6 de abr de 2018

Banco do Nordeste abre linha de financiamento para projetos empresarial e residencial de energia solar

GIRO ECONÔMICO

As pessoas físicas e jurídicas, micro e minigeradoras de energia elétrica, por meio de equipamentos fotovoltaicos instalados em residências e/ou condomínios residenciais, são as novas beneficiárias da linha do FNE Sol, operacionalizado pelo Banco do Nordeste. O anúncio foi feito quarta-feira (04), pelo presidente Michel Temer, em reunião conjunta dos Conselhos Deliberativos da Sudam, Sudene e Sudeco. De acordo com o presidente do BNB, Romildo Rolim, a ampliação do FNE Sol, que já contemplava pessoas jurídicas e empreendedores rurais, irá beneficiar milhares de famílias em toda a região.

Segundo ele, o banco já investiu mais de R$ 65 milhões para micro e minigeração de energia e está preparado para financiar todas as pessoas interessadas na aquisição dessa moderna tecnologia de energia limpa.

Para este ano 2018, o BNB dispõe de R$ 30 bilhões em recursos do FNE, sendo R$ 14,8 bilhões para infraestrutura. Somente em março, mais de R$ 4 bilhões foram contratados para diversas atividades econômicas, sendo R$ 2 bilhões para projetos na área energética. Leia reportagem em Maranhão Hoje.

Cesta - Em março, o custo da cesta básica em São Luís caiu 1,0% em relação a fevereiro, segundo levantamento do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE). O valor do conjunto de produtos ficou em R$ 353,16 e com isto a cidade apresentou o sexto menor valor entre as 20 capitais pesquisadas. Ainda de acordo com o levantamento, o trabalhador ludovicense com remuneração do salário mínimo cumpriu jornada de trabalho de 81 horas e 26 minutos para comprar a cesta.

Corrupção - O tema corrupção nas empresas, que é um dos assuntos mais discutidos nos últimos meses, foi debatido no 21º Encontro com Empresários, promovido pela Federação das Indústrias (Fiema), quarta-feira (04), em que foi abordado pelo ouvidor-geral da Vale, Alexandre Aquino, que mostrou como se obter um maior controle da gestão e evitar desvios que afetem as empresas e seus clientes. Outra palestra foi “Convalidação de Incentivos Fiscais”, pelos advogados André Menescal e Thiago Sarraf.

Pesquisa - A pesquisa CNI/Ibope sobre a popularidade de Michel Temer, divulgada nesta quinta-feira (05), mostrou que, apesar de ainda ser mal avaliado, o presidente teve sua popularidade melhorada na região Nordeste e entre os brasileiros de menor poder aquisitivo.

No Forum Econômico Brasil e Países Árabes, realizado em São Paulo, o presidente da Fiema, Edilson Baldez com a equipe da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), comandada pelo presidente da estatal, Ted Lago

Voz do Brasil - Uma antiga reivindicação dos empresários de radiofusão e ouvintes de rádio foi atendida pelo presidente Michel Temer, que sancionou, quarta-feira (04), lei que flexibiliza o horário de transmissão da Voz do Brasil, que até então, a transmissão ocorria de segunda a sexta-feira, sempre às 19h, o que obrigava as emissoras a interromper sua programação. A partir de agora, as rádios terão a liberdade de transmitir o programa entre as 19h e 22h, exceto aos sábados, domingos e feriados.

Incentivo - A Companhia Energética do Maranhão (Cemar) recebe até dia 13 inscrições para o Edital de Seleção de Projetos de Esporte e Cultura da Cemar 2018. Os patrocínios serão destinados a projetos aprovados por meio da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte e à Cultura. As inscrições são totalmente gratuitas e devem ser realizadas por formulário disponível no site da empresa com apresentação de projeto, planilha orçamentária, certificado de mérito ou protocolo de entrada do projeto nas secretarias de Esporte ou Cultura.

Nenhum comentário: