8 de dez de 2017

Júnior de Nenzim ia ser preso na missa de corpo presente do pai, mas o pedido de prisão vazou do Forum de Justiça

O filho do ex-prefeito de Barra do Corda Manoel Mariano de Sousa (o Nenzim), Manoel Mariano Filho (Júnior de Nenzim), por pouco não foi preso, como principal suspeito da morte do pai, quando participava, nesta quinta-feira (07), da missa de corpo presente de sua vítima.

A igreja fica a poucos metros da delegacia de polícia, e os delegados e agentes aguardavam apenas a decretação da prisão, pela Justiça, para efetivá-la, mas alguém vazou a informação de dentro do Forum e ele saiu no meio da celebração antes da polícia chegar.

De nada adiantou, pois na madrugada desta sexta-feira (08) ele foi preso e já está recolhido, devendo prestar depoimento à polícia, que procura outros possíveis envolvidos na trama. Leia mais em Maranhão Hoje.

Um comentário:

Unknown disse...

Parabéns Dino é Jefferson.
Meus pêsames a família.