14 de jun de 2019

Vale recruta mais de 300 estagiários no Maranhão no primeiro trimestre, segundo balanço social da empresa

GIRO ECONÔMICO

No primeiro trimestre deste ano, 320 jovens maranhenses ingressaram na Vale por meio dos programas de estágio e Jovem Aprendiz. Neste último, a empresa está oferecendo cursos técnicos nas áreas de Eletrônica, Eletrotécnica, Logística, Segurança do Trabalho, Edificações, Eletromecânica e Soldagem, realizados em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) com distribuição de bolsa-auxílio e benefícios. 

Os estagiários contratados neste período são universitários e alunos de cursos técnicos e foram selecionados para preencher vagas em áreas operacionais e administrativas da empresa. Além da bolsa-auxílio, os estagiários têm direito à assistência médica e seguro de vida. Como parte do balanço do primeiro trimestre de 2019, a Vale investiu R$ 14,6 milhões em projetos sociais nos municípios vizinhos às operações da empresa, a exemplo de Tufilândia, onde foi realizada a reforma e ampliação da Escola Municipal Francisco Ferreira Silva.

“Era um escola bem precária, só com duas salas de aula. A comunidade está feliz porque achava que aqui nunca ia ter uma estrutura como esta. Você não vê mais nenhuma parede riscada e a educação melhorou bastante”, conta o líder comunitário Marcos Danilo. 

Sistema S - Após lançar seu novo portal de negócios, o Programa de Desenvolvimento de Fornecedores (PDF), gerido pela Federação das Indústrias (Fiema), promove dia 18, na Casa da Indústria, o Encontro de Negócios do Sistema S, oportunidade em que fornecedores e distribuidores locais estarão frente a frente com gestores das áreas de compras e suprimentos das entidades do Sistema S (Sesi, Senai, Sesc, Senac, Sest, Senat, Senar, Sebrae e Sescoop) a fim de debaterem participação em licitações dessas entidades. 

Exposição - Nesta sexta-feira (14), no Centro Cultural Vale Maranhão (CCV), às 16h, será aberta a exposição Redes do Maranhão, do artesão Zé Branco, residente no povoado São Simão (Rosário). As redes serão expostas no saguão do prédio do casarão, localizado na Rua 14 de Julho (Praia Grande), onde a coordenadora do Maperarte, Paula Porta, falará sobre a pesquisa, a riqueza e diversidade das redes maranhenses: origem, materiais utilizados na produção e contatos dos artesãos, para encomendar diretamente com eles. 

A convite do diretor da Escola Superior da
Magistratura (ESMAM), desembargador Froz 
Sobrinho, a psicóloga e professora da 
Universidade Federal do Maranhão, Rosângela Maria 
Guimarães Rosa, e a socióloga e pedagoga Laiza 
Spagna - especialista no modelo Canvas de Gestão de 
Projetos e pesquisadora do Instituto Veredas – ministraram 
capacitação aos magistrados e servidores 
do TJMA para estruturação de um Laboratório de 
Inovação e Monitoramento de Políticas Públicas 
Judiciárias – o primeiro do país. 
Serasa - Até este sábado (15), o caminhão itinerante do Serasa estará em Brasília (DF), atendendo pessoas que queiram saber sua situação creditícia. Além da capital federal, o caminhão deve atender pessoas em São Luís (MA), Teresina (PI), Fortaleza (CE), Natal (RN), João Pessoa (PB), Campina Grande (PB), Recife (PE), Maceió (AL), Aracaju (SE), Salvador (BA), Vitória (ES), Belo Horizonte (MG), São Gonçalo (RJ), Rio de Janeiro, Nova Iguaçu (RJ), Santos e São Paulo (SP). 

Aposentados - O deputado André Fufuca (PP) apresentou uma emenda à PEC da reforma da Previdência Social na Comissão Especial que retira ambas as categorias de professores e militares da Nova Previdência. O parlamentar quer que as duas categorias não tenham as regras atuais de aposentadoria modificadas, para que não sofram prejuízos caso a Reforma da Previdência seja aprovada. Para ele, essas categorias já sofrem com o pouco reconhecimento social no caso dos professores e o risco inerente ao trabalho no caso dos policiais. 

Veículos - As vendas financiadas de veículos em maio somaram 519,1 mil unidades, entre novas e usadas, incluindo autos leves, motos e pesados. O número representa um aumento de 15,3% em relação a maio de 2018 e engloba veículos novos e usados em todo o País. Do total, 199,1 mil representam veículos novos – 18,7% a mais do que em maio do ano passado – e 320 mil, de usados, alta de 13,2% na mesma base de comparação. A alta tem relação com maio de 2018, quando a paralisação dos caminhoneiros impactou negativamente o volume de financiamentos de veículos no período, o que resultou em uma base de comparação menor.

Nenhum comentário: