28 de fev de 2018

Ao criticar nova composição do Conselho de Esportes e Lazer, deputado Eduardo Braide disse que o "coronel" Flávio Dino tem alergia a representação popular

Flávio Dino modificou a composição do Conselho de Esportes
Ao se pronunciar nesta quarta-feira (28) contra a Medida Provisória encaminhada pelo Poder Executivo à Assembleia Legislativa, propondo alteração na composição do Conselho Estadual de Esporte e Lazer, o deputado Eduardo Braide (PMN), numa crítica à nova composição do colegiado, disse que o governador Flávio Dino (PCdoB) tem "alergia a representação popular", pois só isto explicaria ele, além de reduzir de onze para sete o número de conselheiros, retirar diversos segmentos para preencher a maioria das cadeiras com representantes do governo.

Para Eduardo Braide, isto mostra que o governador tem uma vocação para "coronel", pois impõe sua vontade sem consultar os segmentos envolvidos em suas propostas.

Foram retirados do conselho, dentre outros, a Universidade Federal do Maranhão, a Associação dos Locutores e Cronistas Esportivos do Maranhão (Aclem), esporte amador e até o esporte paraolímpico, que estimula a participação de portadores de deficiência em atividades esportivas.

O deputado está propondo para segunda-feira (05) uma audiência pública para debater o assunto e espera que todos os setores prejudicados se manifestem para que a redação seja modificada ou que os parlamentares rejeitem a MP. Leia reportagem em Maranhão Hoje.

Nenhum comentário: