31 de dez de 2017

Em 2018, o compromisso de manter um jornalismo de alto nível, comprometido com boa informação, está renovado

AQUILES EMIR

O ano de 2017 foi marcado por muitos desafios, mas Conversa Franca, em nenhum momento, se acovardou do compromisso assumido com seus leitores, assinantes e anunciantes de fazer um bom jornalismo, e isto se fez também com a revista Maranhão Hoje na versão impressa, que circula todos os meses, quanto na versão eletrônica, onde foram abertos espaços para todas as correntes de pensamento, a fim de que todas as opiniões, embora diferentes de seus diretores e editores, fossem levadas ao conhecimento da população.

Este compromisso se renova em 2018, um ano que certamente será marcado por fortes emoções, por conta, principalmente do embate que o Brasil terá na Copa do Mundo da Rússia e na disputa eleitoral para escolha do novo presidente da República, do novo governador do estado (e seu vice), de dois senadores, 18 deputados federais e 42 deputados estaduais. Será um ano, como todos desejam, de recuperação econômica, de surgimento de novas oportunidades de emprego, de muita felicidade.



É assustadora a declaração de Flávio Dino de que está pronto para fazer campanha de "baixarias", se for atacado

Chamou atenção na longa entrevista do governador Flávio Dino (PCdoB), concedida com exclusividade ao Jornal Pequeno e publicada neste domingo (31) - na qual diz não ser amigo do ex-presidente Lula, não ter certeza do apoio do ex-presidente e não acreditar na candidatura do senador Roberto Rocha (PSDB) ao governo - o trecho em que ele diz estar preparado para desenvolver uma campanha de "baixaria" em 2018, se este for o jogo montado pelos seus adversários, ou seja, fez alimentar a especulação de que já estaria montado, pela sua assessoria, um escritório político paralelo, voltado só para desconstruir imagens dos adversários.

A pergunta feita por um dos jornalistas que participaram da entrevista foi a seguinte:

"O senhor acredita que a oposição vai se valer de baixarias para atacá-lo?"

A resposta foi de causar perplexidade até nos entrevistadores, pois imaginava-se que ele, um ex-juiz e do alto de sua autoridade de governante que jurou cumprir e defender a Constituição, dissesse que se esforçaria para manter uma campanha de alto nível, entretanto, o que declarou foi que está pronto para também baixar o nível se alguém fizer isso para atingi-lo. Disse, Flávio Dino:

"Na campanha de 2014, houve baixarias da parte deles. Em 2018, vai ter, seguramente. Aliás, eles fazem isso todos os dias. Mas eu acho que a população já está vacinada em relação a isso. Agora, se alguém me perguntar: É uma eleição simples? Não, não é. Do ponto de vista pessoal, é confortável uma eleição com baixarias? Não, não é. É desejável? Claro que não. Mas se é o que eles sabem fazer, a gente também está pronto para o que eles sabem fazer..."

Leia reportagem completa em Maranhão Hoje.

Quais serviços estão prestando ao Governo do Estado blogueiros que reclamam do atraso de seus pagamentos?


Vários blogueiros, por falta de cuidado com o que se diz nas redes sociais, ao divulgarem em grupos sociais na internet suas queixas pelo atraso na liberação do que teriam a receber do Estado, acabaram colocando o Governo na mira do Ministério Público, que, se quiser, pode abrir uma investigação para apurar que tipo de serviço prestam esses "profissionais" que agora estão cobrando publicamente as agências de publicidade contratadas pela Secretaria de Comunicação e Assuntos Políticos (Secap).

Alguns chegam a dizer que não recebem há mais de quatro meses, isto é, desde agosto, e outros reclamam do alto preço que estão pagando por terem trabalhado esse tempo todo contra o Grupo Sarney.

Há muito se sabe que o Palácio dos Leões mantém uma rede de blogs e sites alinhados ao governo, muitos deles nem para divulgar publicidade ou noticiar atos do governo, mas para desconstruir currículos de políticos, jornalistas, empresários e outros que ousam discordar do governador Flávio Dino. 

Pela primeira vez, porém, esse tipo de relação é externado, conforme notícia publicada por Jhivago Sales - http://www.jhivagosales.com.br.

E onde entra o Ministério Público nisso? Pelas normas constitucionais e de outros diplomas legais, a publicidade do governo deve ter caráter educativo e jamais ser usada para promoção pessoal ou política do governante de plantão. O MP poderia também ir mais a fundo e perguntar, não precisa ser nem para a Secap, às agências de publicidade sobre quais os critérios  para selecionar os blogs que estão recebendo verbas públicas e quem dita essas normas.


Se fizessem isto, os nobres procuradores e promotores de Justiça iriam encontrar um vasto campo para trabalhar e mostrar à sociedade maranhense a profundeza e a sujeira do esgoto para onde estão jogando dinheiro público pelos ralos do aparelho estatal de Comunicação Social do governo de "todos nós".

Vale ressaltar que esses blogs contratados pelas agências credenciadas pela Secap vão estar bem azeitados para nos próximos meses fazerem uma campanha infame, grosseira, criminosa... contra os adversários do governador, que estará empenhado em se reeleger. 

E quem banca isso? O contribuinte, do mais rico ao mais pobre, daí a necessidade do MP de, pelo menos ensaiar, uma apuração rigorosa dessa vergonha que acaba de vir à tona.

Avante, MP!

Novo presidente do CRC diz que 2018 será de desafios, mas está armado de "boa vontade" para enfrentá-lo

Em mensagem aos seus colegas de profissão, o contador João Conrado de Carvalho (foto), que deverá presidir o Conselho Regional de Contabilidade do Maranhão (CRC-MA) a partir de terça-feira próxima, dia 02 de janeiro, diz que 2018 será um ano de muitos desafios, "mas estamos dispostos, armados de boa vontade e ideias mil" para enfrentá-los.

Na próxima terça-feira, o CRC se reúne para dar posse aos novos conselheiros eleitos em novembro passado. Eles vão renovar em 2/3 o colegiado. Na condição de integrante da Chapa 2, Conrado é candidatura natural ao cargo de presidente e deverá ser eleito para dirigir o órgão.

Eis a íntegra da nota:

Amigos profissionais da contabilidade, chegamos ao final de 2017 não só com o sentimento de fim de um ciclo e início de outro com mais expectativas positivas. Mais que isso, chegamos às portas de 2018 cientes do enorme desafio que nos espera e certos de que somente com o apoio de todos poderemos vencer cada luta. A grande vantagem é que estamos dispostos, armados de boa vontade e ideias mil. Por tudo o que aconteceu e pelo que ainda vem pela frente é que quero renovar meus votos das melhores festas e um novo ano de realizações.

Santa Inês foi o município do Maranhão que teve pior desempenho na geração de empregos em novembro

GIRO ECONÔMICO

Apesar do saldo negativo no estado de 300 postos de trabalho desativados em novembro, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), São Luís fechou o mês com um saldo de 1.155 empregados preservados. Foram 6.340 contratações contra 5.185 demissões. Já no acumulado dos 11 meses, a capital registrou 67.537 admissões contra 65.445 demissões, ou seja, um saldo positivo de 2.092 vagas mantidas, mas o desempenho dos 12 meses, embora pequeno, é negativo. 

No período foram contratados 72.119 trabalhadores e 72.232 foram demitidos, gerando um saldo negativo de 113. Por outro lado, Santa Inês foi o município com pior desempenho do mês de novembro: saldo de 89 postos de trabalho fechados, resultado de 146 admissões contra 235 demissões.

Santa Inês tem ainda um acumulado de 458 postos de trabalho fechados (2.253 contratações e 2.711 desligamentos) e nos 12 meses um acumulado de -663 (2.366 admissões e 3.029 demissões). Leia reportagem completa em MARANHÃO HOJE.

Acordos - Os sindicatos dos trabalhadores que têm alguns privilégios por conta de acordos coletivos de trabalho precisam correr contra o tempo, pois, segundo informação da Federação do Comércio, todos os que estavam em vigor até 31 de outubro caíram em desuso com a entrada em vigor das novas normas trabalhistas, como é o caso do horário de funcionamento do comércio, folga em determinadas datas, valor de horas extras etc, o que vem sendo negociado individualmente entre empregadores e empregados.

Comércio - Os estabelecimentos comerciais aguardam para este domingo um comparecimento maciço de clientes, por isto, tanto nos shopping centers quanto nas ruas vários estabelecimentos anunciam funcionamento normal neste último dia de 2017. O funcionamento deve ocorrer até por volta das 16h, porém, como não há convenção coletiva em vigor entre sindicatos de patrões e empregados, os acordos estão sendo celebrados individualmente nas empresas entre patrões e trabalhadores. 

Contabilidade - O contador João Conrado de Carvalho, que terça-feira deve ser eleito e empossado presidente do Conselho Regional de Contabilidade (CRC-MA), já definiu a primeira ação no cargo: ingressar na Justiça para que os profissionais de sua área também tenham ISS reduzido como o conseguido pelos advogados.




Na condição de ex-presidente e já se preparando para retorno ao parlamento, o chefe da Casa Civil do Governo do Estado, Marcelo Tavares, participou, com a família, da confraternização dos servidores da Assembleia Legislativa



Turismo - Embora sejam artistas de fama, o que lhe garante enormes receitas pelas suas atuações em palcos, cinema e TV, a atriz Glória Pires e o marido, cantor Orlando Moraes, decidiram investir em turismo no Maranhão, como proprietários da Pousada Orla Náutica, em Barreirinhas, onde neste domingo (31) promovem uma das maiores festas de Réveillon doestado. O casal teria adquirido também propriedade em Luiz Corrêa, no litoral piauiense, o que sinaliza que vai expandir os negócios em toda Rota das Emoções.

Liquidação - No Maranhão, apenas os moradores das cidades de Bacabal, Caxias, Codó e Timon vão poder desfrutar, na próxima semana, da tradicional “liquidação fantástica” da loja Magazine Luíza, marcada para sexta-feira (05), simultaneamente também em São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Goiás, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará e Piauí. Como se sabe, há apenas uma loja da rede no estado, instalada no Caxias Shopping.

30 de dez de 2017

Em 2018, Maranhão Hoje quer continuar fazendo parte de sua vida, com uma filosofia simples assim: você compra e ela não se vende; você assina e ela não se entrega

Fundada em 2013, Maranhão Hoje é uma publicação mensal da Class Mídia Comunicação & Marketing. É a única revista maranhense de periodicidade regular e ao longo desses cinco anos conseguiu se manter porque segue uma filosofia bem simples: você compra e ela não se vende; você assina e ela não se entrega. 

Foi assim em 2013, em 2014, em 2015, em 2016 e em 2017, sempre atuando sem amarras com governos ou partidos, pois sua vocação é ser livre e render obediência a um único senhor: você, leitor. Em 2018 ela quer continuar fazendo parte de sua vida e atrair mais gente para o seu lado, por isto lhe convida para ser um assinante ou então que procure o jornaleiro mais próximo, mas não deixe de ler as 12 próximas edições. 

Maranhão Hoje é encontrada também na versão eletrônica: www.maranhaohoje.com



Câmara Municipal rasga Constituição ao privilegiar advogados e punir os demais prestadores de serviços

É provável que os vereadores não tenham lido as alterações feitas pela OAB no projeto que modifica o Código Tributário Municipal, assim como não leram o texto original mandado pela Prefeitura, por isto cometeram, salvo melhor interpretação, uma barberagem jurídica com a aprovação de um projeto modificado por entendedores das leis.

Na questão da cobrança do ISS a matéria é uma flagrante violência contra o princípio da impessoalidade previsto na Constituição Federal, que diz em seu Art. 5°: todos são iguais perante a lei, sem qualquer distinção de qualquer natureza.

Diz também a Carta Magna, em seu artigo 37, que a administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios obedecerá aos princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência.

Ora, os nobres vereadores receberam dia 21 e iriam votar no dia seguinte um projeto com mais de 500 artigos, tal como veio do Poder Executivo. A OAB entrou no circuito, conseguiu suspender a votação e modificou o texto, aprovado, quinta-feira (28), tal como emendado pelos advogados, garantindo a estes um ISS inferior a R$ 200 e elevando para demais categorias de prestadores de serviços - médicos, odontólogos, arquitetos, engenheiros, contadores, economistas, administradores de empresas etc - a perto de R$ 700. Como pode isso? Não se sabe, mas em sua página na internet a OAB comemorou.

Por conta disto, a Câmara deverá submeter o Executivo ao vexame de ver derrubado na Justiça o seu Código Tributário. Na primeira semana de janeiro, o Conselho de Contabilidade deve ingressar na Justiça com uma ação contra esse tratamento diferenciado, em que não foi levada em conta a isonomia, isto é, deu tratamento diferenciado a uma categoria e puniu outras. 

O mesmo caminho devem tomar os conselhos de Medicina, de Odontologia, de Arquitetura, de Engenharia e Agronomia, de Economia. CONTINUE LENDO.

Pedro Fernandes assume Ministério do Trabalho com polêmica portaria sobre trabalho escravo revogada

GIRO ECONÔMICO

O deputado Pedro Fernandes (PTB) assume o Ministério do Trabalho, na próxima semana, com um abacaxi a menos para descascar. Em seu último ato à frente da pasta, o também parlamentar petebista, pelo Rio Grande do Sul, Ronaldo Nogueira assinou nova portaria que revoga a de 16 de outubro que cria novas regras para definição do que seja trabalho escravo, o que levou o governo a sofrer pesadas críticas da sociedade civil, da imprensa, de especialistas, agências das Nações Unidas, de organizações internacionais, de grandes empresas nacionais e estrangeiras, de políticos, procuradores, magistrados, entre outros. 

Investidores estrangeiros chegaram a afirmar que o país poderia sofrer sanções, uma vez que o enfraquecimento no combate ao trabalho escravo reduziria a credibilidade sobre a qualidade social de produtos brasileiros.

Pela nova portaria, publicada nesta sexta-feira (29), no Diário Oficial da União, são quatro as condições para enquadrar uma empresa por uso de trabalho escravo: condições degradantes de trabalho, jornada exaustiva, servidão por dívida e trabalho forçado.

Combustíveis - Na última pesquisa do ano realizada pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) sobre preços de combustíveis, o Maranhão aparece em segundo lugar no ranking dos estados onde o preço da gasolina é mais baixo, R$ 3,73, atrás apenas do Goiás, onde o litro tem preço médio de R$ 3,37. O Acre é a unidade da Federação onde ela custa mais caro: R$ 4,80. Quanto aos outros combustíveis, o Maranhão tem preço médio do etanol em R$ 3,27 e óleo diesel, R$ 3,18.

Reajuste - O preço da gasolina e do diesel comercializados nas refinarias da Petrobras sofreram novos reajustes. De acordo com a empresa, nesta sexta-feira (29), a gasolina sobiu 1,7% e o diesel 1,1% e a partir deste sábado (30), haverá novo aumento, de 1,9% para a gasolina e 0,4% para o diesel. Esta semana, o preço dos combustíveis nas refinarias já haviam sido ajustados, quarta-feira (27), quando houve aumento de 1,1% no diesel e redução de 0,4% na gasolina e na quinta-feira (28), houve aumento de 0,9% no diesel.

Aluguel - O indicador usado para reajustar aluguéis terminou em queda. O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) acumulado em 2017 ficou negativo em 0,52%, portanto os consumidores que têm contratos com vencimento em dezembro podem manter os valores do aluguel congelados. Os dados são da Fundação Getulio Vargas (FGV).






Na festa de confraternização dos servidores da Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira (27), o deputado Wellington do Curso (PP) aproveitou a folga da equipe do Buffet para fazer selfie



Cemar - A Cemar reforçou o número de equipes para o atendimento dos seus mais de 2,4 milhões de clientes em todo estado a fim de garantir que as festas de fim de ano transcorram sem transtornos, mesmo em caso de chuva. Serão 237 equipes e 1.064 profissionais, entre engenheiros, técnicos, operadores e eletricistas que estarão em regime de plantão, distribuídos em pontos estratégicos para garantir eficiência no atendimento. No Ano Novo, o plantão será das 07h do dia 31/12 às 07h de 02/01/2018.

Leite - Cooperativas e associações da agricultura familiar da cadeia do leite estão recebendo apoio de R$ 15 milhões do governo federal na comercialização de sua produção. Os recursos estão sendo aplicados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) na compra de 1,08 mil toneladas de leite em pó, por meio do Programa Aquisição de Alimentos (PAA). A ação é uma parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social, que reajustou os preços de referência de R$ 12 para R$ 13,94 o quilo.

29 de dez de 2017

Governo do Estado expressa pesar pela morte de José Louzeiro em pequena nota da Secretaria da Cultura

Uma pequena nota de seis linhas expedida pela Secretaria da Cultura resumiu o sentimento que se abateu sobre o Governo do Estado com a morte do jornalista, escritor e roteirista maranhense José Louzeiro, um dos maiores intelectuais do Brasil, que faleceu, aos 85 anos, nesta sexta-feira (29), no Rio de Janeiro.

"Neste momento de dor e perda, manifestamos nossas condolências aos familiares, amigos e admiradores do artista", diz a nota da Sectur.

Na nota da Prefeitura de São Luís, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior diz que ele e sua família "se solidarizam com os familiares, amigos e admiradores deste grande escritor". Leia mais em Maranhão Hoje.

Financiamentos de projetos pelo FNE terão juros reduzidos em 2018, segundo novo presidente do BNB

GIRO ECONÔMICO

O presidente do Banco do Nordeste, Romildo Carneiro Rolim, anunciou, esta quarta-feira (27), que os financiamentos com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) terão, no próximo ano, descontos que variam de 37% a 68,5% sobre os juros reais em operações de longo prazo, em relação às taxas cobradas para operações de crédito praticadas no restante do país. Medida Provisória (MP) n.º 812, de 27 de dezembro de 2017, nesse sentido foi publicada hojeno Diário Oficial e entra em vigor a partir de 1º de janeiro de 2018, quando passa a reger os encargos financeiros incidentes sobre os financiamentos não rurais. 

Os clientes adimplentes do Banco do Nordeste, que administra o FNE, permanecem a receber bonificação de 15% de desconto incidente sobre a parcela prefixada da Taxa de Longo Prazo (TLP), nos financiamentos pagos em dia.

“A MP fortalece o FNE como um dos principais instrumentos de combate às desigualdades regionais no país. Com a MP, o FNE passa de forma permanente a oferecer condições diferenciadas de financiamento para a Região”, disse Rolim.

Bancos - As agências bancárias fecham nesta sexta-feira (29) ao público e funcionarão apenas para serviços internos. Elas voltam a funcionar na próxima terça-feira (02 de janeiro de 2018), mas as contas de água, luz, telefone e TV a cabo, bem como carnês com vencimento nas datas em que estiverem fechadas, podem ser pagos no primeiro dia útil após o feriado, sem multa por atraso. Os clientes podem utilizar também caixas eletrônicos, internet banking, mobile banking, supermercados e outros meios.

Ministros - O Maranhão amplia sua participação no governo do presidente Michel Temer com a ida do deputado Pedro Fernandes (PTB) para o Ministério do Trabalho. Além dele, o estado tem, dentre outros, Sarney Filho (PV) no Ministério do Meio Ambiente; Assis Filho na Secretaria da Juventude; Kátia Bogéa na presidência do Iphan, ou seja, não será por falta de representantes locais que os maranhenses deixarão de receber atenção especial da União, mas vale lembrar que em outras situações semelhantes pouco foi feito.

Professores - O ministro da Educação, Mendonça Filho, assinou nesta quinta-feira (28) portaria que aumenta de 6,81% o piso salarial dos professores para 2018. O índice é 4,01% acima da inflação prevista para este ano, que é de 2,8%, e o salário mínimo do magistério passa a ser de R$ 2.455,35, para jornada de 40 horas semanais.


Sem medo de ser feliz, o deputado Pedro Fernandes (PTB) votou contra o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) e a coerência foi premiada com o reconhecimento sua independência pelo presidente Michel Temer, que lhe confiou o Ministério do Trabalho

Comércio - Ao fazer um balanço de como foi o comportamento do comércio neste fim de ano, o presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas de São Luís (CDL), Fábio Ribeiro, disse que houve um aumento considerável em comparação a 2016 e ele aposta que os estabelecimentos comerciais vão continuar com as vendas aquecidas, para o Réveillon, com a volta às aulas, com o carnaval etc, ou seja, o clima é de otimismo, mesmo não estando as vendas em níveis que compensem as perdas dos dois últimos anos.

Roupas - E por falar em vendas aquecidas, um dos segmentos que mais apostam na procura dos clientes após o Natal é o de vestimentas, já que uma pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) revela que boa parte dos brasileiros pretende receber 2018 de roupa nova. Segundo o levantamento, a pretensão de gastos fica, em média, na faixa de R$ 282,20 – valor acima de quanto se pretendia gastar em 2016, que foi de R$ 263,06.

28 de dez de 2017

Comissão da Câmara Federal cria novas regras para que empresas façam cortes de energia, água e telefone

GIRO ECONÔMICO

A Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados aprovou proposta que fixa normas de proteção ao consumidor dos serviços públicos de água, energia elétrica e telefonia. Pelo texto, a interrupção do fornecimento de água e de luz por inadimplência somente poderá ser executada 90 dias após o vencimento da conta não paga, no caso de consumidor residencial; no caso do consumidor comercial, o corte poderá ocorrer 30 dias após o vencimento; no caso da telefonia, a interrupção somente poderá ser executada 30 após o vencimento – mesmo prazo já previsto na regulamentação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). 

Em todos os serviços, será obrigatório o envio de aviso prévio do corte com 15 dias de antecedência. A iniciativa consta no Projeto de Lei 2566/96, do Senado.

O relator da matéria na Câmara, Rodrigo Martins (PSB-PI), defende que as empresas não podem ter liberdade para ditar regras quanto ao que fazer nos casos de inadimplência, interrupção do serviço, forma de prestação e nível de qualidade. LEIA MAIS AQUI.

Abono - Trabalhadores com direito ao abono salarial ano-base 2015 têm até esta quinta-feira (28) para sacar o benefício e o prazo não será prorrogado, conforme alerta do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Os pagamentos variam de R$ 79 a R$ 937. Quem trabalhou na iniciativa privada em 2015 pode retirar o dinheiro em qualquer agência da Caixa Econômica ou casa lotérica. Cada trabalhador recebe valor proporcional à quantidade de meses trabalhados. Os servidores públicos recebem no Banco do Brasil.

Reforma - O Ministério das Cidades divulgou semana passada resultado da primeira chamada do edital 002/2017 do Programa Cartão Reforma. Foram selecionados 79 municípios, de 23 estados e o resultado atenderá aproximadamente 13.850 famílias, que serão beneficiadas com o volume de R$ 79,643 milhões para obras de reformas em suas residências.No Maranhão, foram selecionados dois projetos – Poeirão e Santa Maria – do município de Pastos Bons, com 112 famílias beneficiadas, num investimento global de R$ 560 mil. 

EBC - O governador de São Paulo, Geraldo Akckimin (PSDB), em entrevista à Rádio Jovem Pan nesta quarta-feira (27), disse que se eleito presidente da República uma das primeiras medidas será extinguir ou privatizar a Empresa Brasileira de Comunicação (EBC), pois não é papel do governo ser dono de TV.








A tradicional solenidade da Câmara Municipal para entrega da Medalha Simão Estácio da Silveira a personalidades que se destacaram em ações em favor da cidade teve este ano uma novidade: o vereador Ricardo Diniz (D) foi um dos distinguidos por iniciativa do seu colega Beto Castro


Odontologia - O Serviço Social da Indústria (Sesi), órgão vinculado ao Sistema Federação das Indústrias, manterá sua unidade móvel de atendimento odontológico até o final do mês na indústria Psiu, localizada no Distrito Industrial (BR-135), em São Luís. Dezenas de empregados da empresa já foram atendidas e a meta é alcançar, no mínimo, 70% dos trabalhadores. A ação tem ajudado a garantir atendimento aos trabalhadores sem necessidade de se ausentarem por longos períodos para garantir sua saúde bucal. 

Saques - Desde esta quarta-feira (27), o cliente que for sacar dinheiro na boca do caixa em valor igual ou acima de R$ 50 mil deverá informar a operação com, no mínimo, três dias úteis de antecedência. Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), também será preciso fornecer dados adicionais sobre a transação, como os motivos do saque e a identificação dos beneficiários a fim de aumentar o controle sobre movimentações financeiras de alto valor em espécie. Até então, a comunicação era de um dia útil.

27 de dez de 2017

Com ida do deputado Pedro Fernandes para o Ministério do Trabalho, PTB deve sair da coligação com Flávio Dino

A indicação do deputado federal Pedro Fernandes (foto) para ocupar o Ministério do Trabalho no lugar do também petebista pelo Rio Grande do Sul Ronaldo Nogueira foi recebida com surpresa na tarde desta quarta-feira (27) no Palácio dos Leões, pois isto pode significar a perda de mais uma legenda dos planos do governador Flávio Dino de formar uma ampla aliança com vistas à sua reeleição em 2018.

Pedro Fernandes é pai do vereador Pedro Lucas, que ocupa a presidência da Agência Executiva Metropolitana e sua nomeação foi feita justamente para atrair o PTB, presidido no estado pelo novo ministro, para a coligação com o PCdoB, porém o convite de Michel Temer pode mudar os rumos da sigla trabalhista, até porque Fernandes deve permanecer no governo até 31 de dezembro de 2018, já que não tem pretensões de concorrer à reeleição, abrindo a vaga para o filho. 

A garantia de que Pedro Fernandes cumprirá o mandato de ministro até o último dia do governo foi um dos fatores que mais pesaram para a aceitação de Michel Temer à indicação do PTB.

Na condição de ministro, Pedro Fernandes, certamente, não apoiará uma candidatura que é declaradamente contra o governo de Michel Temer e que tem como planos eleger um adversário do Palácio do Planalto, no caso o ex-presidente Lula (PT). Leia reportagem em Maranhão Hoje.

Projetos do senador João Alberto obrigam construtoras a instalar elevadores seguros e confortáveis aos usuários

Os elevadores em edifícios comerciais e residenciais poderão passar a contar com iluminação de emergência e mecanismo que permita o desembarque seguro e imediato de seus passageiros em caso de falha elétrica. E os prédios terão que obedecer a padrões de tamanho e capacidade de seus elevadores.

É o que determinam dois projetos de lei (PLS 136/2017 e PLS 137/2017), de autoria do senador João Alberto (PMDB-MA), já aprovados na Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC) do Senado. Segundo o relator das matérias, senador Gladson Cameli (PP-AC), os projetos obrigam a observância das normas técnicas editadas pela ABNT no dimensionamento dos elevadores de passageiros, em qualquer tipo de edificação, seja ela pública ou privada, comercial ou residencial. 

Os dois projetos já seguiram para a Câmara dos Deputados, onde deverão ser colocados em votação no próximo ano. CONTINUE LENDO.

Parceria firmada entre Ministério do Meio Ambiente e FAO garante ações do Redeser em municípios do Maranhão

GIRO ECONÔMICO

Quatro municípios do Maranhão – Barreirinhas, Água Doce, Tutóia e Matões – vão ser atendidos pelo projeto Redeser – Revertendo o processo de desertificação nas áreas suscetíveis do Brasil: práticas agroflorestais sustentáveis e conservação da biodiversidade, desenvolvido pelo Ministério do Meio Ambiente e a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO). O projeto, celebrado dia 20 de dezembro, terá duração de quatro anos e contará com 3,9 milhões de dólares do Fundo Mundial para o Meio Ambiente (GEF). 

O objetivo é reverter o processo de desertificação por meio de ações que enfrentem a degradação do solo, da água e a perda de biodiversidade nos ecossistemas da Caatinga. Entre as ações, estão o manejo florestal de uso múltiplo; a promoção da gestão integrada dos recursos naturais em paisagens produtivas; a restauração de florestas e paisagens; e a gestão de conhecimento, capacitação e sensibilização.

Para coordenar as ações do projeto Redeser no Maranhão, a FAO abrirá um escritório na cidade de Barreirinhas em janeiro de 2018. Leia mais em  Maranhão Hoje.

Alimentos  - A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) conclui esta semana a distribuição de 16.946 cestas de alimentos a famílias quilombolas, acampados e indígenas em situação de insegurança alimentar e nutricional nos municípios de Anajatuba, Barra do Corda, Barreirinhas, Candido Mendes, Chapadinha, Coroatá, Fernando Falcão, Grajaú, Guimarães, Igarapé do Meio, Jenipapo dos Vieira, Peri-Mirim, Pinheiro, Presidente Sarney, Presidente Vargas, Pindaré-Mirim, Serrano do Maranhão, Timbiras, Tuntum Tutóia e Zé Doca. 

Bancos  - As agências bancárias voltam a funcionar normalmente nesta terça-feira (26) após o feriado de Natal (25) e o expediente vai até quinta (28), pois na sexta-feira (29), estarão fechadas, funcionando apenas para serviços internos, segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban). As contas que vencerem durante o feriado podem ser pagas normalmente nas agências no primeiro dia útil do próximo ano, mas os clientes podem agendar em canais eletrônicos ou fazer pagamentos por Débito Direto Autorizado (DDA). 

Movimento - A mudança de sigla de PMDB para MDB é apenas o começo de um processo de alteração no nome do partido do presidente Michel Temer, que vai se concluir quando a denominação passar para uma palavra, ou seja, passará a ser chamado apenas de Movimento.



Na primeira visita ao parlamento estadual desde sua posse na presidência do Tribunal de Justiça, o desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos foi recepcionado pelo deputado Othelino Neto, que responde interinamente pela presidência do Poder Legislativo



Vendas - Dados do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostram que a retomada da economia teve seus primeiros reflexos na confiança dos consumidores e aumento do consumo. As consultas para vendas a prazo na semana anterior ao Natal (de 18 a 24) aumentaram 4,72% na comparação com 2016. Trata-se do primeiro crescimento do período após três anos consecutivos de retração e a data comemorativa de 2017 com o aumento mais expressivo.

Shopping - A Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop) também registrou aumento de 6% nas vendas em lojas desse segmento na comparação com o período ano anterior. O faturamento estimado, que levou em conta o mês de dezembro, foi de R$ 51,2 bilhões. De acordo com Nabil Sahyoun, presidente da Alshop, a alta significa inversão da curva de queda, já que, nos últimos dois natais, o setor havia apresentado retração. No ano passado, houve queda 3% no Natal. Em 2015, a redução foi de 2%.

26 de dez de 2017

Depois de tirar o P, de partido, MDB vai mudar nome para Movimento a fim de criar uma maior empatia com eleitor

A retirada do P de partido foi apenas um passo na mudança que MDB está fazendo para ter uma nova identidade junto aos eleitores. Segundo o deputado Hildo Rocha, o nome da legenda, em breve, vai passar a ser Movimento, uma tendência mundial para identificar as agremiações partidárias por apenas uma palavra de fácil assimilação.

Outras legendas já adotaram essa estratégia, como o Partido Ecológico Nacional (PEN), que passou a se chamar Patriota; o Partido Trabalhista Nacional (PTN), que passou para Podemos; o Partido Trabalhista do Brasil (PTdoB), hoje Avante; o Democratas, mais conhecido com DEN, que é a antiga Arena e depois mudou para PDS e FFL, ainda pode ganhar nova denominação: Mude, de Movimento de Unidade Democrática; e o Partido da Social Democrata Cristão (PSDC), que mudou para Democracia Cristã.

Para Hildo Rocha, a nova denominação do PMDB, além do resgate da história do partido, que foi um marco na resistência ao regime militar, como MDB, cria uma identificação mais forte com o eleitor, e com isto atrair mais simpatizantes e eleitores. Alguns cientistas políticos, no entanto, afirmam que essa é um maneira de fugir de desgaste que essas agremiações vêm sofrendo junto à população, e com novo nome pretendem apagar o passado.


TV Mirante ficou com 19% da verba publicitária do governo em 2017, diz Flávio Dino à Folha de São Paulo

Na entrevista concedida à Folha de São Paulo publicada nesta terça-feira (26), o governador Flávio Dino (PCdoB) revela que este ano o Governo do Estado destinou 19% de sua verba publicitária para a TV Mirante, emissora pertencente à família da ex-governadora Roseana Sarney (MDB).

Indagado pela jornalista Thaís Milenko sobre o que representa a volta de Roseana à disputa eleitoral em 2018, Flávio Dino descarrega: "Mostra muito um saudosismo do uso da máquina administrativa. Estão com síndrome de abstinência de recursos públicos, de luxos. O grupo empresarial deles depende de recursos públicos, que é um sistema de comunicação [Mirante] cujo maior anunciante era o próprio governo do Estado. Ela pagava ela mesma".

Diante da resposta de benefício à emissora dos Sarney, a repórter emenda: "O senhor anuncia na Mirante?". O governador responde: "Sim, mas bem menos [de 54% da verba publicitária em 2012, caiu para 19% em 2017].

De acordo com o orçamento do Estado para 2017, a Secretaria de Comunicação e Assuntos Políticos (Secap) foi contemplada com R$ 58,9 milhões, sendo que deste volume, R$ 23,5 milhões foram para "divulgação de ações governamentais". Fazendo-se a conta com base no percentual revelado pelo governador, verifica-se então que R$ 4,465 milhões foram somente para a TV Mirante, já que o governo não anuncia nas emissoras de rádio e no jornal (O Estado do Maranhão) do mesmo grupo. Isto significa dizer que sobraram R$ 19 milhões para serem fatiados entre os demais veículos (TV, rádio, jornais e revistas), além de blogs, sites, rádios comunitárias, que juntos somam mais de trinta. Leia reportagem em MARANHÃO HOJE.


25 de dez de 2017

Senar diploma 40 concludentes do curso técnico de agronegócio nos polos de Balsas, Chapadinha e Colinas

GIRO ECONÔMICO

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), em parceria com o Ministério da Educação, sindicatos de produtores rurais e outros parceiros, acaba formou 40 alunos do curso técnico em agronegócio, da Rede E-Tec, dos polos presenciais de Colinas, Chapadinha e Balsas. O programa está em andamento no estado desde 2015 e atende as regiões onde o agronegócio apresenta maior desenvolvimento. 

Segundo o presidente da Federação da Agricultura, Raimundo Coelho, o resultado está acima das expectativas, “o que prova a qualidade do material do Senar preparado para os alunos, e também, pelo nível dos professores envolvidos”, ressaltando que o Maranhão é um dos estados que possuem maior número de polos, o que faz aumentar a responsabilidade do órgão em atender a demanda.

Muitos dos participantes com atuação em outros setores viram no curso da Rede E-Tec, a chance de empreender e expandir seus negócios em outras localidades, considerados promissores no Maranhão.

Isenção - Pessoas com deficiências físicas, visuais e mentais, severas ou profundas, além de autistas, agora não precisam ir até uma unidade da Receita Federal para pedir isenção de impostos na hora de comprar veículos. A solicitação agora também pode ser feita por meio do Sistema de Concessão Eletrônica de Isenção do IPI/IOF (Sisen), disponível no site da instituição. A medida prevê que, para fazer o pedido, o usuário precisa de um certificado digital, assinatura online criptografada que funciona como identidade virtual.

Financiamento - Ao somar 10.910 unidades financiadas, o Onix, da Chevrolet, manteve a liderança no ranking dos modelos de automóveis leves novos mais vendidos a crédito no mês de novembro. O segundo lugar ficou com o HB20, da Hyundai, com 5.131 unidades negociadas. O levantamento é da B3, empresa resultante da combinação de atividades da BM&FBovespa, uma das maiores bolsas do mundo em valor de mercado, e a Cetip, maior depositária de títulos privados da América Latina.

Ano novo - Começa a contagem regressiva para o fim de 2017. Faltam apenas cinco dias para encerramentos do ano e nos próximos 365 dias, as atenções estarão voltadas para dois eventos que devem mexer com o emocional dos brasileiros: Copa do Mundo e eleições para presidente, governadores, deputados e senadores.






Na festa de confraternização do senador Roberto Rocha, sexta-feira (22), o anfitrião ao centro com Fábio Nahuz (presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil), Albertino Leal, superintendente da Fiema, e Vladimir Teobaldo (D), da K2



Abono - Termina nesta quinta-feira (28) o prazo para que os trabalhadores com direito ao Abono Salarial ano-base 2015 saquem o beneficio. Cerca de 5,80% de inscritos no PIS e no Pasep, 1,4 milhão de pessoas, não haviam sacado o dinheiro até o fim de novembro. O Abono Salarial é pago para inscritos no PIS/Pasep há cinco anos ou mais e que trabalharam com carteira assinada por pelo menos 30 dias naquele ano, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. 

Melhorou - Levantamento com mil pessoas de todo o país mostrou que 40,3% dos entrevistados acreditam que a situação financeira de suas famílias está melhor este ano do que em 2016, enquanto 24,7% consideravam que permanecia igual. Na Pesquisa de Natal da Deloitte de outubro, os que achavam que a situação tinha melhorado eram 37%. Segundo os dados, os consumidores mostraram-se mais otimistas com as perspectivas da economia e mais conscientes da importância de manter um planejamento financeiro.

24 de dez de 2017

Câmara Municipal de Barreirinhas rejeita projeto que concedia título de cidadão do município a Flávio Dino

O vereador Evani da Silva Rocha (PCdoB) imaginava encerrar o ano legislativo da Câmara Municipal de Barreirinhas com uma grande homenagem ao seu companheiro de partido e maior referência do comunismo no Maranhão, por isto apresentou, na última semana antes do recesso, um projeto de lei para concessão do título de Cidadão Barreirinhense ao governador Flávio Dino, em reconhecimento, segundo ele, às contribuições dadas ao município nestes três anos.

Ele só não contava com a reação dos seus colegas de parlamento, que na hora da votação rejeitaram a homenagem.

Segundo um dos membros da Câmara, pesaram alguns fatores de ordem política para a recusa dessa proposta: 

  • A primeira delas seria o tratamento dado pelo governador ao ex-prefeito Léo Costa, ano passado, que foi retirado da disputa pela reeleição, numa manobra do seu então partido, o PDT, para beneficiar o candidato do PCdoB, o ex-juiz Amílcar Rocha
  • A maioria da Câmara é aliada do prefeito Albérico Filho (MDB), do seu antecessor e do senador Roberto Rocha (PSDB)
  • Apesar de derrotado nas urnas, Amílcar foi transformado em articulador político do governo no município, mas faz um trabalho de desprestígio à classe política, agindo sempre no sentido de prejudicar os opositores do governo, sem entrosamento com a Câmara e com a Prefeitura.
De acordo com esse informante, Flávio Dino, pelo que fez, pela atenção dada ao município, a exemplo de outros governadores, é merecedor da distinção, porém se cerca de pessoas que em nada contribuem para melhorar sua imagem no município, e por isto paga o preço de passar pelo vexame de se tornar o primeiro governador do Maranhão a ter um título de cidadania de um município de seu estado negado pelos vereadores.

Para não deixar Lula ir para Roseana, Flávio Dino pode trocar o PCdoB pelo PT, desconfia senador Roberto Rocha

O senador Roberto Rocha (PSDB) está convencido de que o governador Flávio Dino (PCdoB), até o mês de abril, vai trocar o PCdoB pelo PT a fim de garantir apoio do ex-presidente Lula ao seu projeto de reeleição, temendo que o petista possa reeditar no estado as alianças com o MDB de José Sarney, assim como foi em 2002, 2006, 2010 e 2014, ou fique descompromissado com qualquer candidato no estado.

Esta migração ainda não se concretizou porque o governador está aguardando julgamento do ex-presidente pela Justiça Federal, que pode confirmar ou não sua elegibilidade. 

Caso concretize isto, diz o senador, Dino acabará com a discussão de militantes do PT que cobram vagas na chapa majoritária, pois ele já seria o maior representante do partido, e fará com que Bira do Pindaré migre do PSB para o PCdoB pelo qual será lançado senador, deixando José Reinaldo (PSB), Waldir Maranhão (Avante) e Eliziane Gama (PPS) à deriva. CONTINUE LENDO.

Vale comemora reestruturação societária iniciada há dez meses para migrar as suas ações para o Novo Mercado

GIRO ECONÔMICO

Dez meses após anunciar sua reestruturação societária, a Vale celebrou sexta-feira (22), a migração de suas ações para o Novo Mercado, mais alto segmento de listagem em termos de governança corporativa, gestão e transparência. O evento, realizado na sede da B3, é um marco na história da empresa, que até novembro de 2020 vai se transformar numa verdadeira corporação, sem grupo de controle definido e com uma base de acionistas diversificada. 

De acordo com estudo publicado pela Associação de Investidores no Mercado de Capitais (AMEC) e a CFA Society Brazil, existe uma correlação entre o nível de governança corporativa e a performance de mercado. Prova disso é que o desempenho médio das empresas listadas no Novo Mercado tem sido superior à da B3 desde 2012.

A proposta de reestruturação societária foi anunciada em fevereiro pela Valepar, bloco de acionistas que exercia o controle da empresa. Para cumprir o objetivo de aderir ao Novo Mercado era necessário converter todas as ações preferenciais em ordinárias e obter várias aprovações em assembleias.

Expansão - Visando a aumentar sua atuação em uma das regiões mais prósperas para o segmento, que já representa 7,5% do mercado de franquias no Nordeste, segundo dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), a Óticas Diniz inaugurou novas lojas em Pernambuco. Localizadas em Gravatá, a 84 km do Recife, e em Ouricuri, no sertão, as novidades integram o plano de expansão da marca na região. A empresa está presente em todo o país, com 950 unidades, segundo Cláudia Valério, gerente de expansão da rede.

Soja - O Brasil deve produzir 109,5 milhões de toneladas de soja em 2018, segundo estimativa da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), que elevou sua previsão ante os 108,8 milhões de toneladas do levantamento divulgado em novembro. A Abiove manteve as estimativas de exportação para o próximo ano em 65 milhões de toneladas, com processamento estável, de 43 milhões de toneladas, mas cortou os estoques finais para 4,5 milhões, de 5,6 milhões de toneladas em novembro.

Pesquisas - Os institutos que quiserem ratificar ou retificar as pesquisas divulgadas neste fim de semana têm só a próxima semana para tomar a providência, pois, a partir de janeiro, todas as pesquisas terão que estar registradas na Justiça Eleitoral.









Na homenagem recebida na festa dos 50 anos da Faculdade de Engenharia da Uema, o empresário João Alberto Motta Filho (C) com o reitor Gustavo da Costa e o professor João Aureliano Filho



Seminovos - O comércio eletrônico de veículos seminovos e usados movimentou cerca de R$ 20 bilhões entre os meses de janeiro e dezembro deste ano, o que representa um crescimento de quase três vezes em comparação com o período anterior, quando as vendas atingiram R$ 7,2 bilhões. Os dados foram retirados da plataforma AutoAvaliar, com base nas negociações realizadas entre 2,5 mil concessionárias de veículos e cerca de 20 mil revendedores multimarcas no país.

Procurador - O deputado Hildo Rocha (MDB), que preside a comissão que trata da reforma tributária, acaba da ganhar um cargo de destaque na Câmara Federal: o de procurador. No primeiro dia de trabalho sobre sua mesa caiu uma bomba: a prisão e o pedido da Justiça para o afastamento do deputado Paulo Maluf (PP), que está preso na Penitenciária da Papuda. Hildo orientou o corpo de advogados da casa um parecer para que possa levar à ministra Carmen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal.

23 de dez de 2017

Senador Roberto Rocha é distinguido pela Câmara Municipal com o título de Cidadão de Presidente Dutra

O senador Roberto Rocha (PSDB), que é pré-candidato a governador do Maranhão em 2018, foi surpreendido na noite desta sexta-feira (22), durante confraternização de fim de ano, em seu escritório político, no bairro do Calhau, em São Luís, ao ser distinguido por um grupo de vereadores de Presidente Dutra com o título de cidadão honorário do município.

O diploma foi entregue pelo presidente da Câmara Municipal, Biné Soares (PSD), que estava acompanhado dos também vereadores Jarbas (PRB) e André Jardins (PSDB). O título foi um reconhecimento ao trabalho desenvolvido pelo parlamentar em favor do desenvolvimento social e econômico de Presidente Dutra.

O senador disse que com esta distinção estreitam-se mais ainda os laços com o município. Leia mais sobre a confraternização de Roberto Rocha em Maranhão Hoje.

Sondagem da Fundação Getúlio Vargas mostra que empresários da construção civil estão mais otimistas com 2018

GIRO ECONÔMICO

O Índice de Confiança da Construção, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), avançou 2 pontos em dezembro e chegou a 81,1 pontos. É o maior nível do indicador desde janeiro de 2015, quando atingiu 84,9. De acordo com o coordenador da pesquisa, Itaiguara Bezerra, a melhora da confiança do setor mostra que, para o empresariado da construção, o pior da crise já passou. 

O Índice de Expectativas, que mede a confiança em relação ao futuro, subiu 3,2 pontos e chegou a 92,6, o maior nível desde março de 2014 (96 pontos). O Índice da Situação Atual, que avalia a confiança em relação ao presente, cresceu 0,9 ponto, chegando a 70,1 pontos, nível ainda muito baixo em termos históricos.

O Nível de Utilização da Capacidade (Nuci) do setor subiu 0,2 ponto percentual, passando para 64%.

Cinema - Apesar da crise econômica e das dificuldades, em 2017 o CineMaterna continuou crescendo, levando sessões de cinema especiais para mães como bebês a novas cidades do país. Foram 19 estreias, consolidando assim o sucesso da iniciativa em 112 cinemas de 16 redes. O foco de crescimento para o próximo ano será para capitais que ainda não contam com a sua presença, especialmente em estados das regiões Norte e Nordeste, como São Luís (MA), Teresina (PI), Aracaju (SE) e Maceió (AL).

Férias - Já estão abertas nas unidades do Serviço Social da Indústria (Sesi) de São Luís, Bacabal, Imperatriz e Caxias, as inscrições para a edição da Colônia de Férias a ser realizada no mês de janeiro. A ação em São Luís será realizada de 09 a 12 de janeiro, na Unidade de Promoção da Saúde Sesi Araçagi, das 13h30min às 17h30min com atividades aquáticas, oficinas de arte, música, atividades esportivas, oficinas da turminha na cozinha e oficinas de reciclagem, para crianças de 05 a 10 anos.

Mega-Sena - Como ninguém acertou as dezenas do concurso 1.999 da Mega-Sena, sorteadas quinta-feira, o prêmio da Mega da Virada ficou mais gosto e deve pagar mais de R$ 280 milhões no sorteio do próximo sábado (31). A quina teve 73 acertadores e cada um deles receberá o prêmio de R$ 39.887,33.



Na solenidade em que foi homenageado pela Assembleia Legislativa, o psicanalista Ruy Palhano com o autor da homenagem, deputado Levi Pontes (E) e os diretores de O Imparcial, Raimundo Borges, e do Jornal Pequeno, Hilda Bogéa



Recepção - Até 02 de janeiro, os turistas que desembarcarem no Aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado, em São Luís, serão recepcionados pela Secretaria de Cultura e Turismo (Sectur) com boas-vindas aos visitantes e transmitir toda a energia, alegria e harmonia que o Maranhão oferece em seus atrativos turísticos, cultura e arquitetura. Os passageiros receberão pulseira branca, para simbolizar o desejo de paz para o Ano Novo, com os dizeres “Um Maranhão inteiro de desejos realizados em 2018”. 

Turistas - Os gastos de turistas estrangeiros no Brasil, em novembro, foram os maiores registrados no segundo semestre deste ano: US$ 485 milhões, um aumento de 2,62%, na comparação com o mesmo mês de 2016, quando os visitantes internacionais deixaram US$ 472 milhões nos destinos brasileiros. É o segundo mês consecutivo neste semestre que a receita cambial do turismo supera os resultados de 2016. No acumulado de janeiro a novembro, os gastos dos turistas internacionais alcançaram US$ 5,3 bilhões.

22 de dez de 2017

Parceria da Secretaria da Agricultura e Inagro vai mapear os maiores produtores de cachaça no estado do Maranhão

GIRO ECONÔMICO

Parceria firmada entre Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) e o Instituto de Agronegócio do Maranhão (Inagro) vai possibilitar a melhoria na produção de aguardente, principalmente cachaça, no Maranhão. O trabalho consiste no mapeamento de propriedades produtoras de cana de açúcar no sertão maranhense, onde estão os mais tradicionais neste segmento: Pastos Bons, Sucupira do Norte, São João dos Patos e Mirador. 

Após os levantamentos, os dados serão reunidos em uma plataforma eletrônica que possibilitará um diagnóstico da situação de cada município e das ações a serem realizadas de acordo com as necessidades apresentadas, partindo deste diagnóstico serão selecionadas as propriedades de maior potencial produtivo, para a realização de assistência técnica e gerencial.

Para o presidente do Inagro, José Ataíde, a parceria é muito importante, “pois teremos o levantamento de todas as propriedades que têm produção de cana e possuem alambiques para o desenvolvimento de ações na cadeia da cachaça.” CONTINUE LENDO.

Logística - Os Correios e a Companhia Aérea Azul assinaram memorando de entendimentos para criação de uma empresa privada de solução de logística integrada. A nova empresa terá participação de 50,01% da Azul e 49,99% dos Correios e oferecerá ao mercado o serviço de gestão de logística integrada para transporte de cargas, com potencial para se tornar a melhor plataforma de logística para o comércio eletrônico do País. A empresa deve movimentar, aproximadamente, 100 mil toneladas de cargas por ano. 

Medalha - Na comemoração dos 50 anos do curso de Engenharia Civil da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), o presidente da Federação das Indústrias, Edilson Baldez, e o vice João Alberto Mota Filho, ex-presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon), receberam a Medalha Haroldo Tavares, distinção que é uma homenagem ao engenheiro e ex-prefeito de São Luís, que faleceu em 2013. Baldez, além de engenheiro, foi professor e coordenador do curso.

Pesquisas - Os institutos de pesquisa que ainda têm sondagens para soltar que se apressem, pois a partir de 1º de janeiro, as entidades e as empresas que medirem intenções de voto para as eleições de 2018, para conhecimento público, serão obrigadas a fazer o registro junto ao Tribunal Eleitoral do seu estado.







Na solenidade de comemoração dos 50 anos do Curso de Engenharia Civil da Uema, em que foi distinguido com a Medalha Haroldo Tavares, o empresário Edilson Baldez (C) com o reitor Gustavo Pereira da Costa (D) e o professor João Aureliano de Lima Filho



Infraestrutura - A Caixa Econômica Federal publicou edital de chamada pública para apoiar projetos de prefeitturas e governos estaduais para obras de infraestrutura em 2018. A chamada pública, no valor de R$ 4,5 bilhões, está aberta até o dia 2 de março do próximo ano. Os recursos serão aplicados em projetos de construção, reforma, ampliação ou implantação de empreendimentos de infraestrutura nos setores de portos, aeroportos, rodovias, hidrovias, saneamento, energia e ferrovias.

Embriões - O Brasil vai exportar embriões bovinos in vitro para a Colômbia, após acordo do Departamento de Saúde Animal do Ministério da Agricultura e o Instituto Colombiano Agropecuário. O Certificado Veterinário firmado entre os dois países foi atualizado para atender a produtores de ambos países. A parceria envolve Confederação da Agricultura (CNA), Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), Associação Brasileira de Inseminação Artificial (Asbia) e a Sociedade Brasileira de Tecnologia de Embriões (SBTE).

21 de dez de 2017

Maranhão registra o segundo melhor desempenho da região Nordeste em financiamentos de motocicletas

GIRO ECONÔMICO

O Maranhão manteve, em novembro, a segunda posição no ranking de vendas a crédito de motocicletas na região Nordeste, com 2.829 unidades financiadas, um recuou 15,2% em relação ao mês anterior. No total, entre automóveis leves, motos e pesados (novos e seminovos), foram financiados 7.442 veículos no estado, um avanço de 1,7% em relação ao mesmo período do ano passado. O levantamento é da B3, empresa resultante da combinação de atividades da BM&FBovespa, uma das maiores bolsas do mundo em valor de mercado, e a Cetip, maior depositária de títulos privados da América Latina. 

A B3 opera o Sistema Nacional de Gravames (SNG), base integrada de informações que reúne o cadastro das restrições financeiras de veículos dados como garantia em operações de crédito em todo o Brasil. O SNG impede que o processo de financiamento de veículos seja suscetível a fraudes sistêmicas.

O Nordeste totalizou 72.254 veículos financiados, aumento de 8,7% em relação ao mesmo período de 2016. Ao somar 15.954 motos vendidas a crédito, a região manteve a vice-liderança no ranking de financiamentos da categoria em todo o Brasil, atrás do Sudeste.

Abono - Os trabalhadores com direito ao abono do PIS/Pasep têm até quinta-feira da próxima semana (dia 28) para fazer o saque. Cerca de 1,4 milhão ainda não sacaram o dinheiro e o valor disponível soma R$ 979,54 milhões. A região do Sudeste acumula quase metade desse recurso, com R$ 521,15 milhões. Para ter direito, o trabalhador precisa comprovar vínculo formal (público ou privado) por pelo menos 30 dias em 2015; remuneração média de até dois salários mínimos; inscrição no PIS há pelo menos cinco anos.

Parceria - A Secretaria Estadual da Agricultura (Sagirma) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), órgão vinculado ao Sistema Federação da Agricultura (Faema) ratificaram, no Forum de Secretários Municipais de Agricultura, a parceria de assistência técnica e gerencial aos produtores assistidos pelo programa Mais Produção. Graças a essa ação, centenas de pequenos e médios agricultores receberam orientação para melhorar o seu nível de produção e o rendimento pelo seu trabalho.

Reconhecimento - Os brasileiros começaram a dar sinais de reconhecimento aos esforços do governo Michel Temer e na pesquisa CNI/Ibope o índice de rejeição do presidente aparece em queda e do de aprovação da sua administração em alta. Variação tímida, mas estanca a sangria de impopularidade.




Após conceder entrevista coletiva nesta terça-feira (19), no Palácio dos Leões, o governador Flávio Dino recebeu do diretor de Comunicação Social da Assembleia Legislativa, Carlos Alberto Ferreira, um kit sobre as realizações do parlamento e brindes de Natal



Gastos - Os gastos de brasileiros em viagens ao exterior chegaram a US$ 1,595 bilhão, em novembro, o maior para o período desde 2014, quando foi registrado US$ 1,715 bilhão no mês. Os dados foram divulgados pelo Banco Central (BC). Em relação a novembro de 2016, cujos gastos foram de US$ 1,204 bilhão, houve crescimento de 32,5%. De janeiro a novembro, esses gastos chegaram a US$ 17,378 bilhões, com aumento de 32,6% na comparação com igual período de 2016, que foram de US$ 13,105 bilhões.

Conciliar - Os juízes Ana Beatriz Jorge de Carvalho Maia (da 2ª Vara Cível da Comarca de Imperatriz), Delvan Tavares Oliveira (da Vara da Infância e Juventude da Comarca de Imperatriz) e Jorge Alberto Araújo de Araújo (da 1ª Vara de Imperatriz do Tribunal Regional Federal) venceram o Prêmio Conciliar do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Os dois primeiros foram escolhidos pela prática Mediar para Educar, enquanto o terceiro, pela prática Câmara de Mediação em Direito da Saúde (Cameds).

20 de dez de 2017

Presidente da Fiema, Edilson Baldez, recebe Medalha Haroldo Tavares da Universidade Estadual do Maranhão

O presidente da Federação das Indústrias, Edilson Baldez, recebeu na última sexta-feira (15), a medalha “Haroldo Tavares”, em alusão ao engenheiro e ex-prefeito de São Luís, que faleceu em 2013. 

A solenidade de entrega da medalha marcou as comemorações dos 50 anos do curso de engenharia civil da UEMA e foi entregue a Baldez das mãos do reitor da UEMA, Gustavo Pereira da Costa e do professor João Aureliano de Lima Filho, diretor do curso de Engenharia Civil da Uema (foto).

Baldez que além de líder empresarial, foi professor e coordenador do curso de engenharia da UEMA ficou feliz com a iniciativa que possibilitou o reencontro com ex-alunos, professores e amigos dos tempos da saudosa escola de engenharia.

Além de Baldez, foram homenageados o vice-presidente da Fiema  João Alberto Teixeira Mota Filho.

Sondagem da CNI diz que o ano de 2018 será muito melhor para o setor da construção civil do que 2017

GIRO ECONÔMICO

O ano de 2018 deve ser melhor para a indústria da construção do que 2017. É o que indicam as estimativas dos empresários, que apostam no aumento da atividade, na contratação de novos empreendimentos e serviços e no fim das demissões no setor. As informações são da Sondagem Indústria da Construção, divulgada nesta terça-feira, 19 de dezembro, pelaConfederação Nacional da Indústria (CNI). De acordo com a pesquisa, todos os indicadores de expectativas da pesquisa ficaram acima dos 50 pontos em dezembro, mostrando que os empresários estão otimistas com o desempenho das empresas nos próximos seis meses. 

O índice de expectativas em relação ao nível de atividade alcançou 53 pontos, o de novos empreendimentos e serviços ficou em 51,9 pontos e o de compra de insumos e matérias-primas subiu para 50,8 pontos. Os indicadores de expectativa variam de zero a cem pontos. Quando estão acima de 50 pontos, mostram que os empresários estão otimistas.

Essa melhora na expectativa, explica a economista da CNI Flávia Ferraz, é resultado da reativação da economia, da queda dos juros, da inflação baixa e da recuperação do mercado de trabalho. "Além disso, há a expectativa de retomada das concessões, cuja consequência será a contratação de obras de infraestrutura", afirma Flávia Ferraz. Leia mais em Maranhão Hoje.

Confraternizações - As empresas de evento e as de hotelaria sentiram este ano um forte efeito da crise, pois muitas empresas, assim como entidades, repartições públicas etc diminuíram consideravelmente suas tradicionais festas de confraternização de Natal e Ano Novo, muito frequentes em períodos anteriores. Algumas optaram por reunir colaboradores e convidados em seus próprios espaços e outras recorreram a festas por adesão, reduzindo consideravelmente o número de participantes que sempre preferem a famosa boca livre.

13º salário - Os empregadores de todo país tem até esta quarta-feira (20) para pagar a segunda parcela do 13º salário aos trabalhadores ou o valor integral, se não houve antecipação de 50% até 30 novembro. Uma das maiores consequências para as empresas que não efetuarem o pagamento é a multa de 160 UFIRs (R$ 170,25) por empregado, que pode ser o dobro em caso de reincidência, em favor do Ministério do Trabalho, podendo haver correção, dependendo da convenção coletiva da categoria.

Indústria - A indústria operou, em média, com 68% da capacidade instalada em novembro. Esse foi o maior percentual do indicador em quase três anos. Apesar da alta, o índice está 6 pontos percentuais abaixo do registrado na média dos meses de novembro entre 2011 e 2014. As informações são Confederação Nacional da Indústria (CNI).


Na Reunião dos Fóruns Regionais de Secretários Municipais de Agricultura do Maranhão, secretário estadual da Agricultura, Márcio Honaiser, o secretário de Agricultura de São Luís, Ivaldo Rodrigues, o presidente da Faema, Raimundo Coelho (D), e outras lideranças do setor rural


Escolar - O número de estabelecimentos comerciais credenciados a comercializar em 2018 material escolar pelo programa Bolsa Escola do Governo do Estado será de 1.757, o que corresponde a um aumento de 22% na comparação com a quantidade deste ano, que foi de 1.442. Em relação a 2016, o aumento será de 111%, já que no primeiro ano foram apenas 834 lojas realizavam o fornecimento. O programa movimenta cerca de R$ 51 milhões com a destina de R$ 51,00 para cada aluno matriculado na rede pública.

Álcool - A terceira estimativa da safra 2017/18 de cana-de-açúcar no Maranhão, divulgada nesta terça-feira pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) indica que as 2,189 milhões de toneladas resultará numa produção de etanol de 160,222 milhões de litro, com a destinação de 2,019 milhões de toneladas da colheita. Desse total, 140,548 milhões de litros serão de anidro (utilizado na mistura com gasolina) e 2,025 milhões de hidratado (vendido como combustível). Já a produção de açúcar será de 22,6 mil toneladas.

19 de dez de 2017

Flávio Dino desagrada petistas ao dizer que PCdoB é mais "lulista" que o PT e ignorar candidatura de Márcio Jardim

A entrevista coletiva concedida pelo governador Flávio Dino (PCdoB) na manhã desta terça-feira (19) desagradou alguns segmentos do Partido dos Trabalhadores por duas declarações. A primeira delas foi quando, ao defender a candidatura de Lula, disse que o seu partido e mais "lulista" do que o PT, numa insinuação de que se o ex-presidente quiser bom desempenho nas urnas no Maranhão que se aproxime dos comunistas e não dos petistas.

Na segunda manifestação, o governador, ao citar os nomes dos pré-candidatos a senador dos quais escolherá o segundo a fazer parte de sua chapa (o primeiro é o deputado federal Weverton Rocha), deixou de fora o ex-secretário de Esportes, Márcio Jardim, que teria sido anunciado pela cúpula petista, semana passada, num evento em São Paulo, mas que ele, o governador, desconhece essa escolha.

A dúvida de Flávio Dino quanto a este segundo nome está entre Eliziane Gama (PPS), José Reinaldo (PSB) e Waldir Maranhão (Avante). Ao citar estes, o governador caiu em contradição, pois assim como Márcio Jardim não está confirmado pelo PT, José Reinaldo nem sabe se continuará no PSB (deve ir para o DEM), o partido de Eliziane Gama ainda está em dúvida se apoiará ou não Geraldo Alckmin (PSDB), que terá como candidato a governador no Maranhão, Roberto Rocha, e Waldir Maranhão também não tem martelo batido no seu partido.

Flávio Dino queixou-se também do assédio do Grupo Sarney ao ex-presidente Lula, numa possível reedição de aliança com Roseana, e disse que isto sinaliza que o ex-presidente já sinaliza um desembarque do governo de Michel Temer. "Sarney e Temer se merecem", disse o governador. LEIA MAIS EM MARANHÃO HOJE.

Macumbeiro que roubou cena na convenção do PMDB diz que fizeram feitiço para matar presidente Michel Temer

O macumbeiro Pai Uzêda, que roubou a cena na convenção do PMDB nesta terça-feira, ao fazer um descarrego em Michel Temer, declarou em entrevista ao jornal O Globo que já havia sido contrato pelo PMDB para "limpar" o presidente Michel Temer, sendo que um dos seus trabalhos teriam sido no Palácio Jaburu, residência oficial do presidente da República.

“Fizeram um trabalho de vodu contra o presidente Temer, por isso que ele teve a doença. Jogaram pesado contra o presidente. Eu fui defumar, benzer, tirar tudo. Foram encontrados quatro bonecos com foto do doutor Michel. O trabalho que fizeram contra o Dr. Michel foi para ele morrer no hospital”, disse ele. referindo-se a um suposto feitiço de outros seguidores de cultos afros.

O pai de santo foi desmentido pelo partido, que negou ter contratado seus trabalhos. A convenção foi para o PMDB mudar de nome, estando agora identificado com a sigla MDB, a mesma que fez oposição ao regime militar, no período de 1967 a 1987. CONTINUE LENDO.

Mais de 70 alunos do Sesi recebem certificação por conclusão de cursos oferecidos em parceria com o Senai

GIRO ECONÔMICO

A Escola Ana Adelaide Bello do Serviço Social da Indústria (Sesi) e o Centro de Educação Profissional e Tecnológica Raimundo Franco Teixeira do Serviços Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), ambas vinculadas ao Sistema Federação das Indústrias (Senai), certificaram 76 alunos em São Luís que concluíram o Ensino Médio aliado a três cursos técnicos do Senai. 

Os alunos fizeram o EBEP – Educação Básica do Sesi articulada com Educação Profissional do Senai, durante os últimos três anos e estudaram os conteúdos do ensino médio necessários para formação básica, competências e habilidades técnicas para a inserção no mercado de trabalho, com os cursos de técnico em Eletrônica, Rede de Computadores, Segurança do Trabalho e Técnico em Informática.

A formatura ocorreu na Casa da Indústria Albano Franco, e teve a participação do conselheiro do Sesi, Geraldo de Paula que representou o presidente da Fiema e diretor regional do Sesi, Edilson Baldez, para a diplomação.

Cestas - A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) deve concluir na próxima semana a distribuição de 12.338 cestas de alimentos a famílias de quilombolas de Barreirinhas, Pinheiro, Guimarães, Serrano do Maranhão, Peri-Mirim, Presidente Sarney, Tutóia e Candido Mendes; 3.708 a acampados em Anajatuba, Barra do Corda, Coroatá, Chapadinha, Fernando Falcão, Grajaú, Igarapé do Meio, Presidente Vargas, Pindaré-Mirim, Timbiras, Tuntum e Zé Doca; e 900 a famílias indígenas Barra do Corda, Fernando Falcão e Jenipapo dos Vieiras.

Transporte - Começou a vigorar, sábado (16), a nova legislação para transporte de produtos perigosos (Resolução nº 5.232 da Agência Nacional de Transportes Terrestres- CNTT), que apresenta as prescrições relacionadas a embalagens, sinalização, operação de transporte, quantidade limitada etc. Ao todo, foram feitas oito atualizações, entre as quais, a alteração da descrição do produto no documento fiscal estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU) sobre os produtos ou misturas químicas. 

Confraternização - O diretor de Comunicação Social da Assembleia Legislativa, Carlos Alberto Ferreira, reúne profissionais de imprensa nesta terça-feira (19) para a tradicional confraternização de fim de ano. O almoço será realizado na Churrascaria Sal e Brasa, no bairro do Calhau.




O casal de empresário Marcelo e Luzia Rezende vive a grande expectativa de ver o filho Pedro Victor ingressar na Seleção Brasileira de Judô, o que pode ser a possibilidade de vir a disputar vaga para a Olimpíada de Tóquio (Japão) em 2020



Transferências - A queda na arrecadação federal vai penalizar os estados em dezembro, pois as transferências do Fundo de Participação Estadual (FPE) devem cair consideravelmente, segundo alerta do governador Flávio Dino (PCdoB) em entrevista, nesta sexta-feira (18), a um pool de emissoras de rádio liderado pela Timbira, que é a estação oficial do Estado. Segundo ele, o Maranhão vai perder R$ 40 milhões e desde sua posse, em 2015, já perdeu de R$ 1,1 bilhão de transferências federais, o que não o impediu de trabalhar. 

Bingo - Em nota encaminhada à imprensa e em suas redes sociais, a Fundação Antonio Dino, mantenedora do Hospital do Câncer Aldenora Bello, informa que é responsável pela emissão e comercialização apenas do Certificado de Contribuição Maracap, registrado e auditado pela Superintendência de Seguros Privados (Susep). A nota é uma advertência aos recentes bingos e outros sorteios sem a respectiva regulamentação e que colocam a instituição como beneficiária, o que, segundo ela, não é verdade.

Luis Fernando Silva toca violão para Flávio Dino com o mesmo desempenho quando fazia dupla com Roseana

Uma das cenas que chamaram mais atenção na solenidade de sexta-feira passada (dia 15), na Casa do Maranhão, em São Luís, quando o governador Flávio Dino (PCdoB) fez a entrega de kits de instrumentos musicais a prefeituras municipais, foi quando o prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva (PSDB), subiu ao palco, pegou um violão e tocou para animar a festa, merecendo aplausos acalorados da plateia ali presente.

A cena não foi novidade para quem já acompanhou outros desempenhos do prefeito na arte de tocar e cantar, só que antes ele fazia isso para agradar a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB), com quem está rompido politicamente desde 2014 quando desistiu da corrida pelo Palácio dos Leões, contra, justamente Flávio Dino, episódio que nunca foi devidamente explicado.

Luis Fernando por muitos anos, no entanto, foi um fiel auxiliar da ex-governadora e no último mandato dela chegou a largar o mandato de prefeito de São José de Ribamar para ser seu chefe da Casa Civil e depois secretário de Infraestrutura.

A última aparição artística de Luis Fernando ao lado de Roseana foi na confraternização de fim de ano de 2013, na Casa de São Marcos, quando ele fez companhia aos músicos do Boi Barrica para tocar enquanto ela cantava. 

No palco estava a governadora e aquele que ela escolheu para sucessor. Por esta aparição, o prefeito foi muito criticado pelos segmentos que hoje o elogiam por fazer festa para o governador Flávio Dino, de quem era adversário.