3 de abr de 2019

Flávio Dino diz que 95% de suas obras são boas, ou seja, o que não presta é culpa de antecessores ou da natureza

Rodovia entre Paulino Neves e Barreirinhas, inaugurada 
em janeiro para impulsionar o turismo na região 
dos Lençóis Maranhenses
Na entrevista concedida, nesta terça-feira (02), a um pool de 31 emissoras de rádio em cadeia com a Timbira (oficial do Estado), na qual a maioria dos entrevistadores antes de formular sua pergunta não esquecia o "em primeiro lugar, gostaria de parabenizá-lo...", o governador Flávio Dino (PCdoB) garantiu que 95% das obras executadas na sua gestão "não têm nenhum problema", e não poupou críticas às que encontrou, ou seja, nada do que foi feito no Maranhão antes de 2015 presta.

Flávio Dino disse também que vai continuar ajudando os municípios na melhoria da infraestrutura, embora isto pavimentação de ruas e estradas vicinais não seja responsabilidade do Estado, o que é verdade, mas nem sempre é lembrado no momento de executar, principalmente se feita em momentos próximos de uma eleição, seja estadual ou municipal, pois é sempre o governo estadual que faz, com ou sem concordância da gestão municipal, nem sempre consultada se a obra é prioritária ou não e se o Estado poderia ajudar a população de outra forma.

Resultado de imagem para artec.africanos
Flávio Dino promete recuperar Avenida dos Africanos, mas 
esquece de mencionar de quem é a culpa pela sua deterioração
“A avenida dos Africanos, por exemplo, não é uma via estadual, mas já informei à Prefeitura de São Luís que, assim que a chuva parar, vou pavimentá-la inteira", disse Sua Excelência, sem mencionar, porém, que a via está em situação precária porque uma terceirizada do Estado, a Artec, é responsável pelo estado deplorável de sua pavimentação, por não fazer reparo de qualidade sempre que abre uma vala sob encomenda da Companhia de Saneamento Ambiental (Caema).

E quando surge um problema nas obras da atual gestão? Bem, aí alguém tem de ser responsabilizado, um antecessor ou a natureza. É o caso da MA 315, entre Paulino Neves e Barreirinhas, inaugurada em janeiro passado, mas que já está com a pavimentação comprometida. 

Por falta de planejamento ou por obra da natureza, MA 315, entre 
Paulino Neves e Barreirinhas, está com trafegabilidade comprometida
A estrada, segundo ele, foi prejudicada pelo volume histórico de chuvas que caiu no Maranhão nas últimas semanas, mas a construtora responsável pela obra já foi acionada para fazer os reparos. 

“Quando vejo que pode ter algum problema, determino a correção na mesma hora usando a garantia contratual. De modo geral, 95% das obras que fizemos não têm nenhum problema”, informou.

Nenhum comentário: