10 de jan de 2018

Municípios cortados pela São Luís-Teresina decidem criar o seu consórcio para reivindicarem royalties da mineração

GIRO ECONÔMICO

Foi realizada, segunda-feira (08), em Rosário, a assembleia de fundação do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Territorial da Rede Ferroviária Federal de São Luís/Teresina (CIDT Reffest), integrado por São Luís, Bacabeira, Rosário, Santa Rita, Itapecuru-mirim, Cantanhede, Pirapemas, Coroatá, Timbiras, Codó, Caxias, Timon e Teresina (PI). 

O objetivo é promover a unidade da região para dialogar e pleitear as compensações aos municípios por onde passa a estrada ferroviária, amparada pela Lei 13.540/17, também conhecida como Lei dos Royalties da Mineração, como forma de minimizar os impactos negativos deixados ao longo de décadas.

Na assembleia foi eleita a primeira diretoria, ficando composta por Irlahi Moraes (Rosário), presidente, e Marco Antônio Rodrigues (Cantanhede),Iomar Martins (Pirapemas), Fábio Gentil (Caxias) e Francisco Nagib (Codó), vices-presidentes para funções específicas. Leia reportagem em Maranhão Hoje.

Arroz - Estimativa da Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) indica que a produção mundial de arroz vai cair 3% este ano, devido à diminuição de áreas de plantio dos principais países produtores no mundo. Ainda de acordo com o estudo da CNA, no Brasil haverá leve queda de área plantada, por conta de menos investimentos dos produtores, pelas incertezas climáticas e porque o preço do grão caiu consideravelmente, forçando agricultores a venderem em 2017 seus produtos a menos do preço mínimo.

Investimentos - O diretor comercial de vendas da MRV, Alessandro Almeida, estima que a empresa investirá este ano mais de R$ 100 milhões no Maranhão com o lançamento de 1.271 unidades habitacionais em São Luís, o que no Valor Geral de Vendas (VGV) corresponde a R$ 202 milhões. Com esse investimento a empresa projeta encerrar 2018 com aumento de mais de 10% na sua força de trabalho. Ano passado, as vendas contratadas da MRV no estado somaram R$ 40,8 milhões nos primeiros nove meses do ano.

Inflação - O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial do país, fechou em 2017 com alta acumulada de 2,95%, resultado 3,34 pontos percentuais inferior aos 6,29% de 2016, segundo números do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). É o menor número desde a taxa de 1998 quando ficou em 1,65%.



A prefeita Irlahi Moraes (Rosário), no registro com o ministro Maurício Quintella, que nesta quinta-feira inaugura a duplicação da BR 135; os prefeitos Hilton (Santa Rita) e Fernanda Gonçalo (Bacabeira) e o deputado João Marcelo, foi eleita presidente do Consórcio dos Municípios cortados pela Ferrovia São Luís-Teresina

Repasse - O Ministério da Educação antecipou, terça-feira (09), a liberação de R$ 1.676.449,36 do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf) para que as unidades de saúde das instituições federais de ensino do Maranhão comecem o ano com dinheiro em caixa para realizar investimentos e planejar o início de 2018. O Comitê Gestor do Rehuf aprovou a liberação do recurso para o Hospital Universitário do Maranhão (HU), da Universidade Federal do Maranhão (UFMA). 

Atendimento - Ao participar, terça-feira (08), da inauguração do posto avançada da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) no Viva Beira Mar, o presidente da entidade, Fábio Ribeiro, disse que desde a inauguração desta repartição vinha trabalhando para que os serviços da CDL fossem ofertados também no local, ou seja, demorou, mas finalmente saiu, e isso é motivo suficiente para comemoração, pois descentraliza o atendimento que era feito apenas em sua sede, localizada na Rua da Estrela, no Centro Histórico.

Nenhum comentário: