6 de jun de 2018

Associação Comercial do Maranhão promove nesta quarta-feira debate sobre política de preços dos combustíveis

GIRO ECONÔMICO

Promete ser bem movimentada a reunião desta quarta-feira (06) na Associação Comercial do Maranhão, quando a diretoria do Sindicato dos Distribuidores de Combustíveis do Maranhão (Sindcombustíveis) vai explicar a sistemática de preços entre refinarias, distribuidoras e postos, bem como os cálculos com base nas composições de cada produto, como o biocombustível no óleo diesel e o etanol na gasolina, e ainda as cobranças de impostos pelos governos federal e estadual. 

O debate servirá para que sejam tiradas dúvidas também sobre como e quando vai se sentido na bomba o desconto de R$ 0,46 anunciado pelo presidente Michel Temer (MDB) a fim de acabar com a paralisação dos caminhoneiros. O encontro está marcado para a partir das 19h, no Palácio do Comércio, na Praça Benedito Leite.

O Sindcombustível será representado por membros da junta governativa que dirige a entidade desde o mês passado, já que a escolha do novo presidente está marcada somente para dia 26, quando será realizada assembleia geral com este objetivo. 

Encontro - Com a decisão do pré-candidato a presidente pelo PSL, deputado Jair Bolsonaro, de antecipar sua vida a São Luís, as entidades patronais mudaram também sua programação que estava prevista para sábado (16), por isto o jantar no Villa Reali Buffef vai ser realizado nesta quinta-feira (14) a partir das 20h. O encontro é coordenado pela Associação Comercial do Maranhão (ACM), Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), Federação do Comércio (Fecomércio) e Federação das Indústrias (Fiema). 

Diesel - Não foram apenas os caminhoneiros que se beneficiaram com o desconto dado pelo governo federal sobre os preços do óleo diesel para pôr fim à onda de bloqueio de rodovias que paralisou o Brasil por dez dias. Passam a contar com combustível mais barato também os proprietários das caminhonetes de luxo. Enquanto isto, os proprietários de Celta, Classic, Uno, Ka e outros modelos populares continuam pagando caro pela gasolina para manterem seus veículos em circulação. Coisas do Brasil! 

Com a venda das revendas Peugeot, Citröen e Hyundai para o Grupo 
Saga, Ângelo Gusmão, que era diretor comercial do Grupo Luz, ao qual 
pertenciam as três concessionária, foi mantido na nova equipe, 
como diretor da Gran Line, que revende modelos Hyundai importados
Concurso - O prefeito Domingos Dutra fechou acordo com o Ministério Público Estadual e a Prefeitura de Paço do Lumiar vai realizar, antes do início do ano letivo de 2019, concurso para contratação de professores de ensino inclusivo. 

Clonagem - Cinco deputados maranhenses já foram vítimas este ano de clonagem dos seus aparelhos de celulares para captação indevida de contribuição de eleitores. O primeiro deles foi o federal Cleber Verde (PRB), depois foi a vez de Adriano Sarney (PV) e agora Valéria Macedo (PDT), Vinícius Louro (PR) e Elziane Gama (PPS). De posse dos números, bandidos começaram a enviar mensagens via WhatsApp, utilizando contatos dos parlamentares para captar recursos indicando contas que não são dos políticos. 

Saga - Com a aquisição das três revendedoras do Grupo Luz, a Saga decidiu fazer algumas alterações no gerenciamento de suas empresas em São Luís. Moisés Amorim, que era gerente de vendas da marca Fiat foi deslocado para a Gran Car, onde será responsável pelas vendas dos modelos franceses da Peugeot e da Citröen, enquanto Ângelo Gusmão, que era diretor comercial do Gurpo Luz, foi deslocado para gerente da Gran Premiê, que é responsável pela venda dos modelos coreanos Hyundai (importados).

Nenhum comentário: