisa inédita realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) em todas as capitais com internautas que possuem ou são responsáveis financeiros por um animal de estimação revela que 61% dos entrevistados consideram seus pets como um membro da família. 

E para cuidar do bem-estar desses companheiros, eles gastam, em média, R$ 189 todos os meses, cifra que aumenta para R$ 224 entre os consumidores das classes A e B. Para quem recebe até dois salários mínimos, esse valor pode representar até 10% da renda familiar.

O levantamento revela ainda que um terço (33%) dos donos de pets admite que na hora das compras sempre opta por itens que vão além do básico e 21% nunca deixam de comprar algo para seus animais de estimação por falta de dinheiro.

Aprovação - O advogado Mário Macieira comemorou nesta segunda-feira (18) o entendimento do Conselho Federal da Ordem Nacional de que não havia nenhuma irregularidade em sua prestação de contas sobre exercício de 2015 quando presidia a seccional maranhense, e assim foi tornada sem efeito a votação de julho do ano passado quando o conselho estadual, como base num levantamento feito por uma consultoria externa, decidiu reprová-la. Para ele, a OAB fez justiça a um equívoco motivado pela política.

Social - A Vale inaugura nesta quarta-feira (20) um novo espaço no trem de passageiros da Estrada de Ferro Carajás (EFC). Trata-se do Vagão Social, um carro adaptado que levará à população atendimentos de saúde, cidadania, oficinas, palestras, lazer infantil-juvenil e uma série de atividades para diversos públicos. Os serviços serão prestados no trajeto realizado em dias alternados entre a capital São Luís e Maranhão, no estado do Pará, o que vai tornar mais prazerosa a viagem entre os dois estados.

Senai - O presidente da Federação das Indústrias, Edilson Baldez, informa que os alunos da Unidade Senai do Itaqui Bacanga serão transferidos para outros colégios do órgão, no Monte Castelo e Distrito Industrial. O imóvel onde a unidade funciona vai ser cedida pela Vale, sua proprietário para o Governo do Estado instalar mais um Iema.






Mário Macieira, no registro ladeado pelos desembargadores Lourival Serejo (E) e Paulo Velten, comemora decisão da OAB Nacional de aprovar suas contas que foram reprovadas em 2016 pelo conselho estadual da Ordem



Saneamento - A Confederação Nacional da Indústria (CNI) quer reduzir o prazo de liberação de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para investimento em projetos de saneamento. O estudo lista medidas para reduzir o tempo da liberação. De acordo com o documento, o tempo médio para as estatais acessarem os recursos é de 27 meses, mas uma “mera unificação de procedimentos” possibilitaria a redução do tempo de repasse para 18 meses, como ocorre nas companhias privadas.

Seminário - A Câmara de Dirigentes Lojistas de São Luís (CDL) realiza nesta quinta–feira (21), das 14H às 18H, na Rua da Estrela (Centro Histórico), o “II Seminário Estadual de SPC”, com palestras do presidente do Procon-MA Duarte Júnior, sobre o Novo Perfil do Consumidor; do consultor da rede Stratic e engenheiro José Domingues Neto, sobre Gestão Enxuta & Produtividade no Varejo; e do professor Cidinho Marques, sobre Automotivação. Segundo o Presidente Fábio Ribeiro, na oportunidade serão apresentados novos produtos do SPC.

Nenhum comentário: