21 de nov de 2017

Motoristas e pedestres se arriscam diariamente no caótico trânsito de São Luís e prioridade é sinalização eletrônica

Os motoristas e pedestres que todos os dias se aventuram no caótico trânsito de São Luís, correndo todos os tipos de ameaças, independentemente da modalidade de transporte em que se encontram, devem se conformar, pois, ao que tudo indica, a Prefeitura não vai cuidar de medidas básicas para garantir a segurança da população, já que sua prioridade é apenas a sinalização eletrônica, na qual investiu uma fortuna para poder arrecadar mais com multas que serão geradas, muitas delas, por conta das péssimas sinalizações e condições de tráfego que ela própria oferece para a população.

A foto acima desta postagem é de uma das avenidas mais movimentadas de São Luís, a dos Franceses. No bairro da Alemanha, a altura do Elevado Alcione Nazaré, o semáforo que controla a passagem de quem segue no sentido Centro-Outeiro da Cruz está apagado há dias, e nenhuma providência é tomada. O sinal fica no cruzamento com a rua que vem da Ponte Hilton Rodrigues, no Maranhão Novo (Avenida Daniel de La Touche), ou seja, um trânsito intenso, mas os motoristas têm que adivinhar quando parar e quando avançar.

Outra demonstração de que a Prefeitura não está nem aí para a segurança dos pedestres foi dada com a criação da sinalização eletrônica. No bairro do São Francisco foram pintadas todas as faixas por onde o motorista passar pode gera multas, porém não sobrou um balde de tinta para refazer as faixas de pedestres.

Na foto, observa que em frente à Igreja Católica, quando o sinal abre para os carros avançarem, abre também para os pedestres atravessarem com segurança. Se alguma autoridade municipal um dia experimentar essa aventura talvez passe a pensar mais naqueles que sustentam seus salários.

3 comentários:

Anônimo disse...

Olha, o trânsito de SLZ melhorou muito.
Acredito que se a tia Rosengana tivesse no poder ou outro prefeito estaria como no passado, um pesadelo.
S

Fernando disse...

O trânsito de São Luís é selvagem. Ninguém respeita nada. Veículos sobre calçadas, não há faixas de pedestres (e as poucas que tem não são respeitadas). Guarda tem que multar, quem educa e ensina é auto escola. Sem fiscalização, não há solução. Agora, para fiscalizar, a Prefeitura tem que sinalizar. Acorda Sr Prefeito!

Fernando disse...

O trânsito de São Luís é selvagem. Ninguém respeita nada. Veículos sobre calçadas, não há faixas de pedestres (e as poucas que tem não são respeitadas). Guarda tem que multar, quem educa e ensina é auto escola. Sem fiscalização, não há solução. Agora, para fiscalizar, a Prefeitura tem que sinalizar. Acorda Sr Prefeito!