12 de abr de 2018

Vídeo da Sinfra com líder comunitário de Turiaçu sobre Escola Digna se caracteriza como crime eleitoral pela clara manifestação de pedido de voto ao governador

Um vídeo assinado pela Secretaria Estadual de Infraestrutura (Sinfra) que vem sendo veiculado nas redes sociais, salvo melhor interpretação, se caracteriza como crime eleitoral, pois encerra com um pedido de votos ao governador Flávio Dino (PCdoB), candidato à reeleição.

Nas postagens, a chamada para o filme tem a seguinte inscrição: "Programa Escola Digna. Nós, da Sinfra/MA, nos orgulhamos de fazer parte dessa história".

A gravação é com o líder comunitário José Ribamar Veloso, de Tauá, no município de Turiaçu. Veloso fala das dificuldades que eram enfrentadas na comunidade, superadas com a construção de uma escola digna e a colocação de água potável na maioria das casas do povoado.

Ao fazer o agradecimento, ele deixa a seguinte mensagem: "Muito obrigado, eu agradeço muito, e pode contar conosco. Eu tenho certeza que a nossa comunidade não vai lhe decepcionar na próxima etapa na eleição de 2018".

Não bastasse o pedido de voto, o abuso fica ainda mais evidente quando se verifica que a produção do vídeo foi custeada com dinheiro do Estado, ou seja, dinheiro público utilizado em favor de uma candidatura. O vídeo está disponível em vários grupos de Watsapp, Facebook e em blogs de simpatizantes do PCdoB.

Nenhum comentário: