30 de ago de 2018

Banco do Nordeste abre linha de crédito para financiar instalação de energia solar em residências e empresas

GIRO ECONÔMICO

A partir de setembro, o Banco do Nordeste expandirá o acesso ao FNE Sol a pessoas físicas, para fins residenciais, que poderão financiar até 100% do investimento, com limite de até R$ 100 mil e prazo de pagamento de até oito anos e no caso de valores até R$ 50 mil, a garantia necessária será aval somado a alienação dos equipamentos; acima deste valor, será garantia real mais alienação dos equipamentos. A linha de crédito utiliza recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE). 

Ofunding, operado pelo BNB, dispõe de taxas de juros bastante atrativas, que permitem que as parcelas do contrato sejam equivalentes à redução projetada na conta de energia, após a implantação do sistema de compensação. Para pessoas jurídicas, os financiamentos podem ser de até 100% do valor do investimento, quando os equipamentos financiados forem alienados com outras garantias.

"Os equipamentos podem ser adquiridos, financiados, sem impacto nos gastos e o cliente passa a consumir a própria energia, renovável e limpa. Depois de quitado o financiamento, ficam apenas os benefícios da redução da conta", diz o superintendente de Negócios de Varejo e Agronegócio do BNB, Luiz Sérgio Machado. 

Trabalhista - Reforma Trabalhista - Após nove meses, o que mudou? Este é o tema da palestra a ser proferida na noite desta quinta-feira (30), a partir das 19h desta quinta-feira (30), na Associação Comercial do Maranhão, numa promoção da Câmara Brasileira de Mediação e Arbitragem Empresarial (CEBMAE). Os palestrantes são Eduardo da Costa Brito, especialista em Direito e Processo do Trabalho, e Marcelo Lobato, sócios do Escritório Silveira, Athias, Soriano de Mello, Guimarães, Pinheiro & Scaff Advogados. 

População - Com 7.035.055 habitantes, o Maranhão é o 11º estado mais populoso do Brasil, segundo nova estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) publicada nesta quarta-feira (29) no Diário Oficial da União. São Paulo (45.538.936), Minas Gerais (21.040.662 de habitantes) e Rio de Janeiro (17.159.960), na região Sudeste, são os estados mais populosos do Brasil. No Nordeste, é a Bahia (14.812.617); no Sul, Paraná (11.348.937); no Norte, Pará (8.513.497); e no Centro-Oeste, Goiás (6.921.161). 

Os advogados Eduardo Brito e Marcelo Lobato, sócios do escritório
Silveira, Athias, Soriano de Mello, Guimarães, Pinheiro & Scaff
Advogados proferem palestra sobre reforma Trabalhista na
Associação Comercial do Maranhão nesta quinta-feira
Cemar - A Companhia Energética do Maranhão (Cemar), em nota distribuída terça-feira (28), contesta a Ação Civil Pública (ACP) das Defensorias Públicas do Estado (DPE) e da União (DPU) sobre reajuste na tarifa de energia, pois quem determina o percentual é a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). 

Confiança - O Índice de Confiança do Empresário Industrial do Maranhão (ICEI-MA) cresceu 0,1 ponto em julho na comparação com junho, e marcou 54,9 pontos, segundo sondagem divulgada nesta quarta-feira (29) pela Federação das Indústrias (Fiema). Apesar da variação pouco expressiva, o índice se mantém acima dos 50 pontos e indica confiança dos setores empresariais. Fazendo a comparação com o mesmo mês do ano passado, o índice reduziu-se 0,4 ponto. No acumulado do ano, esse índice diminuiu 6,9 pontos.

Convênio - O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-MA) e o Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea) assinaram convênio no valor de R$ 214.750,00 para aquisição de equipamentos de tecnologia da informação e execução do Programa de Desenvolvimento Sustentável (Prodesu). Também foram conveniados R$ 168.909,97, do Programa de Desenvolvimento e Aprimoramento da Fiscalização (Prodafisc) e R$ 249.057,60 para treinamentos e aquisição de veículos, tablets e outros equipamentos.

Nenhum comentário: