12 de mar de 2018

Em Imperatriz, Roseana Sarney sai em defesa do ex-presidente Lula, de quem foi líder no Congresso Nacional


No pronunciamento de sábado (11), em Imperatriz, a ex-governadora Roseana Sarney (MDB) saiu em defesa do ex-presidente Lula, condenado em segunda instância porque teria recebido um apartamento triplex em Guarujá, no litoral paulista, a título de propina. Ao discursar para simpatizantes, Roseana disse que não gostaria de criar polêmica com a Justiça, mas queria deixar bem claro que não concorda com o que estão fazendo com o ex-presidente.

Lula e Roseana estão juntos na política do Maranhão desde 2002, quando ele disputou pela primeira vez a Presidência da República e ela estava concorrendo a uma cadeira no Senado e tinha como candidato a governador José Reinaldo Tavares contra Jackson Lago. No cargo de senadora, ela foi líder do Governo Lula no Congresso Nacional e foi apoiada por ela na eleição de 2006, quando foi derrotada por Jackson Lago.

De volta ao governo, após afastamento de Jackson, pela Justiça Eeleitoral, Roseana governou com ele por um ano um ano e meio e em 2010 recebeu o apoio do PT contra Flávio Dino. Ela se reelegeu governadora e Dilma ganhou para presidente da República. Na eleição de 2014, o PT, mesmo havendo uma corrente no palanque de Flávio Dino, apoiou oficialmente a candidatura de Lobão Filho (MSB), que foi derrotado por Dino. Leia reportagem em Maranhão Hoje.

Um comentário:

Wemeson Lopes disse...

Em 2002 Lula disputou a Presidência pela primeira vez??? Parei de ler bem aí. Acho melhor você dá uma pesquisada, querido blogueiro! E outra, Roseana só começou a apoiar Lula, porque viu que ele ia ganhar. Antes disso ela apoiava o PSDB...chama-se oportunismo político.