13 de jan de 2018

Governo reajuste valor das parcelas do seguro desemprego para quem foi demitido cinco meses atrás

GIRO ECONÔMICO

Não é a melhor das notícias para quem perdeu emprego, mas serve de alívio: desde quinta-feira (11), os trabalhadores demitidos há até cinco meses e que ganhavam mais de um salário mínimo receberão mais dinheiro do seguro-desemprego. O valor do benefício superior ao mínimo foi reajustado em 2,07%, equivalente à variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano passado. Com o aumento, o teto mensal do benefício subirá de R$ 1.643,72 para R$ 1.677,74, diferença de R$ 34,02. 

O piso do seguro-desemprego equivale a um salário mínimo, que passou de R$ 937 para R$ 954 em 1º de janeiro, alta de 1,81%. Para quem recebia mais que o mínimo, o valor do seguro-desemprego é calculado com base em três faixas salariais.

O segurado demitido que ganhava até R$ 1.480,25 recebe 80% do salário médio limitado ao salário mínimo. De 1.480,26 a R$ 2.467,33, o valor equivale a R$ 1.184,20 mais 50% do que exceder R$ 1.480,25. Quem ganhava mais que R$ 2.467,33 recebe o teto de R$ 1.677,74.

Nordeste - Em áudio direcionado à população do Nordeste, o presidente Michel Temer destaca as principais ações do governo a serem continuadas este ano para atender os estados nordestinos e, também, para a estabilidade econômica do país. Dentre as ações anunciadas pelo presidente, estão a renegociação de dívidas de pequenos agricultores, as entregas de unidades habitacionais dentro do Programa Minha Casa Minha Vida, a liberação de recursos do FGTS e os investimentos na safra agrícola.

Combustíveis - Os preços da gasolina e do diesel - comercializados nas refinarias – aumentaram nesta sexta-feira(12) 1,4% e 0,7%, respectivamente, de acordo com informação da Petrobras. Para este sábado (13), a empresa já anunciou nova variação nos preços dos dois combustíveis: a gasolina e o diesel terão redução de 0,7%. As variações de preço fazem parte de reajustes frequentes praticados pela Petrobras, “em busca de convergência no curto prazo com a paridade do mercado internacional”, segundo a estatal.

Banheiros - O Prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) sancionou a Lei Nº 020/2015, de autoria do vereador Pavão Filho (PDT), que dispõe sobre a instalação de banheiros químicos nos retiros espirituais de São Luís, independentemente do credo ou denominação religiosa. 



Na solenidade de inauguração do trecho duplicado da BR 135, o prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, entregou ao ministro dos Transportes, Maurício Quintella, uma sugestão para que os trens da São Luís-Teresina sejam usados para transporte de passageiros



Funrural - A decisão do presidente Michel Temer de vetar mais de 20 pontos do programa de renegociação das dívidas de produtores rurais, o chamado Funrural, gerou reações no Congresso. Mesmo em recesso, deputados da bancada ruralista prometem se mobilizar para aprovar o texto sem alterações. Para isso, os congressistas precisam de maioria absoluta, no Senado e na Câmara, para derrubar as mudanças. Um dos pontos vetados é o que concedia descontos de até 100% nas multas e encargos das dívidas do Funrural. 

Empreendedorismo - O Instituto Tim está oferecendo pela sua plataforma Tim Tec cursos livres gratuitos a distância na área do empreendedorismo, voltados tanto para quem já possui e quer aprimorar um negócio quanto para quem tenciona se tornar um microempresário. Para desenvolver o conteúdo das aulas, o instituto recrutou os especialistas Alan Edelstein (Rede Ubuntu de EUpreendedorismo), Teco Medina (especialista em Finanças), Reginaldo Silva (empresário) e Flávia Meleras (advogada).

Nenhum comentário: