31 de mai de 2019

Mundo Verde inaugura no Imperial Shopping, na cidade de Imperatriz, a segunda loja de sua rede no Maranhão

GIRO ECONÔMICO

Como parte do programa de expansão, o Mundo Verde, maior rede de produtos naturais e orgânicos da América Latina, inaugurou sua primeira loja em Imperatriz, localizada no Shopping Imperial, maior centro de compras da cidade, sendo esta a segunda no estado, já que contaa loja na capital, no São Luís Shopping. Com esta abertura, a região Nordeste conta agora com 61 unidades do Mundo Verde. Até o fim deste ano, o plano de expansão da rede prevê a abertura de 50 unidades em todo o país. João Carlos Pacall, COO do Mundo Verde, destaca o potencial de Imperatriz. “A cidade possui o segundo maior centro populacional e econômico do Maranhão, juntamente com a capital. A chegada do Mundo Verde nesta região contribuirá para fomentar a economia local e gerar empregos”, destaca o executivo, complementando que o portfólio da rede inclui mais de 220 produtos de marca própria.

Na nova unidade, os consumidores poderão conferir itens da marca própria Mundo Verde Seleção, voltada a uma alimentação mais saudável no dia a dia, e Elixir, criada para cuidar da saúde e beleza das mulheres. A rede possui 400 lojas distribuídas pelo Brasil e está presente em 23 estados, além do Distrito Federal. 

O Mundo Verde, maior rede de lojas especializadas em produtos naturais e orgânicos da América Latina, é referência em qualidade de vida e alimentação saudável. Controlada pela Sforza, gestora dos investimentos do empresário Carlos Wizard Martins, o Mundo Verde conta com mais de 400 lojas em todo o Brasil.

Diversidade - O Serviço Social da Indústria (Sesi), órgão vinculado ao Sistema Federação das Indústrias (Fiema) reuniu empresários para um workshop sobre o Programa Sesi Gestão da Diversidade. A ação tem por objetivo promover a valorização da diversidade por meio do respeito às diferenças, evitando o preconceito e incentivando atitudes de igualdade de direitos para todos. Como projeto piloto, o programa será desenvolvido em cinco indústrias de São Luís, com ênfase na inclusão de Pessoas com Deficiência no mercado de trabalho, especialmente nas indústrias. 

Cultura - O Centro Cultural Vale Maranhão está com inscrições abertas, até 27 de julho, para o Edital Ocupa,  que vai selecionar projetos de todo o Maranhão para exibição nos espaços do Centro Cultural Vale Maranhão no segundo semestre deste ano. Podem ser inscritos projetos nas áreas das artes visuais, artes cênicas, audiovisual, música, cultura popular, literatura, seminário/palestra e evento/festival. A edital visa a apoiar artistas e realizadores maranhenses ou que estejam estabelecidos no estado há pelo menos três anos. Os projetos inscritos devem ser inéditos em São Luís.

No workshop do Sesi sobre diversidade, o vice-presidente
da Fiema, Celso Gonçalo (C), com o coordenador de Segurança e Saúde
na Indústria do Sesi,  Allan Kardec Ayres  Ferreira (E), e os empresários
Franklin Andrade, da Elétrica Visão, e  Francina Andrade,
da Panificadora Buona Massa, que participaram do evento.
 Globalia - Fortaleza (CE) deverá ser a primeira cidade do Nordeste a recebe voos da Air Europa, empresa que pertence ao grupo Globalia, que pretende investir no Brasil não apenas em transporte aéreo, mas em hotelaria, agência de viagens e outras atividades de turismo.

Doação  - Produtores de leite do povoado Trecho Seco, em São Francisco do Brejão, foram contemplados com um caminhão baú (frigorífico) adquirido por meio de emenda parlamentar do deputado federal Hildo Rocha (MDB), que atendeu a um pedido do prefeito Adão Carneiro. “O caminhão dará um grande impulso nas atividades dos pequenos produtores de leite e outros produtos que precisam ser transportados adequadamente em caminhão refrigerado. Eu já havia destinado recursos para a Codevasf e assim foi possível fazer a compra do caminhão que foi entregue para a Associação dos Moradores do Trecho Seco”, explicou Hildo Rocha. 

Saúde  - O Consórcio Alumar, as secretarias estadual e municipal de Saúde e a organização não governamental Plan International lançaram a campanha “Adolescente Multiplicando Saúde”, com o objetivo de capacitar adolescentes, especialmente meninas, para serem multiplicadoras em temas de saúde sexual e reprodutiva, direitos reprodutivos, gravidez na adolescência, doenças sexualmente transmissíveis e outras vulnerabilidades sociais. Já na sua segunda fase, o projeto foi lançado, na sede da Plan, com a participação de parceiros e representantes de escolas participantes.

Nenhum comentário: