5 de fev de 2019

De uma renda superior a R$ 1 milhão no jogo contra Cabofriense, Flamengo fica com apenas R$ 17 mil



Reportagem publicada pelo UOL nesta segunda-feira (04) revela quanto é difícil fazer futebol no Brasil. No jogo do último domingo (03) contra a Cabofriense, pelo Campeonato Carioca, o Flamengo atraiu para o Maracanã um público superior a 49 mil pessoas. A quase lotação do estádio proporcionou uma renda superior a R$ 1 milhão, mas o clube ficou com pouco mais de R$ 17 mil.

De acordo com a reportagem, dos mais de 49 mil que assistiram ao jogo, 46.784 pagaram ingresso. A renda somou 1.059.495,00, mas as despesas totalizaram R$ 1.018.235,27, ou seja, sobraram R$ 17.689, 38, isto é, 1,67%.  As despesas teriam sido com custos operacionais do estádio, além da taxa paga à Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) e impostos.

Apesar dos mais de 80 mil torcedores que foram ao Maracanã nas primeira e quarta rodada da Taça Guanabara, como mandante, o Flamengo também não obteve grandes resultados financeiros contra Bangu e Boavista.Na primeira rodada, mesmo com a presença de 43.761 pagantes, o clube lucrou apenas R$ 13.684,90. Diante do Boavista, teve prejuízo de R$ 208.102,26.

Nenhum comentário: