17 de jul de 2019

Gil Cutrim diz que acata decisão do PDT e aguardará posição do Conselho de Ética para se pronunciar

Punido pela direção nacional do seu partido, nesta quarta-feira (17), com suspensão de suas atividades na legenda, por ter votado a favor do projeto da reforma da Previdência, o deputado Gil Cutrim (PDT) disse em breve comunicado que só vai se pronunciar sobre o assuntos após o julgamento final. Ele e mais sete deputados pedetistas não poderão representar o partido, tampouco tomar decisões por ele e vão aguardar 60 dias quando a direção nacional decidirá que outras punições serão aplicadas.

"Acato essa decisão temporária do PDT com a consciência limpa. Só me posicionarei após o parecer do Conselho de Ética, que deve sair em um prazo de dois meses. Durante esse tempo, vamos continuar o nosso trabalho e projetando o melhor para os assuntos legislativos do País. Nossa vida não para!", disse o parlamentar. Leia mais em MARANHÃO HOJE.

Nenhum comentário: