19 de fev de 2018

Obras da Prefeitura para recuperar o asfalto da Avenida Edson Brandão no bairro do Anil resistem apenas 72 horas

Asfalto recuperado pela Prefeitura, sexta-feira, no Anil durou apenas dois dias
Durou menos de 72 horas a obra realizada pela Secretaria Municipal de Obras (Semosp) na Avenida Edson Brandão, no bairro do Anil, para recuperar a pavimentação asfáltica em frente à Drogaria Pague Menos, na entrada dos condomínios Eco Park e Eco Space, que ficou comprometida com as chuvas da semana passada.  Vale ressaltar que a pista havia sido recuperada ano passado com a intensificação da parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura Municipal, pelo programa Mais Asfalto, porém só resistiu ao período de estio, já que bastaram as primeiras chuvas deste ano para surgirem diversas crateras em ambos os sentidos da avenida.

Os problemas começaram a surgir depois que a Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) transferiu a parada de ônibus que havia em frente a um posto de combustível para a frente da drogaria, sem que fosse providenciado pelo menos um teto para proteger os usuários do transporte coletivo da chuva e do sol. No local também havia uma faixa de pedestre, mas a tinta não resistiu ao movimento de veículos que passam pelo local e hoje quem a utiliza tem de contar com a boa compreensão dos motoristas, já que sinalização não existe mais, e os riscos de atropelamento são constantes.

Esta era a situação da avenida até sexta-feira, antes das obras da Prefeitura
Na última semana, com a intensidade das chuvas e o movimento intenso de ônibus e vans nessa parada, surgiram diversos buracos e após muitas reclamações a Semosp mandou uma equipe repor a pavimentação, sexta-feira (16). Quem passou pelo local nesta segunda-feira (19) percebeu que a massa asfáltica era de péssima qualidade ou o serviço foi executado sem o mínimo de cuidado, provavelmente sem uso do piche que faz a liga do barro com o asfalto, pois o serviço resistiu menos de 72 horas de chuva e tráfego.

Resultado: os moradores da área continuam prejudicados e a população assiste a mais um desperdício de dinheiro da Prefeitura com a execução de obras de má qualidade.

Nenhum comentário: