26 de dez de 2017

Depois de tirar o P, de partido, MDB vai mudar nome para Movimento a fim de criar uma maior empatia com eleitor

A retirada do P de partido foi apenas um passo na mudança que MDB está fazendo para ter uma nova identidade junto aos eleitores. Segundo o deputado Hildo Rocha, o nome da legenda, em breve, vai passar a ser Movimento, uma tendência mundial para identificar as agremiações partidárias por apenas uma palavra de fácil assimilação.

Outras legendas já adotaram essa estratégia, como o Partido Ecológico Nacional (PEN), que passou a se chamar Patriota; o Partido Trabalhista Nacional (PTN), que passou para Podemos; o Partido Trabalhista do Brasil (PTdoB), hoje Avante; o Democratas, mais conhecido com DEN, que é a antiga Arena e depois mudou para PDS e FFL, ainda pode ganhar nova denominação: Mude, de Movimento de Unidade Democrática; e o Partido da Social Democrata Cristão (PSDC), que mudou para Democracia Cristã.

Para Hildo Rocha, a nova denominação do PMDB, além do resgate da história do partido, que foi um marco na resistência ao regime militar, como MDB, cria uma identificação mais forte com o eleitor, e com isto atrair mais simpatizantes e eleitores. Alguns cientistas políticos, no entanto, afirmam que essa é um maneira de fugir de desgaste que essas agremiações vêm sofrendo junto à população, e com novo nome pretendem apagar o passado.


Nenhum comentário: