9 de ago. de 2019

Governo vai lançar editais para adoção de casarões e construção de estacionamentos no Centro de São Luís

O Governo do Estado deve enviar na próxima semana à Assembléia Legislativa uma medida provisória para oficializar o programa Nosso Centro, pelo qual prevê uma série de iniciativas para valorização da área tombada de São Luís, em parceria com a iniciativa privada.

Com a edição da MP, o Estado deverá lançar em seguida os primeiros editais para investimentos e a prioridade será para adoção de casarões e construção de estacionamentos.

A informação foi dada nesta sexta-feira (09) pelo secretário das Cidades e Desenvolvimento Urbano, Rubens Júnior, ao participar de um debate a classe empresarial na Federação das Indústrias(Fiema). Segundo ele, são 17 casarões para serem adotados por empresas e pelo menos cinco estacionamentos verticais e subterrâneos.

As áreas indicadas para estacionamentos - algumas ainda dependendo de estudos e autorização do Iphan seriam no Aterro do Bacanga, Rua do Outeiro (próximo ao Iema, antigo Marista), Praça Maria Aragão, Praça Benedito Leite e Avenida Pedro II (estes provavelmente subterrâneos), o que não implica dizer que serão obras imediatas.

As empresas que vencerem as licitações poderão explorar comercialmente esses imóveis pelo prazo de trinta anos.

Nenhum comentário: