11 de jan de 2019

Após quedas consecutivas no preço de gasolina, Petrobras aumenta o óleo diesel comercializado nas refinarias

GIRO ECONÔMICO

O litro do diesel negociado a partir desta quarta-feira (10) nas refinarias está mais caro. De acordo com a Petrobras, o preço do combustível passou de R$ 1,8545 para R$ 1,9009. O diesel não aumentava desde 1° de Janeiro, quando subiu de R$ 1,8088 para R$ 1,8545. No fim de dezembro, a Petrobras anunciou a aprovação de mecanismo financeiro de proteção complementar à política de preços do diesel. 

Segundo a empresa, o mecanismo objetiva permitir a opção de adotar períodos de estabilidade no preço do produto por prazos curtos, em até sete dias consecutivos, em momentos em que houver forte oscilação nas cotações internacionais do derivado e do câmbio. O mecanismo de proteção já existe para a gasolina. A estatal vai definir o momento de aplicação do mecanismo ao produto, quando for registrada elevada volatilidade.

“O objetivo é evitar uma eventual alta volatilidade em períodos curtos de tempo, como a provocada pela passagem de furacões no Golfo do México”, destacou a Petrobras. 

Safra - Estimativa da safra de grãos 2018/19 divulgada nesta quinta-feira (10) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) indica que o Maranhão terá uma colheita de 5,421 milhões de toneladas este ano, o que representa diminuição de 2,9% ante as 5,585 milhões de 2018. Ainda de acordo com a Conab, a área plantada, que foi de 1,818 milhão de hectares na safra passada, deve aumentar para 1,825 milhão de hectares, ou seja, 0,4% de aumento, mas a produtividade deve variar de 3.071 quilos por hectare para 2.970, ou seja, -3,3%. 

Praça - A Praça João Lisboa, que já foi considerada maior centro financeiro de São Luís, tantos os bancos ali instalados – Econômico, Bandeirantes, Crédito Mercantil de São Paulo, Crédimos, Módulos, Real (hoje Santander), Banerj e outros – pode ter sua importância comercial recuperada com a criação de um sistema de transporte por micro-ônibus. A praça está fora da rota dos ônibus desde a gestão de Conceição Andrade (1993 a 1997) por ação do Ministério Público, que via risco de desabamento dos casarões coloniais. 

Um dos melhores exemplos da boa aplicação dos recursos é
o Restaurante Escola do Senac. Neste registro, a equipe de
cozinha fazendo demonstração do melhor da culinária maranhense
no Festival de Gastronomia do Rio de Janeiro realizado em dezembro
Projeção - O quarto levantamento da safra de grãos da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) mostra que a estimativa da produção nacional de grãos para a safra 2018/19 é de 237,3 milhões de toneladas, um aumento de 9,5 milhões de toneladas, o que representa um volume 4,2% superior. 

Itaqui - No encontro de quarta-feira (09) com o governador em exercício, Carlos Brandão, e deputados da bancada maranhense, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, não poupou elogios à estrutura portuária do Maranhão. “Quero registrar o excelente trabalho desenvolvido pela Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap). O Maranhão é expoente e tem se preparado para ter grande destaque na logística portuária e rodoviária de nosso país”, disse, antes de garantir que a duplicação da BR 135 vai se expandir. 

Ministério - O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, rejeitou o pedido feito pela Federação Nacional dos Advogados para suspender a decisão do governo de extinguir o Ministério do Trabalho e determinou a redistribuição das atribuições da pasta a outros ministérios. Toffoli entendeu que a federação não tem legitimidade para entrar no Supremo com uma ação de descumprimento de preceito fundamental (ADPF) para questionar a extinção.

Nenhum comentário: