4 de dez de 2018

Raimundo Coelho quer melhor acompanhamento pela equipe técnica do Sebrae de novos projetos empresariais

GIRO ECONÔMICO

O presidente eleito do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Maranhão (Sebrae-MA), Raimundo Coelho, anunciou sexta-feira (30) que pretende implantar uma nova dinâmica no processo de acompanhamento, pelo órgão, na formação de empresas, principalmente no setor rural, onde as dificuldades para empreender pelos micro e pequenos são maiores. 

Segundo ele, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) tem realizado diversos cursos de empreendedorismo, os participantes chegam a elaborar seus projetos, mas não têm acompanhamento na execução, e com isto os negócios não conseguem ser implementados ou correm risco de terem pouco tempo de duração, por isto pretende que o corpo técnico do Sebrae seja mais presente na sua execução, o que certamente vai contribuir para o surgimento de muitas empresas no estado.

De acordo com Raimundo Coelho, algumas instituições financeiras, como Banco da Amazônia e Banco do Nordeste, têm interesse de entrar nessa parceria, pois sabem que bem orientado esses novos empresários terão facilidade de acesso ao crédito e se tornarem bons clientes. 

Bancos - A Federação Brasileira de Bancos deve firmar em breve convênio com a Fundação Getúlio Vargas e o Conselho Nacional de Justiça para serem oferecidos cursos sobre economia a magistrados, a fim de que os julgamentos sobre empréstimos ou financiamentos sejam sob a ótica do capitalismo, pois na maioria dos casos os inadimpletes conseguem amparo legal para não pagarem o que devem, sendo que alguns já recorrem aos bancos com a intenção de não pagar e isto faz com os empréstimos sejam tão caros no Brasil. 

Lançamento - O Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Maranhão, presidido por Júlio Moreira Gomes Filho, lança nesta quinta-feira (06), às 19h, no Espaço Casa de Portugal, no Convento das Mercês (Centro Histórico), a reedição do livro “Arte da Cosinha”, de autoria do cozinheiro João da Mata, editado pela primeira vez em 1876. A obra reúne receitas de jantares concebidos para as famílias reais de Portugal e do Brasil, detalhando como era a cultura gastronômica desse período. 

O livro Resposta ao Terno, do escritor e advogado Daniel Blume, 
tem ganhado asas para além do Maranhão. Acaba de ganhar  o 
Prêmio Moacyr Félix da União Brasileira de Escritores — Poesia, 2018. 
Também recebeu versões em francês e italiano, com lançamento 
na “Feira Internacional do Livro de 2019” na cidade suíça de Genebra

Feirinha - A Feirinha de São Luís, que se realiza todos os domingos na Praça Benedito Leite, no Centro Histórico, terá horário estendido em suas edições de dezembro, com atrações culturais até às 18h e funcionamento das barracas até às 22h. 

Premiação - Projetos sociais realizados pela Vale e Fundação Vale foram destaques no Prêmio Ser Humano 2018, realizado pela Associação Brasileira de Recursos Humanos do Maranhão (ABRH-MA). A empresa foi a vencedora de todas as colocações na categoria Sustentabilidade, com o projeto Casa Saudável, em primeiro lugar; Fortalecimento da Escola Pinóquio, em segundo; e empatou com dois projetos no terceiro lugar com o Quintais Produtivos e Projetos de Geração de Renda.

Inauguração - O empresário Arione Diniz inaugurou nesta segunda-feira (03), na Avenida dos Holandeses, no Calhau, em São Luís, mais uma loja de sua rede de óticas, a primeira do Maranhão com o conceito prime, que tem como principal diferencial, além do conforto, um mix de produtos personalizados, diversificados e exclusivos, isto é, voltada para o público mais exigente. Dentre as marcas disponibilizadas nas lojas prime das Óticas Diniz estão Chopard e Cartier, cujos óculos custam a partir de R$ 3 mil reais.

Nenhum comentário: