22 de mar de 2019

Conab orienta extrativistas maranhenses sobre as garantias de preços de produtos da sociobiodiversidade

GIRO ECONÔMICO

Representantes de associações e sindicatos de extrativistas do Maranhão participaram, nesta quinta-feira (21), de treinamento oferecido pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para participarem nas ações da Política de Garantia de Preços Mínimos para Produtos da Sociobiodiversidade (PGPM-Bio). Por meio dessa política, a Conab paga uma subvenção direta aos extrativistas, como um bônus após a comprovação da venda de sua produção por um preço inferior ao fixado pelo governo federal. 

Na ocasião, os participantes foram orientados sobre como preencher o formulário de prestação de contas e conhecer os detalhes do normativo vigente. Participaram do evento o Sindicato dos Trabalhadores Rurais da Agricultura Familiar no Município de Penalva, Movimento Interestadual de Mulheres Quebradeiras de Coco Babaçu de Viana e Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Matinha.

A PGPM-Bio foi implementada em 2009 com o objetivo de garantir o complemento de renda a povos e comunidades tradicionais. Em 2018, foram pagos em subvenção cerca de R$ 3,7 milhões a mais de 3 mil extrativistas em 19 municípios maranhenses. 

Salários - O governador de São Paulo, João Doria, sancionou nesta quinta-feira (21) o novo piso salarial regional no estado, que, a partir de 1º abril, passa a ser de R$ 1.163,55. O valor supera em 15%, ou seja, R$ 165 o valor do salário mínimo nacional, que é R$ 998. De autoria do Poder Executivo, a proposta que elevou o salário mínimo do estado tramitou em regime de urgência na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) e foi aprovada no dia 12 deste mês. O aumento no piso paulista foi de 4,97%. 

Uso da água - Para calcular o consumo diário de água em seus aeroportos, a Infraero utiliza quatro acionamentos de cinco segundos de cada caminhão que faz este transporte nos aeroportos de Campina Grande (PB), Curitiba (PR), Foz do Iguaçu (PR), Petrolina (PE), Recife (PE), Campo de Marte (SP), Vitória (ES), Juazeiro do Norte (CE), Marabá (PA), Palmas (TO), Santos Dumont (RJ), Pampulha (MG), Joinville (SC) e São Luís, onde estão instaladas as soluções para o reuso de água dos CCIs. 

Em visita a São Luís, o prefeito de Grajaú, Mercial
Arruda, foi ao Tribunal de Contas do Estado (TCE), parabenizar
o conselheiro Nonato Lago pelo seu retorno à presidência da instituição
Indústria - O Indicador Ipea Mensal de Consumo Aparente de Bens Industriais, que mede a demanda interna por bens do setor industrial, registrou um recuo de 1,1% em janeiro, comparado com o mês anterior. O cálculo foi divulgado nesta quinta-feira, 21, pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). 

Conscientização - Com o tema Pequenas Atitudes como gotas, evitam grandes desperdícios, a BRK Ambiental promove a conscientização e o debate público sobre a importância do uso consciente de água e do problema sério causado pelo desperdício dos recursos hídricos que enfrentamos em todo o mundo. Para comemorar o Dia Mundial da Água, nesta sexta-feira (21), a empresa promove, no Pátio Norte Shopping, das 15h às 17h, evento com palestra, jogos e atividades recreativas temáticas e uma peça de teatro. 

Conferência - Prática comum em lojas de atacarejo, a conferência de mercadorias após o cliente passar pelo check-out pode se tornar proibida em São Luís. O vereador Umbelino Júnior (PPS) é autor do projeto de lei que proíbe supermercados e similares fazerem conferência ou revista dos produtos adquiridos pelos clientes após o pagamento dos produtos no caixa. A proibição deve valer para o comércio de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios: armazéns, mercearias, mercados, supermercados etc.

Nenhum comentário: