31 de dez de 2018

Moradores da Península da Ponta d´Areia padecem com poluição sonara de bares e eventos em datas festivas

Moradores da Península da Ponta d´Areia, uma das áreas de metro quadrado mais caro de São Luís, padecem com a poluição sonora, que é uma constante nos últimos anos e se torna mais intensa em períodos de datas festivas, como o Réveillon.

Segundo um residente do bairro, os mais atingidos são os moradores da Rua do Azeite, onde funciona um bar que utiliza som exagerado, perturbando a paz dos vizinhos, impedindo-os não só do descanso na hora de dormir, mas até mesmo de assistir a televisão ou mesmo receber amigos.

Um desses moradores entrou com uma ação na Justiça contra o estabelecimento, tendo o juizado da 9ª Vara Cível concedido liminar em seu favor, porém a decisão foi derrubada pelo desembargador Luiz Gonzaga Almeida Filho. Como ainda falta julgar o mérito, os moradores perguntam se vai prevalecer até lá, ou depois do julgamento, a Lei do Silêncio, que impõe limites a uso de decibéis em áreas residenciais e horário para uso de sistema de som.

A situação torna-se ainda mais preocupante com o anúncio da programação do Réveillon Sunrise, que será realizado no Iate Clube. De acordo com os organizadores, será o mais animado e o mais duradouro da cidade, com mais de dez horas de festa, ou seja, muito desassossego na chegada do ano novo.

30 de dez de 2018

Câmara Federal analisa projeto de lei que pode regulamentar profissão de piloto de voadeira

Imagem relacionada
GIRO ECONÔMICO

Projeto de Lei 10929/18 em análise na Câmara dos Deputados regulamenta a profissão de piloto de lanchas “voadeiras”, “rabetas” e “bajaras”. Essas embarcações de pequeno porte são comumente utilizadas por populações ribeirinhas da Região Norte do País para o transporte de cargas e de pessoas. 

Pelo texto, para atuar como piloto dessas embarcações o profissional precisará ter 18 anos, ensino fundamental completo e participação em curso básico de qualificação de 20 horas, desempenho as seguintes atividades: navegar, atracar e desatracar as embarcações; gerenciar a tripulação; operar o equipamento de embarcação; monitorar a carga e descarga da embarcação; controlar o embarque e desembarque de passageiros; registrar os dados da embarcação; supervisionar a manutenção de embarcações; administrar recursos materiais e financeiros.

O autor do projeto, Wladimir Costa (SD-PA), lembra que muitas comunidades ribeirinhas dependem desse serviço e precisam utilizá-lo com segurança, além de haver um grande número de adeptos de práticas esportivas.

Cema - Uma das primeiras medidas do governador Flávio Dino (PCdoB) depois de empossado para o segundo mandato será a de definir uma agenda para o Conselho Empresarial do Maranhão (Cema), que teve suas reuniões prejudicadas este ano por conta das eleições, e assim vários assuntos que afetam direta ou indiretamente o empresariado deixaram de analisadas e debatidas. O Cema foi criado em 2015 como o objetivo de ser um colegiado para discussão de assuntos relacionados ao setor econômico. 

Sistema S - O empresário José Arteiro da Silva, presidente da Federação do Comércio do Maranhão (Fecomércio-MA), não acredita que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) vá concordar com a “facada” que o futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, ameaça dar no Sistema S, pois seria uma apropriação indevida de uma verba que não é do governo, mas uma contribuição das empresas para as ações sociais e de educação profissional. Arteiro diz ainda que o fim da contribuição depende de mexida na Constituição Federal. 

Helena Duailibe, médica e deputada estadual eleita,
comemora neste domingo mudança de idade, e deve
comemorar o aniversário com um ato religioso. No registro,
com o pai, Nicolau Dualibe, e o marido, o vereador Afonso Manoel
Energia - Com a aquisição da Companhia Energética de Alagoas (Ceal), o Grupo Equatorial passa a controlar o setor energético em 1/3 da região Nordeste, pois já é controlador da Companhia Energética do Maranhão (Cemar) e em julho deste ano comprou a Centrais Elétricas do Piauí (Cepisa). 

Sindicato - O empresário do ramo de hotelaria, Nonato Luz é o novo presidente do Sindicato Empresarial de Hospedagem e Alimentação do Maranhão (Sehama) como sucessor de Paulo Coelho. Ele assume o comando da entidade na primeira semana de janeiro, porém deve agenda para a segunda quinzena do mês uma solenidade para a posse solene, oportunidade em que deve reunir o trade turístico e empreendedores de outros segmentos para apresentar seus planos com vistas ao fortalecimento do turismo no estado. 

Sebrae - A partir de quarta-feira (02), Alberto Leal assume a diretoria executiva do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Maranhão (Sebrae-MA), mas a posse festiva, tanto dos diretores quanto do presidente do Conselho Deliberativo, Raimundo Coelho, está marcada para dia 17 de janeiro, no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana. Além de Alberto Leal, que é superintendente, compõem a diretora do Sebrae, Mauro Bordalo (diretor técnico) e Rachel Jordão (diretora financeira).

29 de dez de 2018

Deputados maranhenses devem boicotar posse de Jair Bolsonaro para prestigiarem a do governador Flávio Dino

Deputados Weverton Rocha, Rubens Júnior e Zé Carlos 
devem boicotar posse do presidente Jair Bolsonaro, 
na próxima terça-feira, em Brasília
Pelo menos dois deputados federais pelo Maranhão - Zé Carlos (PT) e Rubens Júnior (PCdoB) - já estão confirmados como ausentes na solenidade de posse do novo presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), na próxima terça-feira (1° de janeiro), em Brasília (DF). As legendas de ambos os parlamentares, além do PSOL, comunicaram nesta sexta-feira (28) que irão boicotar a solenidade no Congresso Nacional.

A lista deve se estender, pois, embora ainda não haja confirmação, tampouco haja posição dos seus partidos, os deputados Eliziane Gama (PPS) e Weverton Rocha (PDT), ambos eleitos senadores na chapa do governador Flávio Dino (PCdoB), deverão permanecer no Maranhão a fim de prestigiar a porte do reeleito, marcada para o mesmo horário da troca de comando no governo federal. Deve seguir esta mesma orientação, Julião Amin (PDT), mas outros, mesmo eleitos na chapa de Dino, devem participar da posse de Bolsonaro.

Os demais deputados federais pelo Maranhão são Aloísio Mendes (Podemos), André Fufuca (PP), Cleber Verde (PRB), Júnior Marreca (PEN), Juscelino Filho (DEM), Hildo Rocha (MDB), João Marcelo (MDB), Luana Costa (PSC), Pedro Fernandes (PTB), Sarney Filho (PV), Victor Mendes (MDB), Waldir Maranhão (PSDB) e Zé Reinaldo (PSDB).

Quanto aos senadores, é quase certa as presenças dos três representantes do Maranhão: Edison Lobão (MDB), João Alberto (MDB) e Roberto Rocha (PSDB). Leia reportagem em MARANHÃO HOJE.

Agropecuaristas serão obrigados a fazer inscrição no Cadastro Ambiental Rural a partir de janeiro de 2019

GIRO ECONÔMICO

A inscrição no Cadastro Ambiental Rural (CAR) passa a ser obrigatória a partir de 1º janeiro e poderá ser exigido em transações comerciais e bancárias, como o acesso ao crédito rural e e seguro agrícola. Até o momento, mais de 5,5 milhões de imóveis rurais já estão na base do Sistema Nacional de Cadastro Ambiental Rural (Sicar), numa extensão que ultrapassa 460 milhões de hectares e registra também 1,7 milhão de nascentes e 120 milhões de hectares de reservas legais declaradas. 

O CAR foi instituído pelo Código Florestal Brasileiro, Lei N° 12.651/2012, é um registro georreferenciado das informações ambientais das propriedades e posses rurais do país. Ao aderir ao Programa de Regularização Ambiental, os proprietários e possuidores rurais estabelecem um plano de recuperação para a adequação ambiental de seus imóveis e, enquanto o compromisso firmado estiver sendo cumprido, ficam isentos de sanções.

O prazo máximo para conclusão da regularização ambiental é de 20 anos. As regras para a recomposição das áreas a serem recuperadas são definidas pelos estados e Distrito Federal por meio de regulamentações especificas. Leia mais em MARANHÃO HOJE.

Mailson - A revista Maranhão Hoje de dezembro que está nas bancas desde a semana passada traz uma entrevista com o economista e ex-ministro da Fazenda Mailson a Nóbrega, na qual ele analisa como positivo o futuro da economia maranhense por conta de sua estrutura de transporte, principalmente ferroviário e marítimo. As ferrovias Carajás, Norte-Sul e Transnordestina podem fazer a ligação de São Luís com importante centros produtores, para exportação e importação de produtos de várias partes pelo Porto do Itaqui. 

Fecomércio - Com o falecimento de Marcelino Ramos (primeiro vice-presidente), a diretoria da Federação do Comércio (Fecomércio) sofrerá uma alteração, pois para preenchimento da vaga, será chamado Vilson Estácio Maia, que por sua vez será sucedido por Antônio de Sousa Freitas. O terceiro vice passará a ser Maurício Feijó, o primeiro da lista entre os secretários diretores. Para o presidente José Arteiro da Silva, a morte de Marcelino é uma grande perda para todo o Sistema Fecomércio, que inclui Sesc e Senac. 

O editor deste Giro Econômico recebendo do desembargador 
Ricardo Duailibe, presidente do TRE-MA, certificado pelas suas 
contribuições para que as eleições deste ano se desse com 
mais transparência e segurança 
Mega Sena - As casas lotéricas devem receber um grande público de olho no prêmio de quase R$ 300 milhões da Mega da Virada, cujo sorteio será na próxima terça-feira (31). Vale lembrar que neste tipo de sorteio, o prêmio não acumula, ou seja, alguém ficará milionário. 

Empreendedorismo - O Colégio Dom Bosco vai incluir em sua grade curricular, a partir do próximo ano, as disciplinas DNA Empreendedor e Business, que serão aplicadas a partir do primeiro ano do Fundamental I até o Ensino Médio. O objetivo é a formação de protagonistas e não apenas executores, profissionais com mais liderança e autonomia, aumento da cultura de inovação no país, melhor qualificação dos futuros colaboradores, ou seja, criar uma visão empreendedora, mesmo para quem na empresa é apenas empregado. 

Santas casas - O presidente Michel Temer sancionou nesta quinta-feira (27), sem vetos, a lei que autoriza a criação de linha de crédito com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para socorrer as santas casas e os hospitais filantrópicos que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A Lei 8.036/2018 prevê que 5% do programa anual de aplicações do FGTS serão destinados a essa linha de financiamento. Segundo o governo federal, as santas casas acumulam dívidas de R$ 21 bilhões.

28 de dez de 2018

Banco da Amazônia divulga lista dos eventos de negócios, culturais e ambientais que patrocinará em 2019 no estado

GIRO ECONÔMICO

O Banco da Amazônia vai financiar, por meio dos Editais Públicos de Patrocínios, em 2019, dez projetos no Maranhão: Sesi Bonecos do Maranhão (Serviço Social da Indústria – São Luís), Agricultura Sustentável na Era Digital – Agrobalsas 2019 (Fundação de Amparo à Pesquisa do Corredor de Exportação Norte – Fapcen - Balsas), 51ª Exposição Agropecuária de Imperatriz – Expoimp (Sindicato Rural de Imperatriz, 14ª Agrofeira de Bacabal (Sindicato Rural de Bacabal), 19ª Feira do Comércio e Indústria de Imperatriz – Fecoimp (Associação Comercial e Industrial de Imperatriz – ACII - Imperatriz), 22ª Exposição Agropecuária de Colinas (Expocolinas - Colinas), Raiz da Chanana (Instituto de Estudos Sociais e Terapias Integrativas – São Luís), Maria Firmina dos Reis Uma Voz Além do Tempo (Núcleo Atmosfera de Dança – São Luís), Mais Verde Sustentável (Associação de Moradores da Cidade Operária – São Luís) e Renda Cidadã (Associação de Mães e Agricultores Familiares de Pindoba – Paço do Lumiar).

Ao todo, serão 112 projetos sociais, culturais, esportivos, ambientais e eventos de negócios, nos estados da Amazônia Legal, área de abrangência do banco, totalizando um desembolso de R$ 2,55 milhões. Leia reportagem completa em MARANHÃO HOJE.

Expoema - Tradicional patrocinador dos eventos agropecuários no Maranhão, o Banco da Amazônia não inclui a Exposição Agropecuária do Maranhão (Expoema) na lista de projetos que vai apoiar em 2019, o que pode ser um sinal de que ela novamente não será realizada. Estão na relação do banco para receber patrocínio a Expoimp (Imperatriz), Agrofeira (Bacabal), Expocolinas (Colina) e Agrobalsas (Balsas). De acordo com o edital, sequer houve pleito para o evento por parte de seus organizadores. 

Investimento - O Banco do Nordeste fechou este ano 55 mil contratos de operações de crédito com recursos do Fundo Constitucional do Nordeste (FNE) no Maranhão, perfazendo num montante de R$ 3,7 bilhões. Desses, R$ 521 mil foram destinados a projetos de grande porte; para as MPEs, foram financiados R$ 266 mil; já com agricultores familiares atendidos pelo Agroamigo foram contratados R$ 247,6 mil em crédito. Do total investido no Estado, a maior parte, R$ 1,9 bilhão, foi direcionada a projetos de infraestrutura. 

Homenageado na noite de comemoração dos 50 anos da Fiema,
 por ter composto a comissão que trabalho pela reconquista de sua 
carta sindical, o empresário Carlos Gaspar ladeado por Edilson 
Baldez (E) e Pedro Robson Holanda da Costa 
Recesso - A exemplo da Assembleia Legislativa, Tribunal de Contas, Tribunal de Justiça e outros órgãos públicos, as entidades patronais decidiram dar folga para seus empregados nas duas últimas semanas do ano e bateram as portas na sexta-feira (21) para reabrirem somente dia 02 de janeiro.

Bancos - As agências bancárias funcionam normalmente nesta sexta-feira (28), mas após o encerramento do expediente voltam a abrir somente dia 02 de janeiro de 2019, isto é, quatro dias fechadas. Na segunda-feira (31), o expediente será apenas interno, mas os correntistas e poupadores, bem como quem tem contas a pagar, poderão dispor dos serviços das casas lotéricas, do atendimento eletrônico e pela internet. Ainda assim, boletos que vencerem nesse intervalo poderão ser pagos no primeiro dia útil sem multa. 

Gasolina - O último levantamento da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) aponta que em São Luís a gasolina ainda é vendida a um dos menores preços do Brasil. Com custo médio de R$ 4,06, o produto só é vendido por menos em Curitiba (PR), R$ 3,98; Florianópolis (SC), R$ 4,05; Macapá (AP), R$ 3,94; Manaus (AM), R$ 4,00; e Recife (PE), R$ 4,03. A cidade do Maranhão que tem o preço mais elevado é Pinheiro, R$ 4,51, e o mais baixo é o de São José de Ribamar, R$ 3,99.

27 de dez de 2018

Suposto grupo terrorista estaria planejando atentados em Brasília no dia da posse do presidente Jair Bolsonaro

Um suposto grupo terrorista que estaria ameaçando atentados em Brasília, terça-feira (1° de janeiro), dia da posse de Jair Bolsonaro, vem sendo investigado pela Polícia Federal, segundo informação de O Estado de São Paulodivulgada pelo portal UOL. O grupo teria colocado uma bomba numa igreja de Brazlândia, região administrativa do Distrito Federal, na noite de Natal, artefato que foi encontrado pela Polícia Militar, que o desativou.

Apesar das ameaças, o roteiro da posse do novo presidente não será alterado (leia reportagem em MARANHÃO HOJE).

Segundo a PF, há um texto num site com ameaça ao presidente. Diz a redação: "Se a facada não foi suficiente para matar Bolsonaro, talvez ele venha a ter mais surpresas em algum outro momento, já que não somos os únicos a querer a sua cabeça".

Em outra parte do texto, o grupo diz que "dia 01 de Janeiro de 2019 haverá aqui em Brasília a posse presidencial, e estamos em Brasília e temos armas e mais explosivos estocados".

A Polícia Federal será encarregada da segurança pessoal do presidente, mas outros órgãos também atuarão no evento, como o GSI, o Exército, a Força Nacional e a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal. A investigação sobre a tentativa de atentado na igreja em Brazlândia continuará a ser apurada pela 18ª Delegacia de Polícia Civil.

Banco da Amazônia vai patrocinar quatro eventos de negócios do setor rural no Maranhão no próximo ano

Quatro eventos agropecuários serão patrocinados pelo Banco da Amazônia em 2019 no Maranhão, conforme relação dos projetos aprovados pelo Edital de Patrocínio. Está de fora da relação a Exposição Agropecuária do Maranhão (Expoema), o que é mais um sinal de que o evento, que já foi considerado um dos mais importantes do Norte e Nordeste, não se repetirá no próximo ano, já que o banco era um de seus principais patrocinadores. Aliás, na lista dos que pleitearam ajuda ao banco para execução de seus projetos, não há sequer inscrição dos organizadores do evento.

Confira os eventos rurais que o Basa vai patrocinar no estado:
  • Agricultura Sustentável na Era Digital – Agrobalsas 2019 (Fundação de Amparo à Pesquisa  do Corredor de Exportação Norte – Fapcen - Balsas) 
  • 51ª Exposição Agropecuária de Imperatriz – Expoimp (Sindicato Rural de Imperatriz) 
  • 14ª Agrofeira de Bacabal (Sindicato Rural de Bacabal) 
  • 22ª Exposição Agropecuária de Colinas (Expocolinas - Colinas).
Além destes, o Banco da Amazônia aprovou projetos da área cultural, social e ambiental. Leia reportagem em MARANHÃO HOJE.

Inflação da construção civil aumenta 3,9% em 2018, segundo pesquisa da Fundação Getúlio Vargas

GIRO ECONÔMICO

O Índice Nacional de Custo da Construção – M (INCC-M) fechou o ano de 2018 com inflação de 3,97%, segundo dados divulgados na última sexta-feira (21) pela Fundação Getulio Vargas (FGV). Entre os grandes grupos, os materiais e equipamentos tiveram inflação de 6,94%, os serviços, de 4,22% e a mão de obra, de 1,99%. 

O item que mais encareceu em 2018 foi o material metálico para estrutura, que teve alta de preços de 10,24%. Em seguida, aparecem as esquadrias e ferragens (9,37%), a instalação hidráulica (8,64%), equipamentos para transporte de pessoas (7,37%), material de madeira para estrutura (6,89%), instalação elétrica (6,61%) e material para pintura (6,02%). Os itens com menores variações de preços foram as pedras ornamentais para construção (1,27%), mão de obra especializada (1,68%), mão de obra técnica (2%) e mão de obra auxiliar (2,06%).

A inflação do INCC-M ficou em 0,13% em dezembro deste ano. A taxa é inferior ao resultado de novembro (0,26%). 

Abatedouro - A Agência de Defesa Agropecuária (Aged) concedeu o Título de Registro no Serviço de Inspeção Estadual (SIE) para o Frigorífico Frigotal, na cidade de Barra do Corda. O registro é a garantia de que o novo abatedouro preenche os requisitos higiênicos e sanitários para desenvolver as atividades de abate e manuseio de produtos de origem animal, podendo realizar a comercialização destes produtos em todo território estadual. O empreendimento vai gerar trinta empregos diretos e duzentos indiretos. 

Rua Grande - Com a entrega, neste sábado (22), das primeiras quatro quadras requalificadas na Rua Grande, os empresários do setor lojista estão mais otimistas com a volta do público consumidor ao Centro Histórico de São Luís, pois, além de mais bonita, a tradicional via do comércio, está mais segurança, com mobilidade facilitada e sem fiação elétrica aérea, ou seja, está bem mais convidativa para quem pretende fazer suas compras. A previsão é que as obras sejam concluídas ainda no primeiro semestre de 2019. 

O empresário Sampaio Peixoto recebeu do diretor da 
Agência de Defesa Agropecuária (Aged), Sebastião Anchieta, 
o Registro no Serviço de Inspeção Estadual concedido 
para o Abatedouro Frigorífico Frigotal, de Barra do Corda 
Maracap - A Fundação Antonio Dino, mantenedora do Hospital do Câncer Aldenora Bello, realiza nesta quinta-feira (27), às 13h45, o sorteio do Maracap, cuja maior premiação é um Fiat Mobi (1.0 Fire Flex SP zero km), mas com trinta rodadas da sorte de R$ 500,00 cada. 

Nordeste - Para desespero dos políticos que diziam ter ele preconceito com nordestinos, o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) parece mesmo disposto a acabar com o drama da seca no Nordeste. Numa postagem em seu Twiter, dia de Natal (25), ele anunciou, para janeiro, a instalação do piloto de uma usina para dessalinização da água, numa parceria com Israel. O objetivo do projeto é recuperar água salobra dos poços perfurados nas áreas mais atingidas pela seca e aproveitar água do mar para irrigar a região. 

Portos - Com movimento superior a 161,9 milhões de toneladas, entre janeiro e outubro, Ponta da Madeira, administrado pela Vale, se mantém líder no ranking de movimentação de cargas nos portos brasileiros. O Itaqui, que registrou movimento de 18,4 milhões de toneladas, é o 11º no ranking geral e o sexto entre os portos públicos. Os números são da Agência de Transporte Aquaviário (Antaq), mas, segundo a Empresa de Administração Portuária (Emap), o Itaqui ultrapassou a marca de 21 milhões no Natal.

26 de dez de 2018

Apesar do "Fora, Temer", presidente encerra seu mandato deixando para população de São Luís importantes obras

Michel Temer (MDB) despede-se da Presidência da República na próxima terça-feira (dia 1º de janeiro) sem nunca ter visitado São Luís neste dois anos e meio, embora tenha estado no Maranhão para uma rápida visita ao Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), onde deixou iniciada a negociação para sua exploração comercial pelos Estados Unidos, ideia já abraçada pelo sucessor, Jair Bolsonaro (PSL).

Temer, embora não haja pesquisa confiável sobre a aprovação do seu governo pelos moradores da capital maranhense, é provável que tenha um alto índice de rejeição, até porque trata-se de uma das capitais onde o PT conta maior simpatia dos habitantes, no entanto deixa para a população local um dos maiores legados de que se tem notícia de um presidente, marca talvez até maior que as realizações do único maranhense a sentar na cadeira que hoje ocupa, José Sarney. Não é de duvidar que para as próximas gerações, como já para a atual, seu governo vai ficar marcado com o carimbo do "nada fez".


No último fim de semana, o governador Flávio Dino (PCdoB) e o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) foram bastante elogiados por segmentos da imprensa, blogueiros recrutados para falar bem dessas autoridades e desconstruir os currículos dos adversários e, principalmente, por “simpatizantes” nas redes sociais, pela inauguração das obras de requalificação do Complexo Deodoro, que envolve as praças Deodoro e Panteon e as alamedas Silva Maia e Gomes de Castro, além de quatro quadras da Rua Grande (leia mais em MARANHÃO HOJE), principal via comercial de São Luís. O maior responsável por este benefício, contudo, foi, propositalmente ou por desconhecimento, esquecido, e ele se chama Michel Temer.

É bem verdade que a obra é contemplada pelo Programa de Aceleramento do Crescimento (PAC) Cidades Históricas, iniciado no governo anterior, porém essas obras, que vêm sendo debatidas como essenciais desde a década passada ou mais, nunca avançaram e somente este ano foram tocadas e com a surpreendente celeridade, tendo-se por base o padrão brasileiro para execução de obra pública, de entrega em menos de 12 meses (falta ainda concluir a Rua Grande).

São obras de valor tanto urbanístico quanto econômico, pois que tendem a tornar a cidade mais agradável aos olhos não só dos moradores, mas dos turistas, e devem valorizar o destino, assim como recuperar o comércio do Centro Histórico, sem falar na melhoria da qualidade de vida.

Não custa lembrar também que foi graças aos esforços do atual presidente que a entrada e saída de São Luís pela via rodoviária foram facilitadas, pois, graças a ele,  as obras de duplicação da BR 135, paralisadas desde 2014, se estenderam até Bacabeira.

Uma pesquisa ou sondagem junto a quem se beneficia (rá) desse empreendimento certamente não apontaria o presidente como realizador, pois para muitos o que vale mesmo é apenas o "Fora, Temer". Coisas do Brasil!

24 de dez de 2018

O ano que Papai Noel morreu para mim e nunca mais o 25 de dezembro teve a magia do Natal de minha infância


Resultado de imagem para Papai NoelTodos os anos, Papai Noel sempre encontrava um tempo na sua extensa agenda da noite de 24 de dezembro para ir até Pindaré-Mirim entregar algum presente para mim e a meus irmãos José e Terezinha, que são aqueles com quem sempre convivi. Não havia chaminé na nossa humilde moradia, mas ele dava um jeito de entrar, e colocava sob nossas redes o que julgava mais apropriado para nos recompensar pelo que fizemos ao longo do ano, em termos de obediência aos pais e aos mais velhos, dedicação escolar, assistir missas todos os domingos, não dizer palavrões e outras coisas, conforme os conceitos familiares da época, que faziam de uma criança um ser do bem.

Quando o dia amanhecia era aquela algazarra, que se estendia para a rua, já que outras casas também haviam sido visitadas na noite anterior e cada menino e menina saía com seus brinquedos para fazer a festa, sempre havendo um sentimento de competição e até mesmo de inveja quando se faziam as comparações entre este e aquele objeto. É claro que Papai Noel esquecia ou punia alguns, mas estes não ficavam fora das brincadeiras de Natal. Quem ganhava bola era obrigado a compartilhá-lhas com outros para que a partida de futebol se realizasse, alguns ajudavam a fazer estradas e pontes para os donos de carros passar com seus veículos de plásticos e as meninas organizavam suas casas para cuidar bem de suas bonecas.

Quando perguntávamos que horas o bom velhinho esteva na nossa casa, papai e mamãe sempre diziam que também não tinham visto, pois ele sempre dava um jeito de entrar sem ser notado.

Por não nos esquecer, Papai Noel era sempre admirado e amado, mas temido também, pois qualquer travessura era motivo de advertência para o risco de não merecer do velho de barbas brancas um presente no Natal seguinte.  Era este o segredo da magia da data em que se celebra o nascimento do salvador da humanidade, que sempre fica em segundo plano quando se trata de guardar o 25 de dezembro.

Para mim foi uma grande decepção, portanto, ter desmascarado Papai Noel e tirar da minha vida a fantasia alimentada por muitos anos. Devia estar contando meus seis anos, quando acordei e vi debaixo da minha rede e das de meus irmão três embrulhos. Sim, ele tinha estado lá em casa novamente. Dei um pulo da rede, rasguei o papel de presente e que decepção: não havia brinquedo, mas três cadernos, os mesmos que vi mamãe recebendo semanas antes na escola municipal por nós frequentada e que eram parte dos kits que o governo federal mandava distribuir para o ano letivo seguinte. Até a tarde do dia anterior, todos eles estavam sobre o guarda-roupas.

Chorei pela falta de presente, sem me dar conta de que aqueles cadernos eram mais importantes que um simples brinquedo. Não sei se o choro foi pelo que recebi ou por ter me dado conta que Papai Noel nunca existiu. E pior: saber que, pelo menos naquele ano, as coisas não iam muito bem para a nossa família em termos financeiros, pois não havia sobrado dinheiro para gastos desnecessários. Certo é que Papai Noel nunca mais foi à nossa casa, e o meu Natal nunca mais teve a magia de antes.

Anos depois, já na condição de pai, tentei alimentar este apego pelo bom velhinho com meus filhos, mas os tempos eram outros, e as crianças não tinham mais a inocência da minha época de infância. A influência da propaganda comercial pela televisão e a exposição de brinquedos nas lojas, coisas inimagináveis naquele distante início dos anos 1960 no interior do Maranhão, já antecipavam o que cada um queria ganhar, e quando eu podia eles sempre ganhavam. A única coisa que se manteve do Natal do passado foi a tradição de dar o presente somente na manhã do dia 25, mas sem Papai Noel.

Diretor do Senac recebe título de Ciadão Pinheirense pelas contribuições ao desenvolvimento do município

GIRO ECONÔMICO

O diretor regional do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), José Ahirton Lopes, encerra 2018 com mais um reconhecimento pelo seu trabalho em favor da educação profissionalizante, e a homenagem veio da Câmara Municipal de Pinheiro, que concedeu a ele o título de Cidadania Pinheirense, iniciativa do vereador Oziel Menezes, em reconhecimento à iniciativa de construir no município um Centro de Educação Profissional, o que, segundo ele, vai contribuir com o desenvolvimento social e econômico do município. 

Ao agradecer a homenagem, Airton disse que "orgulha-me o Título, em especial, pelas razões que fundamentaram a proposição: o trabalho que temos desenvolvido à frente das equipes no Senac no Estado do Maranhão, em especial à construção de uma moderna e bem equipada unidade educacional em Pinheiro, que deve atender aos mais de 20 municípios localizados na região da baixada maranhense".

O Centro de Educação Profissional de Pinheiro, que tem inauguração prevista para agosto deste ano, vai atender cerca de vinte municípios da Baixada Ocidental. 

Ambev - Caso caia no gosto dos maranhenses e passe a ser consumida em larga escala no estado, onde será vendida com exclusividade, a cerveja Magnífica, lançada pela Ambev, deverá criar renda para cerca de 500 agricultores familiares maranhenses, que poderão se tornar fornecedores de mandioca, a matéria prima da bebida. A informação é do presidente da cervejaria, Bernardo Paiva, que diz já estarem cadastrados 78 pequenos agricultores, todos do tabuleiro de São Bernardo, na região do Baixo Parnaíba. 

Proibição - Os políticos vão continuar impedidos de serem indicados para direção e conselho de estatais, bem como das agências reguladoras, pois a emenda ao texto original sobre regulamentação desses órgãos, feita na Câmara Federal, foi rejeitada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, presidida por Edison Lobão (MDB-MA). As mudanças na Câmara não agradaram ao autor do projeto, Eunício Oliveira (MDB-CE), que fez críticas ao novo texto, nem aos demais integrantes da CCJ. 

Na solenidade de entrega de título de Cidadania Pinheirense, 
o momento em que o vereador Oziel Menezes, autor da homenagem, 
fazendo a entrega do diploma ao diretor regional do Senac,
José Ahirton Lopes
Comércio - A partir desta quarta-feira (26), os estabelecimentos comerciais mudam o foco e passam a concentrar suas vendas em produtos mais ligados às festas da virada do ano, com destaque para roupas, calçados etc. 

Deodoro - Após inauguração da primeira etapa das obras de requalificação do Complexo Deodoro e Rua Grande, as atenções da prefeitura devem se voltar para solucionar o problema criado com a transferência de vendedores ambulantes para o entorno do Liceu Maranhão, no Parque Urbano Santos, onde se criou uma feira desorganizada. O mais provável é que sejam criados quiosques nas alamedas Silva Maia e Gomes de Castro para venda de jornais, revistas, água, refrigerantes etc, como há todas as praças do mundo. 

Confraternização - Os negócios não foram favoráveis para as empresas de eventos, pois, apesar da realização de algumas festas, os contratos tiveram valores bem inferiores dos anos anteriores. Segundo um empresário do ramo, as tradicionais confraternizações caíram cerca de 50% e as mantidas, diminuíram 50% nos números de convidados e produtos consumidos. Ele cita o exemplo de um cliente que sempre fazia festas com pelo menos duzentos convidados e neste ano o número não passou de sessenta, um corte acima de 60%.

23 de dez de 2018

Maranhão Hoje de dezembro revela o porquê do otimismo dos brasileiros com a chegada de 2019 e do novo governo

A edição de dezembro de Maranhão Hoje que chegou às bancas neste fim de semana traz como principal reportagem o otimismo que tomou conta da maioria dos brasileiros com os novos rumos do país a partir de 2019. O otimismo se deve em grande parte à confiança no presidente a ser empossado, Jair Messias Bolsonaro (PSL). Para 75%, as medidas anunciadas ainda na montagem da equipe estão no caminho certo. Maranhão Hoje destaca ainda:

  • Após apresentar, na campanha eleitoral, Maranhão como o estado de melhor equilíbrio fiscal, solidez financeira e melhor preparado para receber novos investimentos, governador Flávio Dino (PCdoB) se rende à realidade, anuncia cortes de gastos e aumenta impostos. 
  • Vereadora Bárbara Soeiro fala de sua militância por mais igualdade e em defesa da família.
  • Associação Comercial do Maranhão elege Rede de Postos Natureza, Empresa do Ano na categoria Grande Empresa. 
  • Ex-ministro Mailson da Nóbrega diz em entrevista exclusiva que Jair Bolsonaro tem tudo para dar certo, mas pode se complicar com articulação política. 
  • Raimundo Coelho é o primeiro representante do setor agropecuário eleito para presidir o Conselho Deliberativo do Sebrae-MA. 
  • Federação do Comércio inaugura Centro Comercial de olho na autossestentabilidade financeira. 
  • Maranhão continua sendo o líder da pobreza absoluta no Brasil. 

Maranhão Hoje, publicação independente da Class Mídia Comunicação & Marketing, é a única revista maranhense com periodicidade mensal, estando há mais de cinco anos no mercado com tiragem mínima de 3 mil exemplares. Sua distribuição é feita tanto na capital quanto no interior do Estado, através de venda avulsa, assinaturas individuais e vendas dirigidas para empresas, entidades de classe, órgãos públicos etc. Visite o site www.maranhaohoje.com

Empresários do setor de turismo se unem e criam uma nova instituição para atrair eventos para o Maranhão

Resultado de imagem para francisco neto sindebares
GIRO ECONÔMICO

O empresário Francisco Neto (foto), proprietário do Restaurante Feijão de Corda e presidente do Sindicato de Bares e Restaurantes (Sindbares) juntou outras instituições que representam o trade turístico local – Associação das Agências de Viagens (Abav), Associação dos Jornalistas de Turismo (Abrejet), Sindicato das Empresas de Turismo (Sindtur) – para criação do Destination Maranhão, que tem como principal missão atrair eventos que possam dar maior movimentação ao turismo maranhense, passando a preencher a lacuna aberta desde a desativação do Convention & Visitor Bureau.

Na última a quinta-feira (20) essas entidades foram ao Palácio dos Leões para protocolar uma carta ao governador Flávio Dino (PCdoB) na qual expressam o desejo de contribuir com as ações do Estado que possam vir a fortalecer o setor.

Segundo Francisco Neto, que já foi proclamado presidente do Destination, os empresários mostraram-se a favor de uma política exclusiva para o turismo. “Que este importante segmento da economia volte a ter sua própria secretaria, bem como um diálogo permanente com o setor produtivo”, disse ele. 

Desemprego - O setor de Construção Civil é o único no Maranhão com saldo negativo na geração de empregos nos 11 meses deste ano, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados quinta-feira (20). Foram 20.729 contratações contra 23.006 demissões no período, ou seja, 2.277 postos de trabalho desativados. Na outra ponta, está o setor de Serviços com saldo de 9.578, resultado de 53.477 admissões e 47.648 demissões. No total, o estado tem acumulado de 12.521 empregos preservados. 

Segurança - A Câmara Federal analisa um projeto de lei do deputado Vitor Paulo (PRB-DF), que pretende obrigar as empresas de segurança privada a destinar 20% de suas vagas para trabalho em vigilância ostensiva e transporte de valores a mulheres. Conforme a proposta, a ideia é estimular a inserção da mulher no mercado de trabalho. “A segurança privada e de vigilância é um dos maiores e mais lucrativos segmentos da economia, mas ainda existe uma imagem de que esse segmento está atrelado à figura masculina”, diz o deputado. 

Na solenidade de entrega da Ordem do Mérito Direitos Humanos,
 o momento em que o professor Aldyr Mello recebia o seu certificado
do advogado Sérgio Tamer 
Diretor - Ex-reitor da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e da Uniceuma, o professor Aldyr Mello é o novo reforço do Centro de Estudos Constitucionais e Gestão Pública (CECGP), do advogado Sérgio Tamer, onde vai desempenhar a função de vice-diretor de Pós-Graduação da Faculdade SVT. 

Sistema S - O anúncio do futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, de corte nos recursos destinados ao Sistema S tem repercutido entre empresários, políticos, personalidades e, agora, entre atletas patrocinados pelo Serviço Social da Indústria (Sesi). O principal argumento é de que com a “facada” de até 50% no repasse a Sesi, Senai, Sesc, Senac etc não apenas os incentivos ao esporte sofrerão impacto, mas as atividades voltadas ao treinamento profissional, pesquisa e assistência técnica e social de jovens no país. 

Travessia  - As equipes da Vale já colocaram em campo a campanha de reforço aos cuidados para cruzar a linha férrea sem riscos de acidentes. Com o tema "Boas Atitudes, Boas Festas", a iniciativa traz como mensagem principal a celebração consciente das festas natalinas e de réveillon, onde o consumo de bebida alcoólica costuma aumentar. O trabalho inclui distribuição de calendários, panfletos, mensagens em rádio e blitzen de orientação em pontos estratégicos ao longo dos 900 quilômetros da ferrovia que liga Maranhão e Pará.

Cemar entrega obras do projeto Luzes de Alcântara desenvolvimento em parceria com o Iphan e a Aneel

Na entrega do Luzes de Alcântara, projeto que é uma parceria entre o Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e Companhia Energética do Maranhão (Cemar), por meio do Programa de Eficiência Energética da da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Maurício Itapary (superintendente do Iphan), Sérgio Melo (presidente da Cemar), Augusto Dantas (diretor da Aneel), Sandoval Feitosa, Hugo Viégas (secretário-adjunto da Cultura e Turismo Maranhão) e José Jorge Leite (diretor de relações institucionais da Cemar).

O objetivo do projeto é promover a modernização do sistema de iluminação das áreas urbanas e centro histórico da cidade de Alcântara, além de promover a iluminação artística dos principais monumentos históricos, como Praça da Matriz, Pelourinho e Igrejas de Nossa Senhora do Carmo e dos Sinos.

22 de dez de 2018

Pagamento de auxílios para magistrados precisará de aval do Conselho Nacional de Justiça, decide corregedor

A Corregedoria Nacional de Justiça publicou recomendação aos tribunais para que o pagamento a magistrados e servidores de valores como auxílio-moradia, auxílio-transporte, auxílio-alimentação ou qualquer de outra verba extra seja feito somente após autorização do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). A medida vale também para pagamentos extras que tenham respaldo em lei estadual.

O corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, levou em consideração a Lei Orgânica da Magistratura Nacional (Loman), que veda expressamente a concessão de adicionais ou vantagens pecuniárias que não estejam previstos na norma, bem como em bases e limites superiores fixados.

Martins ressaltou ainda que o Supremo Tribunal Federal (STF) já ratificou a decisão proferida pelo CNJ no sentido de que é de competência dop conselho o controle de ato de tribunal local que, embora respaldado em legislação estadual, se distancie da interpretação dada à matéria pelo Supremo.

Por último, o ministro considerou o caráter nacional da magistratura e a necessidade de se dar transparência às rubricas e aos valores pagos pelos tribunais aos magistrados, conforme decisão do CNJ na sessão do último dia 18 de dezembro, o que também é extensível aos servidores. Leia mais detalhes em MARANHÃO HOJE.

Jair Bolsonaro anuncia cortes em gastos com pessoal e estrutura de pessoal na Secretaria de Comunicação

GIRO ECONÔMICO

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, afirmou nesta sexta-feira (21), no Twitter, que revisará contratos e reavaliará o quadro de pessoal da Secretaria de Comunicação (Secom), vinculada à Presidência da República. Segundo ele, o orçamento aprovado pelo Congresso Nacional para a área é praticamente metade do proposto, portanto trabalhará de acordo com o valor final, sem buscar aumentos. “O Congresso aprovou orçamento de R$ 150 milhões para a Secretaria de Comunicação Social em 2019, um corte de 45,8% do valor proposto pelo atual governo (R$ 277 milhões)”, disse. 

“Revisaremos diversos contratos e reavaliaremos o quadro pessoal da Secom a fim de reduzir ainda mais o orçamento para 2020. Vamos mostrar, nesta e em outras áreas, na prática, os benefícios da correta aplicação de recursos públicos”, acrescentou.

O presidente eleito afirmou que na sua gestão, que começa em 1º de janeiro de 2019, não haverá esforço para elevar valores no Orçamento Geral da União. “Informo que nosso governo não irá pleitear qualquer aumento no orçamento e trabalhará com o valor aprovado.” 

Desemprego - Apesar do saldo negativo de novembro, o Maranhão chegou ao penúltimo mês do ano com saldo acumulado de 12.521 postos de trabalho preservados, resultado de 143.011 admissões e 130.490 demissões, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta quinta-feira (21). Nos 12 meses, foram 153.593 contratações contra 142.502 desligamentos, o que dá um saldo de 11.091 empregos preservados. Em novembro, foram 11.39 contratações e 11.519 demissões, ou seja, saldo de -280. 


O editor deste Giro Econômico foi um dos distinguidos
 pelo Centro de Estudos Constitucionais e Gestão Pública 
(CECGP) com a Ordem do Mérito em Direitos Humanos em 
comemoração aos 30 anos da Constituição Federal e 70 anos da 
Declaração dos Direitos Humanos pelo ONU 
Premiação - O advogado Sérgio Tamer presidiu nesta quinta-feira (21) a solenidade de premiação Ordem do Mérito em Direitos Humanos, pela qual o seu Centro de Estudos Constitucionais e Gestão Pública (CECGP) distinguiu diversas personalidades do Direito, da Segurança Pública, da Educação e Jornalismo que, de alguma forma, tenham contribuído para a valorização dos direitos humanos. A solenidade comemorou ainda os 30 anos da Constituição Federal e 70 anos da Declaração dos Direitos Humanos. 

Mega-Sena - Nenhuma aposta acertou as seis dezenas da última Mega-Sena deste ano e o prêmio principal, estimado em R$ 50 milhões, acumula para a Mega da Virada que, segunda estimativa da Caixa, vai pagar agora R$ 280 milhões. 

ViraVida - O Serviço Social da Indústria do Estado do Maranhão (Sesi) realizou quinta-feira (20) a formatura de 171 alunos e alunas do Programa ViraVida, de São Luís e Rosário. Criado em 2008 pelo Conselho Nacional do Sesi, o ViraVida é um dos exemplos bem-sucedidos de como a educação e a qualificação profissional podem transformar a vida de adolescentes e jovens em situação de extrema vulnerabilidade, visando o desenvolvimento de suas potencialidades cognitivas, socioemocionais, de qualificação profissional e a inserção social. 

Seminovos - Palio, Gol e Fiesta são os veículos seminovos com maior giro nas concessionárias brasileiras e permanecem entre 10 e 14 dias no estoque, desde a sua entrada na loja até a sua revenda online. Os dados foram retirados da plataforma AutoAvaliar, com base nas transações realizadas entre 2,5 mil concessionárias e 30 mil lojistas multimarcas no País entre janeiro e setembro deste ano. Segundo o levantamento da empresa, no geral, os veículos seminovos ficaram em média 15 dias em estoque no primeiro semestre.

21 de dez de 2018

TCE vai continua defendendo a boa aplicação dos recursos públicos, diz o novo presidente, Nonato Lago

Nonato Lago (E) vai suceder Caldas Furtado na presidência do TCE-MA
GIRO ECONÔMICO

Ao discursar quarta-feira (19), após ser escolhido, pela quarta vez, presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), o conselheiro Nonato Lago disse que na sua gestão os trabalhos desta Corte de Contas vão continuar avançando a fim de garantir a boa aplicação dos recursos públicos pelos seus gestores. 

O ideal, segundo ele, seria que esse tipo de controle nem existisse, pois teria-se a certeza de que o dinheiro da sociedade estaria sendo aplicada de forma correta em seu benefício, porém imaginar isto ainda é um sonho, pois o Brasil estaria no mesmo nível dos países escandinavos – Dinamarca, Suécia e Noruega – onde tem-se a certeza desse zelo. Ele elogiou os presidentes que o antecederam a partir de 2002, quando esteve pela última vez no cargo, pois entende que cada um, a seu modo, contribuiu para o TCE se fortalecer.

Nonato Lago terá como vice, Washington Oliveira (ex-vice-governador do Estado); auditor, Álvaro César Ferreira (ex-presidente); e ouvidor, José Caldas Furtado (a quem está sucedendo). Ele foi empossado automaticamente, mas, devido ao recesso, exerce o cargo em definitivo a partir de janeiro. Leia reportagem em MARANHÃO HOJE.

Aeroporto - Com a chegada das festas de fim de ano e das férias de verão, os passageiros que utilizam o Aeroporto Prefeito Renato Moreira, em Imperatriz, vão contar com mais uma rota a partir desta sexta-feira (21), quando entra em operação um voo extra da Azul numa ligação com Campinas (SP). O voo ficará disponível até 03 de fevereiro de 2019. O trecho será realizado em uma aeronave Embraer 195, com capacidade para 118 passageiros, com duração de 2h50min. O voo ocorrerá às quartas, sextas e domingo. Lei mais em MARANHÃO HOJE. 

Cana - A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) divulgou nesta quinta-feira (20), o terceiro levantamento da safra 2018/19 de cana-de-açúcar, pela qual o país terá recorde na produção total de etanol, que chegou a 32,3 bilhões de litros, 18,6% a mais em relação à safra passada. No Maranhão, que deverá registrar uma colheita de 2,068 milhões de toneladas de cana, a previsão é de uma queda 512,2 mil litros de etanol, saindo de 162,6 milhão para 162,1 milhão, ou seja, -0,3%. 


Na comemoração dos 50 anos da Federação das Indústrias, o presidente 
Edilson Baldez ladeado pelo vice-governador Carlos Brandão (E) e 
o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior 
Sistema S - As entidades que geranciam o Sistema S ganharam apoio da Força Sindical com a ameaça de "facada" por Paulo Guedes. Segundo o órgão sindical, poucas organizações funcionam em nosso País tão bem quanto o Sistema S. Que o governo queira aperfeiçoar mecanismos de fiscalização, tudo bem. Mas intervir, mandar cortar e “dar facada” não beneficiaria a população e não cabem num regime democrático. 

Indústria - Ao discursar na solenidade de comemoração dos 50 anos da Federação das Indústrias (Fiema), o vice-governador, Carlos Brandão Júnior, revelou uma transação até desconhecida de muitos empresários: o seu pai era proprietário de uma fábrica de beneficiar babaçu em São Luís e quando quis se desfazer do negócios procurou duas das maiores família do ramo, a de Armando Gaspar e a de Bento Mendes, e na disputa sobre quem oferecia mais, venceu a família Gaspar, no ato representado pelo filho Carlos. 

Cervejaria - Breve a novidade deve chegar a São Luís: a Cervejaria Aquiraz, da Ambev, localizada a 30km da capital Fortaleza, abre suas portas a partir desta sexta-feira (21) para visitas guiadas. O tour é uma experiência cervejeira completa. Nele, é possível acompanhar de perto a criação, elaboração e degustação da bebida mais popular do planeta. Antes, a experiência foi adotada nas cervejarias de Agudos, em Guarulhos, de Jaguariúna, em São Paulo; Adriática, no Paraná; Rio de Janeiro; e a de Pernambuco, em Itapissuma.

Prêmio da Mega da Virada pode gerar uma receita mensal superior a R$ 1 milhão só com rendimentos da poupança

O prêmio da décima edição da Mega da Virada pode chegar a R$ 280 milhões. Sem apostadores vencedores no último sorteio regular, realizado nesta quinta-feira (20) em Conselheiro Pena (MG), o valor acumulado passou a compor a premiação principal da edição especial. As apostas exclusivas para a Mega da Virada começam nesta sexta-feira (21). A partir de hoje, todas as apostas registradas concorrerão ao sorteio especial de fim de ano, inclusive os registrados em volantes regulares da Mega. A 10ª edição do concurso especial tem prêmio estimado em R$ 280 milhões.

Caso apenas um ganhador leve o prêmio da Mega da Virada e aplique todo o valor na caderneta de poupança, receberá mais de R$ 1 milhão em rendimentos mensais. O dinheiro do prêmio é suficiente para adquirir duas ilhas particulares com iates de luxo.

As apostas para a Mega da Virada podem ser feitas até as 16h (horário de Brasília) do dia 31 de dezembro em qualquer lotérica do país e também no Portal Loterias Online (www.loteriasonline.caixa.gov.br).

Outra opção é o Bolão Caixa, no qual que os apostadores podem dividir cotas com amigos e familiares. Na Mega-Sena, os bolões têm preço mínimo de R$ 10,00, mas cada cota não pode ser inferior a R$ 4,00. É possível realizar um bolão de no mínimo 2 e no máximo 100 cotas. O bolão também pode ser solicitado diretamente ao atendente da lotérica, informando os números da aposta e a quantidade de pessoas que participarão. Leia mais em MARANHÃO HOJE.

20 de dez de 2018

PERGUNTAR NÃO OFENDE

É ou não é uma coincidência o assessor e motorista de Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz, apresentar como justificativa para não depor sobre movimentação de R$ 1,2 milhão, o mesmo argumento de problemas de saúde do Coronel Lima, assessor de Michel Temer?

Governador Flávio Dino enxerga riscos de uma ruptura do pacto democrático no Brasil a partir do próximo ano

Sem mencionar a quem e a quais episódios estava se referindo, o governador Flávio Dino (PCdoB) postou, nesta quinta-feira (20), uma mensagem em sua página no Facebook, na qual enxerga riscos de uma ruptura com o pacto democrático, a partir de 2019, mas certamente trata-se de um prognóstico sobre o que vai ocorrer no Brasil com a instalação de um governo mais voltado para o pensamento da direta, representado por Jair Bolsonaro (PSL). A postagem mereceu mais críticas do que elogios dos seguidores do governador.

Disse Flávio Dino: "Eventos em varias diplomações de eleitos mostram gravíssimas anomalias institucionais. Uma delas, o desejo de alguns poucos de “esmagar” o pensamento de esquerda no Brasil. Provavelmente teremos um ano de 2019 conflituoso e com grave risco de ruptura do pacto democrático".

Não é a primeira vez que o governador faz esse tipo de previsão e chegou até mencionar os riscos do caos como justificativa para o projeto enviado à Assembleia Legislativa no qual aumentou alíquotas do ICMS para diversos produtos. Ele também já fez comparações entre a sua posse com a de Bolsonaro, dia 1º de janeiro de 2019, em que diz que no Maranhão haverá uma renovação de compromissos com a Constituição Federal; em Brasília, não.

Confederação dos Transportes reage às ameaças de Paulo Guedes para "meter a faca" no dinheiro do Sistema S

Resultado de imagem para sest senat.simulador
GIRO ECONÔMICO

A Confederação Nacional do Transporte (CNT) reagiu à declaração do futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, que ameaçou “meter a faca” nas verbas do Sistema S. Em nota, a entidade lembra que o desempenho e a qualidade de vida dos trabalhadores do transporte estão diretamente ligados ao Serviço Social do Transporte (Sest) e ao Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Senat), responsáveis pela qualificação profissional de trabalhadores do transporte no Brasil, tais como motoristas de ônibus, caminhoneiros, taxistas etc. 

Ainda de acordo com a CNT, em seus 25 anos de existência, esses órgãos prestaram mais de 126 milhões de atendimentos gratuitos, sendo que este ano, até setembro, foram 8,6 milhões de atendimentos. Na Saúde, o Sest e Senat oferecem especialidades como fisioterapia, psicologia, nutrição e odontologia, “onde o SUS pouco alcança”.

Ainda segundo a CNT, essas instituições geram 8,7 mil empregos diretos para atender mais de 2 milhões trabalhadores, cerca de 200 mil empresas, além de familiares de seu público alvo. As unidades são equipadas com tecnologia de ponta, como os simuladores de direção para treinamento de motoristas. 

Embrapa - A Embrapa Cocais está difundido entre produtores rurais três projetos aprovados com apoio do Fundo Amazônia para serem executados na Amazônia Maranhense. São eles: Mais Sementes, Inovaflora e Terramz. O objetivo é socializar e facilitar o conhecimento sobre esses projetos e formar grupos de trabalho para execução das atividades, que deverão ser feitas em sintonia com políticas públicas, iniciativas locais e por meio de abordagem participativa, para dar voz às comunidades que atuam no bioma Amazônia. 

Selos - Já está circulando a última emissão postal especial de 2018 pelos Correios: Cânions Brasileiros, composta por dois blocos, cada um traz imagens localizadas no Rio Grande do Sul e Santa Catarina. O selo do bloco Cânion Itaimbezinho sintetiza a imagem principal apresentando o desfiladeiro íngreme, onde cresce vegetação típica. O bloco Cânion Fortaleza destaca características evidenciadas na imagem maior: topo plano, contrastando com a exuberante formação florestal que brotam dos flancos da ravina. 

Na solenidade de troca de comando no 24º Batalhão de Infantaria 
de Selva (BIS), nesta terça-feira (18), o novo comandante, Cel. Sousa 
Filho, com o empresário Pedro Robson (E), que representou a Fiema;
o coronel da reserva José Monteiro; e Antônio Duarte
Inflação - O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), usado no reajuste do contrato de aluguéis, teve deflação de 1,15% na segunda prévia de dezembro, taxa menor que a registrada na segunda prévia de novembro (-0,35%). O dado foi divulgado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). 

Senador - No seu último discurso no Senado, terça-feira (18), Edison Lobão (MDB) lembrou de sua passagem pelo Governo do Maranhão, quando teria se voltado para a modernização do estado e a consolidação da infraestrutura de transportes e comunicações, além de ampliar e melhorar as redes estaduais de Educação, Saúde e Segurança Pública. Com base neste balanço e nas ações que teria desenvolvido no Senado em favor dos maranhenses, anunciou que, apesar de não reeleito, não abandonará a política. 

Carreira  - A VLI integra o guia As Melhores Empresas para Começar a Carreira, publicação da revista Você S/A e que é uma referência no setor de carreiras e gestão de pessoas. O levantamento avalia práticas aplicadas especificamente a profissionais entre 18 e 26 anos. O objetivo é premiar empresas que oferecem os melhores programas para quem está começando uma carreira. A pesquisa, assim como o ranking “Melhores empresas para trabalhar”, conta com parceria com a Fundação Instituto de Administração da USP.

Tenente-coronel Luciano Sousa Filho toma posse no comando do Batalhão de Infantaria de Selva em São Luís

Nesta terça-feira (18), o tenente-coronel Luciano Freitas e Sousa Filho, natural do Ceará e que estava lotado em Brasília (DF), assumiu o comando do 24º Batalhão de Infantaria de Selva (BIS), sediado em São Luís, no lugar do coronel Marcus Vinícius Soares Guimarães de Oliveira, que foi transferido para Rio de Janeiro.

A solenidade, que contou com a presença, dentre outros, do vice-governador Carlos Brandão, foi presidida pelo general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, comandante do Comando Militar Norte (CMN), sediado em Macapá (AP).

Pela parte da manhã, houve uma missa de ação de graças na Igreja da Sé, com a presença de militares, amigos e familiares dos comandantes empossado e sucedido. À noite, no quartel do bairro do João Paulo, antes da cerimônia de troca de comando, Marcus Vinícius foi homenageado com a fixação de sua foto na Galeria dos Ex-Comandantes e recebeu o reconhecimento da tropa e de outras instituições das Forças Armadas.

Antes de ser transferido para São Luís, Sousa Filho servia no Centro de Comunicação Social do Exército, no Distrito Federal. Ele ingressou nas Forças Armadas em 1992, como aluno da Escola Preparatória de Cadetes, em Campinas (SP), e foi elevado, de aspirante a oficial, em 1996, após concluir o Curso de Formação de Oficiais de Infantaria da Academia Militar das Agulhas Negras, em Resende (RJ).

Sousa Filho diz que assumir o 24º BIS é mais um desafio na sua carreira militar e prometeu empenho para honrar as tradições do batalhão, com base no trabalhos dos antecessores. Leia mais sobre a solenidade em MARANHÃO HOJE.

19 de dez de 2018

Comissão do Senado adia para o próximo ano votação do projeto de Roberto Rocha que cria Zona de Exportação

GIRO ECONÔMICO

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado adiou para a primeira reunião de 2019 a votação da proposta que cria a Zona de Exportação do Maranhão (Zema), uma espécie de zona de processamento de exportação (ZPE) especial ou ampliada. Por falta de quórum e por haver um pedido de vista do senador José Serra (PSDB-SP), a votação foi suspensa pelo presidente, Tasso Jereissatti (PSDB-CE). 

O projeto, de autoria do senador maranhense Roberto Rocha (PSDB), estabelece uma área de livre comércio com o exterior na Ilha de Upaon-Açu, que abriga a capital, São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa. Pelo projeto, as empresas que se instalarem na Zema terão isenção de impostos e contribuições incidentes sobre a importação ou sobre aquisições de insumos no mercado interno, para que possam produzir ou prestar serviços destinados à exportação.

Somente as empresas enquadradas na seção “indústrias de transformação” da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE) poderão usufruir dos incentivos fiscais. 

Cidadã - A empresária e apresentadora de TV Paulinha Lobão, que preside o Sistema Difusora de Rádio e Televisão, onde apresenta aos sábados o Algo Mais na TV e um programa musical na Nova FM, recebeu nesta terça-feira (18), o Título de Cidadã Maranhense, distinção concedida pela Assembleia Legislativa por iniciativa do deputado Roberto Costa (MDB), em reconhecimento às contribuições dadas ao desenvolvimento social e econômico do estado, como empresária e comunicadora. Ela é também cantora e atriz. 

Fiema - O presidente da Federação das Indústrias (Fiema), Edilson Baldez, recepciona nesta quarta-feira (19), a partir das 19h, para a cerimônia de comemoração dos 50 anos da reconquista da carta sindical da entidade. Trata-se de uma das mais importantes entidades patronais do estado, que trabalha na articulação empresarial em torno de ações conjuntas de interesse para o desenvolvimento da indústria e da economia do estado como um todo, inclusive convênios internacionais para inserção de empresas locais no mercado exterior. 

Ao participar segunda-feira (17) da reunião almoço de deputados 

com empresários, na Federação das Indústrias (Fiema), o presidente 
da Assembleia Legislativa, Othelino Neto, recebeu de brinde, duas garrafas 
de cachaça produzida pela Cartima do presidente do Sindicato
 da Indústria de Bebidas, Jorge Fox 
Falecimento - Falceu nesta segunda-feira (17) um dos mais ativos diretores da Federação das Indústrias (Fiema), Mário Mendes, irmão do ex-presidente da entidade, Jorge Mendes, e que por muito anos foi presidente do Sindicato da Indústria de Plástico do Maranhão (Sindplast). 

Em nuvem - A Prefeitura de Barreirinhas inovou e passou a adotar a plataforma em nuvem da 1Doc para comunicação, atendimento e gestão documental. A solução deve aumentar a eficiência nos trâmites internos entre as secretarias do Poder Executivo. Em vigor desde este mês, a tecnologia adotada possui mecanismos que visam à economia de recursos financeiros, materiais e humanos, gerando a celeridade dos atos administrativos e permitindo transparência e acesso à informação para todos os cidadãos. 

Sistema S - Para futuro ministro Paulo Guedes “meter a faca no Sistema S”, como ameaçou na Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) nesta segunda-feira (17), terá de alterar a Constituição Federal, pois as contribuições a Sesi, Senai, Sesc, Senac etc foram recepcionadas pelo artigo 240 da Constituição Federal de 1988. Além disso, passaram a ter fundamento no art. 149 da CF, ou seja, as entidades patronais terão de mobilizar as bancas de deputados e senadores de seus estados para não perderem essa receita.

18 de dez de 2018

Índice de Atividade Econômica do Banco do Central apresenta alta 0,02% em outubro comparado a setembro

GIRO ECONÔMICO

O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) dessazonalizado (ajustado para o período) apresentou alta de 0,02% em outubro, comparado ao mês de setembro, segundo dados divulgados nesta segunda-feira (17), em Brasília (DF). Na comparação com outubro de 2017, houve crescimento de 2,99% nos dados sem ajustes, já que a comparação é entre períodos iguais. Em 12 meses encerrados em outubro, o indicador teve expansão de 1,54%.

No ano, até outubro, houve crescimento de 1,40%. O IBC-Br é uma forma de avaliar a evolução da atividade econômica brasileira e ajuda o BC a tomar suas decisões sobre a taxa básica de juros, a Selic. O índice incorpora informações sobre o nível de atividade dos três setores da economia: indústria, comércio e serviços e agropecuária, além do volume de impostos.

O indicador foi criado pelo Banco Central para tentar antecipar, por aproximação, a evolução da atividade econômica. Mas o indicador oficial é o Produto Interno Bruto (PIB), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Ambev - O presidente da Ambev, Bernando Paiva, renIU convidados nesta terça-feira (18), no Restaurante Feijão de Corda, na Avenida Litorânea (Calhau), para o anúncio de uma nova marca de cerveja, a Magnífica, exclusiva para o Maranhão, e uma série de inovações que a indústria vai desencadear no Maranhão. Do evento, animado por artistas locais, participou também o governador Flávio Dino (PCdoB). Sem especificar a pauta, a direção da cervejaria diz que as novidades a serem anunciadas têm a cara do Maranhão e irá valorizar o orgulho de ser maranhense.

Fiema - A Federação das Indústrias (Fiema) realiza nesta quarta-feira (19) à noite uma cerimônia para convidados para comemoração dos seus 50 anos da reconquista da carta sindical entidade. Trata-se de uma das mais importantes entidades patronais do estado, que trabalha na articulação empresarial em torno de ações conjuntas de interesse para o desenvolvimento da indústria e da economia do estado um todo, inclusive por meio de convênios internacionais para inserção de empresas locais no mercado exterior.

Em recente viagem a Brasília, o presidente da OAB-MA, Thiago
Diaz, e o diretor da Escola Superior de Advocacia (ESA),
João Batista Ericeira, entregaram a Medalha Fran Paxeco
ao ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Reynaldo
Soares da Fonseca. A Comenda é alusiva ao centenário da Faculdade
de Direito do Maranhão.
Estatais - O senador Edison Lobão (MDB) coloca em votação esta semana, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), da qual é presidente, o parecer do senador Antônio Anastasia contra a tolerância de indicação de políticos e seus parentes para cargos em estatais

Trabalho - O presidente da Confederação Nacional do Transporte (CNT), Clésio Andrade, se posicionou favorável ao fim do Tribunal Superior do Trabalho (TST), pois, segundo ele, essa instância da justiça tem gerado insegurança jurídica ao não cumprir determinações da Reforma Trabalhista, o que impede a geração de novos postos de emprego. Para Andrade, as atribuições TST deveriam ser repassadas ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), que tem uma visão mais ampla da sociedade brasileira.

Infraero - A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) estima receber mais de 5 milhões de passageiros, entre embarques e desembarques, em seus aeroportos neste fim de ano, e um movimento de aeronaves superior 42 mil pousos e decolagens até 06 de janeiro de 2019. A preparação para receber o fluxo intenso de passageiros começou em novembro e passou pela manutenção preventiva de esteiras de bagagens, sinalização de pista, pontes de embarque, escadas rolantes, raios-x e detectores de metal.



17 de dez de 2018

Jair Bolsonaro decide manter Secretaria de Promoção da Igualdade Racial, segundo futura ministra Damares Alves

A Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) será mantida e permanecerá com a mesma nomenclatura, com foco na dignidade da pessoa humana. A decisão foi divulgada nesta segunda-feira (17) por meio de nota oficial.

A informação é da advogada Damares Alves, que assumirá como titular do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. Em nota, ela informou que o objetivo é ampliar as ações no âmbito da secretaria.

“Informamos ainda que o objetivo da secretaria será o de ampliar as ações de acesso às políticas públicas, para a população negra, indígena, quilombola, cigana, moradores do semiárido, comunidades ribeirinhas e comunidades tradicionais.”

16 de dez de 2018

Comissão da Câmara Federal aprova projeto que cria selo para empresas que cumprem normas de cidadania


Resultado de imagem para keiko ota

GIRO ECONÔMICO

A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços da Câmara dos Deputados aprovou o projeto que cria o “Selo Empresa Cidadã” para atestar a responsabilidade social e ambiental das empresas brasileiras (PL 8224/17). A proposta, do deputado Francisco Floriano (DEM-RJ), permite que o empresário use o selo na promoção da sua empresa e produtos. As despesas decorrentes das análises e vistorias necessárias para a concessão do “Selo Empresa Cidadã” serão custeadas mediante o pagamento, pelo empresário, de preço público ou tarifa, conforme o caso. 

A relatora, deputada Keiko Ota (PSB-SP), recomendou a aprovação do projeto com uma emenda que define critérios para a concessão do selo. A emenda restringe a concessão a empresas que cumpram requisitos de responsabilidade social estabelecidos em norma pela Associação Brasileira de Normas Técnicas, que sigam diretrizes propostas pelo Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável –CEBDS e que estimulem a redução do consumo de recursos naturais.

“O crescente sentimento de responsabilidade social e ambiental no seio da sociedade torna cada vez mais valorizáveis as boas práticas de empresas”, explicou Ota. 

Financiamentos - As vendas financiadas de veículos novos e usados totalizaram 484.044 unidades em novembro. Do total, 114.553 veículos são autos leves 0km. O resultado revela um crescimento de 15,3% de veículos novos financiados, na comparação com novembro de 2017. Levando em conta o total de financiamentos para o mês, incluindo motos e pesados, novos e usados, a alta foi de 7,8%, na mesma base de comparação. Considerando apenas os dias úteis, novembro atingiu a marca de 24.202 financiamentos diários. 

Residência - Estão abertas até 10 de janeiro de 2019 as inscrições para o seletivo de ingresso ao programa de Residência Médica em Cancerologia e Mastologia do Hospital Aldenora Bello (HCAB), mantido pela Fundação Antônio Dino. As inscrições são presenciais no setor de Humanização do hospital, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. O Aldenora Bello é uma das maiores referências no tratamento oncológico de alta complexidade e suas ações são apoiadas pelo Maracap, que neste domingo realiza o ‘Natal Bem Legal Maracap’. 

Homenageado pela Maçonaria, o médico José Bonifácio Barbosa 
como o grão mestre Ubiratan de Castro (D), Raimundo 
Livramento e Joabe Pereira da Silva 
Maçonaria - O médico José Bonifácio Barbosa foi condecorado com o título de Grão-mestre-Ad-Vitam, concedido pelo Grão-Mestre em atividade Ubiratan João de Castro, pela sua atuação entre 1981 a 1987, quando, aos 37 anos, foi o mais jovem a comandar a Maçonaria no Maranhão, deixando um grande legado à instituição. 

Estatais - O Conselho Temático de Política Econômica e Legislativa da (Fiema) promove nesta segunda-feira (17) um almoço com deputados estaduais eleitos e reeleitos, na Casa da Indústria Albano Franco. Na pauta a retomada do crescimento do Estado, o aumento da oferta de empregos e a melhoria do ambiente de negócios. Além de ouvir os parlamentares, a Fiema deve apresentar as ações dos órgãos vinculados Senai, Sesi, além de dados econômicos impulsionados no Maranhão pelo setor industrial. 

Premiação - O Consórcio Alumar foi eleito campeão na categoria Desenvolvimento Humano em ranking da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH), na premiação Ser Humano. A empresa conquistou a premiação com o projeto Adolescente Multiplicando Saúde, numa parceira com Fundação Alcoa e a ONG Plan International Brasil. O projeto promoveu e incentivou entre adolescentes e jovens conhecimentos e informações sobre direitos sexuais, direitos reprodutivos (DSDR) e igualdade de gênero.