7 de dez de 2018

Escolas de São Luís recebem projeto Hortas Pedagógicas desenvolvido em parceria pela Prefeitura e Embrapa

GIRO ECONÔMICO

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e o Ministério do Desenvolvimento Social – MDS irão implantar etapa piloto do projeto “Hortas Pedagógicas” em duas escolas públicas municipais de São Luís: a Unidade de Educação Básica (UEB) Jackson Lago, na área urbana, e a UEB Augusto Mochel, na zona rural, selecionadas pelas ações no âmbito da sustentabilidade ambiental. 

Desenvolvido pela Embrapa Hortaliças, o Projeto Hortas Pedagógicas consiste em um conjunto de capacitações que alia práticas de produção de hortaliças (aspectos agronômico) às práticas didático-pedagógicas da escola envolvendo toda a comunidade escolar – diretores, coordenadores pedagógicos, professores, alunos, nutricionistas, merendeiras e familiares. A iniciativa faz parte da parceria entre MDS e Embrapa para implantar hortas pedagógicas no Maranhão e Piauí, áreas com alto índice de vulnerabilidade social, visando contribuir com a segurança alimentar e nutricional. 

Na metodologia proposta, as hortas funcionam como sala de aula aberta e interdisciplinar, nas quais disciplinas básicas e temas transversais podem ser abordados, de forma prática, em todas as etapas do ensino fundamental e médio. Leia reportagem em MARANHÃO HOJE.

Moda  - Nesta sexta-feira (07), a partir das 20h30, a escadaria do Beco Catarina Mina será mais uma vez a passarela do desfile da estilista maranhense Têka Castellano - Têka Arts. O evento, que este ano tem como tema Quilombo, está em sua 16ª edição, já faz parte do calendário cultural de São Luís e reúne uma centena de pessoas todos os anos, entre amigos, admiradores e turistas. A marca Têka Arts teve início no ano de 1998, em Alcobaça (BA), local onde a proprietária abriu sua primeira loja em 2002. 

Certificação - O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) certificou 243 alunos dos centros de Educação Profissional e Tecnológica do Distrito Industrial, no bairro Tibiri, e Raimundo Franco Teixeira, no Monte Castelo, ambos em São Luís. As certificações foram para os concludentes dos cursos em Edificações, Eletromecânica, Panificação, Soldagem, Redes de Computadores, Informática, Eletrônica, Segurança no Trabalho e Eletrotécnica, que já estão encaminhados para o mercado de trabalho. 

O presidente do Sindicato dos Distribuidores de Combustíveis
(Sindcombustíveis), Leopoldo Santos Neto (C), venceu o prêmio Empresa
do Ano, pela rede de Postos Natureza. No registro, com o presidente da
Fecombustíveis,  Paulo Miranda, e o secretário de Indústria e
Comércio, Simplício Araújo

Aceleração - A aceleração do crescimento econômico, com criação de empregos e redução da pobreza e da desigualdade, só será atingida com as reformas da Previdência, tributária e de redução de gastos com funcionalismo. As recomendações são do Ministério da Fazenda, que listou 21 desafios para o próximo governo nos próximos anos. 

Empresa do Ano - O empresário Leopoldo Santos Neto, proprietário dos Postos Natureza, foi o grande vencedor do Prêmio Empresa do Ano 2018, cuja votação foi realizada nesta quarta-feira (05), na Associação Comercial do Maranhão. Com 85,7% dos votos, ele ficou com o titulo na categoria Grande Empresa. As outras empresas vencedoras foram Facial Farmácia de Manipulação, de Márcia Maciel, na categoria Média Empresa, e a Impacto Outdoor, do publicitário Jorge Maciel, na categoria Pequena Empresa. 

Cesta - O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) divulgou nesta quinta-feira (06) o resultado do levantamento de novembro sobre os custos da cesta básica. As maiores altas foram em Belo Horizonte (MG) - 7,81%, São Luís - 6,44%; Campo Grande (MS) - 6,05%; e São Paulo (SP) - 5,68%. As maiores retrações, Vitória (ES) -2,65%; e Salvador (BA) -0,26%. Apesar da elevação do mês passado, a cesta da capital maranhense é a sexta mais barata do Brasil.

Um comentário:

Anônimo disse...

Ideia legal, já vi em varias outras cidades e da super certo.