9 de mai de 2019

Banco do Nordeste decide reduzir as taxas de juros dos contratos para financiar de pequenas a grandes empresas

GIRO ECONÔMICO

Visando à realização de novos negócios e disponibilização de produtos cada vez mais competitivos, o Banco do Nordeste reduziu juros para capital de giro. A instituição passa a praticar taxas a partir de 0,45% ao mês para o produto FNE Giro, beneficiando empresas de todos os portes. Pequenas e médias empresas contam com 100% de recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) nas operações de crédito, o que garante as taxas de juros mais baixas do mercado. 

O crédito financia aquisição de mercadorias destinadas à constituição de estoques no comércio, aquisição de matérias-primas e insumos utilizados no processo produtivo por prestadoras de serviços e indústrias e gastos gerais para o funcionamento dos empreendimentos. Também está disponível para agroindústrias e empresas turísticas.

A garantia da operação pode ser aval, fiança ou hipoteca. Para empreendimentos que faturam até R$ 16 milhões por ano, 100% do capital de giro oferecido pelo Banco tem como fonte o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), operado exclusivamente pela instituição. Para empresas de maior porte, pelo menos 80% dos recursos são do FNE. 

Aeroporto - A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) entrega, nesta quinta-feira (09), as obras de revitalização do pavimento da pista de pousos e decolagens do Aeroporto Prefeito Renato Moreira, em Imperatriz. Os serviços, que receberam investimentos na ordem de R$ 30 milhões, foram executados em um ano, e cobriram gradualmente a reforma de toda a pista, que tem 1.798 metros de comprimento por 45 metros de largura. O evento será às 09h, com a presença da presidente da Infraero, Martha Seillier. 

Mineração - A partir deste mês, 24 municípios maranhenses cortados pela Estrada de Ferro Carajás, da Vale, passam a receber royalties da mineração, mas repasse está criando uma frustração entre os gestores, pois a aplicação desses recursos é regulamentada, ou seja, não cabe ao prefeito definir em que obra ou serviço investir. A presidente do Consórcio dos Municípios dos Corredores Intermodais do Maranhão (CIM), Karla Batista, já consultou o TCE, se é possível usar a verba para obras não previstas pela Lei 7.999. 

Futebol - Não foi apenas uma vaga na Copa do Nordeste de 2020 que o Sampaio perdeu com a derrota para o Confiança, mas R$ 600 mil para entrar na competição. Como futebol também é dinheiro, um prejuízo e tanto.

Resultado de imagem para temer e lula
Os ex-presidentes Luís Inácio Lula da Silva (E) e Michel Temer vivem
situações parecidas. O primeiro está preso em Curitiba (PR), onde cuimpre
pena por corrupção passiva e lavagem de dinheiro e o segundo teve sua
prisão preventiva confirmada pelo TRF2 por suposto comando de uma
organização criminosa.
Magalu - O Magazine Luiza, que semana passada anunciou a compra de nove lojas do Armazém Paraíba no Maranhão, comunicou comunicou, segunda-feira (06), à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) seus resultados financeiros relativos ao primeiro trimestre do ano fiscal de 2019. As vendas em todos os canais da companhia aumentaram 28% em relação ao mesmo período de 2018, atingindo um total de R$ 5,7 bilhões. O lucro líquido pró-forma foi de R$ 132,1 milhões e o Ebitda pró-forma R$ 318 milhões. 

Defensoria - Nesta quinta-feira (09), às 11h, será realizada na Assembleia Legislativa sessão solene em homenagem aos 18 anos da Defensoria Pública do Estado no Maranhão (DPE/MA) e ao Dia Nacional da Defensoria Pública. A solenidade promovida pela Assembleia Legislativa do Maranhão, por solicitação do deputado Neto Evangelista (DEM). Criada em 1994, a DPE foi instalada em abril de 2001, quando os primeiros defensores públicos de carreira foram nomeados, passando a atuar na assistência jurídica, integral e gratuita.


Nenhum comentário: